sábado, 30 de agosto de 2014

sexta-feira, 22 de agosto de 2014

terça-feira, 19 de agosto de 2014

domingo, 17 de agosto de 2014

ACIDENTE AEREO E DESENCARNACAO COLETIVA

Uma abordagem interessantes sobre acidentes aereos e desencarnacao coletiva(pegando gancho nas ultimas noticias sobre os pilotos,o politicos e os assessores que morreram em Santos).
http://jorgehessenestudandoespiritismo.blogspot.com.br/2009/07/resgates-coletivos-ante-lei-de-causa-e.html

sábado, 16 de agosto de 2014

domingo, 10 de agosto de 2014

FELIZ DIA DOS PAIS


MORTE,PAIS E VIDA

Por Manoel Trajano

Certa vez eu conheci uma pessoa que se dizia ex-gótica e ela me confirmou que era prática visitar cemitérios,algo meio estranho e até mesmo mórbido para a grande maioria das pessoas.Mas o que ir ao cemitério quando alguem desencarna ou quando se vai prestar homenagens a alguem pode trazer de reflexao? O significado da morte para a linguagem da maioria pode valorizar a vida e o quanto é efemera a nossa passagem,nao importa quando iremos retornar a patria espiritual que é nossa casa de verdade.Nao sabemos o que acontecerá no proximo segundo,minuto,horas,dias,enfim,neste mundo materialista e quao somos imediatistas e nos prendemos a pequenas coisas,discussoes,besteiras ao chegar num lugar como cemiterio,que muita gente diz ter horror,sera o nosso destino,de todos nós.O que se dirá daquelas pessoas que nao tiveram direito a isso e foram jogadas em valas coletivas,comuns,ou mesmo desaparecidas em qualquer despenhadeiro,vitimas da epidemia de violencia que assola nosso país?Nao é sejamos nada como uns dizem,somos algo sim,centelha divina,espelhos do Pai embora a bondade ainda tenha sido lapidada do carvao para o diamante,pois mesmo na lama somos la no fundo pedras preciosas.Nao existe pessoas sem a bondade no coracao.Ta la dentro,so precisa ser descoberta,amada e revelada,mas precisa do esforco da mudanca e da paciencia do proximo,por mais dificil que seja.O exemplo que me veio a mente hoje do cemiterio é porque é um lugar,nao para se passeiar como um parque,jardim,praca ou praia,mas traz o destino do ser humano que vive na civilizacao na grande maioria.Mesmo sendo cremados,passa-se por la.Morbido para uns,para outros normal,natural,morte é vida tambem,é passagem,por isso o termo desencarnacao acaba por ser mais suave e consolador,porque morre a carne,a matéria,a veste pesada de uma vida,prisao do espirito na escola da vida pratica e letiva.O espirito leva consigo o sofrimento ou alivio,a bondade ou a maldade,as conquistas e as derrotas,mas os bens que nos apegamos ficam para tras,continuam na Terra,mesmo que esses bens sejam pessoas como uns tratam como posse.Uns vao dizer que a data da postagem pode ser inoportuna,mas nao,é que diz a maxima que "os filhos enterram os pais",mas o que tem ocorrido neste momento na terra é o contrario,visto as drogas,a qualidade de vida,os abusos do alcool e da velocidade,os apegos que nao permitem separacoes saudaveis mesmo sendo namorados jovens e ficantes que nao aceitam perdas(meninos que matam meninas),suicidios banais na esperanca de se tornar imortal na mente de fas,guerras civis cruéis,genocidios em massa em nome da religiao e ideologia que ceifam vidas de criancas,enfim onde está o amor nesta vida?Onde está o ensinamento dos valores morais,educacao e civica?A correria e a falta de tempo tem tirado isso dos pais para com os filhos?Pais aqui incluem maes e responsaveis! "Honrai a teu pai e a tua mae","Quem sao teus pais,quem sao teus irmaos",frases do Mestre Jesus que precisam ser lidas,estudadas e entendidas para serem praticadas.Achamos que somos imunes,livres de qualquer coisa malefica e quando testemunhamos uma perda alheia,nao sabemos como será conosco,por nossa vez vai chegar,é inegavel.Como lidar com isso,fingindo que nao existe e se iludindo em futilidades atraves de redes sociais e nos contatos cada vez mais anti-sociais em bares,restaurantes,praia e eventos de convivio como aniversario onde 90% está com um celular nao mao se conectando com outro e desconectando do sentimento,emocao e prazer real do lado,Tecnologia nao é para isso,é para suporte e nao supressao da realidade.Enfim,viva la vida loca....

sábado, 9 de agosto de 2014

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

DIVULGACAO

O Grupo Virtual Espiritualista IRMAOS DE LUZ ha 10 anos vem compartilhando mensagens via e-mail pelo Yahoo Grupos,aberto a todas as crencas,religioes,pensamentos,correntes espiritualistas,espiritas permutando vibracoes positivas de saude e bem estar com aprendizado de cidadania e humanidade.É um grupo moderado que evita abusos e perda de foco alem de dificultar acao de e-mails indesejados.Temos amigos de todo o Brasil num grupo modesto em numero de pessoas e confortavel de conviver sem excesso em sua caixa de mensagens.Criamos vertentes em forma de Comunidade aqui no Facebook,no Whats App,Twitter e no antigo Orkut,cada um a seu estilo.Ainda temos um Blog bacana que pode ser seguido e enviado sugestoes de textos para meu e-mail pessoal.Para se juntar ao grupo no Yahoo é so enviar um e-mail para irmaosdeluz-subscribe@yahoogrupos.com.br. Voce será muito bem vindo.Experimente!

GUERREIROS

Eles atuam nos bastidores e muitas vezes estao conosco e nós nunca agradecemos.As vezes bravos,grosseiros pela historia sofrida e sempre disponiveis.Detestam vitimismo,que nos facamos de coitados e querem que ergamos a cabeca para as dificuldades da vida.Muitas vezes em forma de anjo da guarda e/ou guias espirituais nossos.



"Guerreiros silenciosos!
Enchei vosso coração com o alento das batalhas...
E, parti a conquistar o mundo!

Depois, feridas sangrando, alma sofrida pelo horror do combate
Voltai ao lar que deixastes e reassumi vossos planos.
E então, saudade já morta, sorriso nos lábios...
Ide para o mundo dos sonhos,

E entregai aos deuses vossa espada
Para que vos guardem!
Descansai agora...
O sono vos dará forças para recomeçar...
Este direito vós conquistaste...
O DESCANSO DO GUERREIRO!"

Poesia..do..livro..*No Vale dos Nove Sonhos..de Silvio Bermann*,escritor,jornalista e radialista.
Postado por Andarilha às 14:41, 14/03/2011.

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

CAMINHO EM REFLEXAO

Por Manoel Trajano

Sempre é tempo de se renovar,se reinventar,se autoiluminar sem medo de encontrar com as próprias sombras.Nao precisamos passar por um grande susto ou perda para rever conceitos e atitudes,mas quase sempre é necessário.É a Vida nos chamando para um realinhamento no caminho da evolucao e do crescimento.O processo de um jeito ou de outro mexe,incomoda,dói mas os frutos benéficos sao certos,a curto,medio ou longo prazo,cada qual a seu tempo.Com que frequencia nos posicionamos no lugar do outro para saber se estamos fazendo ele feliz?Será que a aparente felicidade materialista ou imediatista nao está sendo conquistada por nós ás custas do sofrimento alheio?A partir do momento que se revë isso é o primeiro passo para a humildade e a reforma intima,afastamento do orgulho que se torna a trave do nosso olho e nos permite a chegada da luz divina.


segunda-feira, 4 de agosto de 2014

EXEMPLO

MUNDO

Mulher leva R$ 81 milhões na loteria, mas doa quase tudo que ganhou

Ganhadora estava desempregada na época. Após ganhar o prêmio, ela decidiu manter R$ 3 milhões e doar o restante

Atualizado em 04/08/2014 13:13:26
  

Depois de tirar a sorte grande, a irlandesa Margaret Loughrey, 48 anos, tomou uma atitude extremamente generosa. Ganhadora de um dos maiores prêmios da loteria do país, ela decidiu doar a maior parte do prêmio para ajudar pessoas necessitadas. 

"Eu sei o que é não ter nada. É por isso que eu 
estou dando o dinheiro", disse a ganhadora

(Foto: Reprodução/Facebook)

Margaret voltava do centro local, onde tinha ido procurar emprego, quando comprou o bilhete. Na ocasião, a irlandesa estava desempregada e sobrevivia de benefícios que ganhava do governo, em um valor equivalente a R$ 174 por semana. Ela não sabia que estava voltando para casa com um pedaço de papel que valeria mais de R$ 81 milhões na loteria europeia Euromilhões. 

"Eu saí de casa naquela terça-feira porque soube que havia uma vaga de emprego para a qual eu gostaria de me candidatar", contou a milionária para o jornal britânico Mirror. "Eu dificilmente tinha dinheiro para comprar um bilhete na Euromilhões, mas naquele dia estava com uns trocados na bolsa e me deu uma vontade repentina de gastá-los com isso". Ela escolheu uma modalidade chamada "Lucky Dip", onde a máquina escolhe os números pelo apostador - 19, 23, 27, 42  e 44.  

Quando Margaret acordou na quarta-feira e resolveu checar o resultado do sorteio, a irlandesa recebeu a maior surpresa da sua vida. "Eu fiquei em estado de choque, devo ter conferido o resultado umas dez vezes", relembra.  Depois que o susto passou, ela tomou uma decisão que foi mais chocante ainda. 

Margaret decidiu ficar somente com um milhão de euros, cerca de R$ 3 milhões. O resto do valor do prêmio, R$ 78 milhões, serão revertidos para fundos que ajudarão pessoas em situação de risco. Metade disto já foi gasto com ações de caridade.

"Eu sei o que é não ter nada. É por isso que eu estou dando o dinheiro. Eu não posso perder o que eu nunca tive. Passei metade da minha vida adulta desempregada e, a outra metade, com um salário mínimo. Então, eu sei muito bem como as coisas podem ser difíceis", garante.

Desde maio, quando Margaret recebeu o prêmio, ela também se tornou diretora de nove empresas criadas em Strabane, sua cidade natal na Irlanda. Entre os seus planos está tornar um vilarejo da região em um ponto de turismo e lazer, criando assim muitos empregos. "Todo mundo tem o direito de trabalhar para viver, para sustentar suas famílias, para comprar sua própria casa, para executar seu próprio negócio', disse a sortuda para o Mirror.

Ela também revelou que antes de vencer, sonhava se aposentar e se mudar para o sul da Espanha. Agora que tem as condições de tornar este sonho realidade, Margaret parece ter mudado de ideia. "Strabana sempre será o meu lar. Eu poderia murar em qualquer lugar do mundo, mas eu vou ficar aqui. Acho que só irei comprar uma casa maior, e de vez em quando tirar férias em uns lugares legais", concluiu.


Fonte: http://www.correio24horas.com.br/detalhe/noticia/mulher-leva-r-81-milhoes-na-loteria-mas-doa-quase-tudo-que-ganhou/?cHash=c892f25f9b9ebb931c381427d056c64b

domingo, 3 de agosto de 2014

PARABENS PLANTAO!!

Parabens a este grande servico prestado a sociedade que transpassa divisas e fronteiras por telefone e redes sociais!!!Abracos!!!


EDUCACAO VEM DE BERCO

POR MOTITE, ÀS 23:15 | COMENTAR

 

 

Como um acidente pode explicar o comportamento humano

 

O Brasil ficou chocado nos últimos dias de julho quando um garoto de 11 anos teve o braço direito dilacerado por um tigre. O "acidente" ocorreu em um zoológico de Cascavel, PR, quando o garoto, acompanhado do pai, pulou uma cerca de proteção, ignorou os avisos de manter-se afastado e provocou primeiro um leão e depois o tigre. O desfecho todo mundo viu: teve o braço amputado na altura do ombro e terá a vida inteira para refletir sobre esse ato "corajoso". Esse acidente é exemplar, em todos os sentidos.

 

Quem acompanha minhas colunas sabe que há décadas eu insisto no declínio na qualidade do ser humano em sociedade. Especialmente no Brasil, país que parece caminhar ladeira abaixo no campo das relações humanas.

 

Felizmente alguém filmou e mostrou uma imagem que retrata o que vem acontecendo em uma sociedade desacostumada a respeitar uma autoridade. O garoto ficou por cerca de seis minutos atiçando dois felinos de grande porte, conhecidos por qualquer ser vivente como predadores. Até as pedras sabem que esses animais se alimentam de outros animais desde que o mundo é mundo.

 

Imediatamente após a divulgação das imagens começaram os julgamentos, principalmente os do "contra" e "a favor", seja do tigre, do garoto, do pai, do zoológico, de Deus etc. No atual modus operandi social de palpitar sobre tudo houve a esperada distribuição de culpa para todos os envolvidos, alguns até tentando amenizar o lado do garoto sob a alegação de que era "incapaz" de avaliar os riscos. Será? Com 11 anos você não sabe a diferença de um gato para um tigre?

 

Deixando um pouco o tigre de lado, vamos lembrar um pouco das histórias da Bíblia. Sem a menor conotação católico-cristã, mas apenas como exemplo. Muita gente atribui o pecado original ao sexo, fazendo uma analogia direta da mordida na maçã com rala e rola entre Adão e Eva. Mas Deus não poderia castigar pelo sexo, senão inviabilizaria a reprodução humana e jogaria por terra o famoso "crescei e multiplicai". 

 

O pecado original que condenou Eva e seu amasio ao mundo terreno foi a DESOBEDIÊNCIA. Deus deixou bem claro: não coma a fruta dessa árvore! E quando virou as costas lá foi ela e nhoc! Não tinha uma placa na macieira do tipo "fique longe, não coma". Por trás da desobediência está o conceito que quero chegar: o desrespeito!

 

Voltando ao zoológico, qual o padrão de comportamento dos visitantes: enfiar o braço na jaula ou manter-se afastado? Se uma criança violou o padrão é preciso olhar para esse caso isolado e tentar entender melhor de onde vem o comportamento tão prepotente.

 

Hoje em dia existe uma enorme confusão aqui em terras brasileiras com relação à educação. Também já escrevi sobre isso. E é um tal de pais entregarem seus filhos às escolas na crença cega de que o pimpolho sairá de lá um lorde inglês e com conhecimento de filósofo alemão. Mas em casa o filho faz o que quer, passa o dia no videogame, desobedece os pais e eventualmente despreza a autoridade dos empregados.

 

Educação é aquele conjunto de regras transmitidos de pais para filhos como uma carga genética. O que a escola transmite é conhecimento. Portanto, escola não educa, quem educa é o convívio familiar. Já defendi mais de um milhão de vezes a mudança do nome de ministério da Educação para ministério do Ensino.

 

Pergunto, que tipo de pai pode gerar um filho tão incapaz de entender a regra mais elementar, bíblica e basilar da educação que é a obediência? Que tipo de exemplo esse garoto tem em casa para ignorar tão descaradamente os perigos que envolvem o enfrentamento de um animal feroz? Uma criança que atiça descaradamente um animal selvagem como o tigre respeita seus professores? Obedece seus pais?

 

É o reflexo da falta de cuidado na educação, não da escola, mas aquela da formação do caráter. Quem enfrenta um tigre não é corajoso - como escreveram alguns - ou simplesmente desobediente?

 

Chamou-me a atenção o comentário de vários jornalistas que reforçaram o fato de no momento do acidente não ter nenhum vigia, embora o zoológico tenha se defendido alegando que a área é monitorada por quatro fiscais.

 

Ora, jornalistas são pessoas esclarecidas, viajam e normalmente voltam do exterior sempre com uma história de civilidade na ponta da língua. Ficam impressionados que nos museus americanos o visitante deposita o valor em uma caixa que fica ali, ao alcance de qualquer um, mas ninguém pega. Contam - impressionados - que na Áustria as padarias deixam o leite fora e as pessoas pegam e depositam as moedas em um pote, sem ninguém vigiando.

 

Mas cobram o fato de naquele local do zoo não haver um vigilante. É ISTO que quero chamar a atenção: educação não é um comportamento expresso diante de fiscalização, o nome disso é obediência. Educação é o comportamento do indivíduo quando não tem NINGUÉM olhando!

 

Por isso a Prefeitura de SP instalou mais uma centena de radares e câmeras de vigilância, porque o motorista só consegue se manter educado sob constante fiscalização. Porque não foi educado. Os motoristas/motociclistas mal e porcamente foram instruídos, quando foram... E os ciclistas nem isso!

 

Pela ótica do jornalismo sensacionalista podemos perder a esperança em trânsito solidário sem que haja uma fiscalização opressiva e constante, como no zoológico. Não basta uma placa de proibido estacionar, precisa ter um fiscal. Não basta investir em passarela ou ciclovia, tem de fiscalizar. Não basta avisar que o leão é bravo, precisa colocar o braço lá dentro!


Fonte: http://motite.blogs.sapo.pt/o-tigre-o-menino-e-o-transito-110393


Manoel Trajano
Eng.Especialista em Segurança do Trabalho e Gás Natural
+55-71-9155-0556/8800-7713
e-mail/Gtalk :trajanomanoel@gmail.com
Twitter: http://twitter.com/manoeltrajano
Site: http://stv-engenharia.blogspot.com
Currículo Lattes:http://lattes.cnpq.br/8895443035893319 

sábado, 2 de agosto de 2014

REFLITA E APRENDA

O Ato De Bocejar na Casa Espírita

Um dos fenômenos que chama a atenção dos observadores atentos é o bocejo que muitas pessoas apresentam quando estão nos centros espíritas. Muito já se falou a respeito, mas quase ninguém conseguiu dar uma explicação lógica para o fato. 
Em nossas reuniões mediúnicas observamos que nas ocasiões em que os médiuns estão sob má influência, eles bocejam com certa frequência. 
Alguma coisa acontece com a organização física-perispiritual dessas pessoas, provocando o fenômeno.
Verificamos também que depois de darem passividade mediúnica, os bocejos cessam imediatamente, o que mostra que a causa se liga diretamente à fenomenologia da mediunidade.
Allan Kardec, em O Livro dos Espíritos, demonstrou que os fluidos perispirituais podem concentrar-se em alguns órgãos conforme a necessidade momentânea de cada criatura.
Assim, por exemplo, se uma pessoa está correndo, os fluidos perispirituais estarão concentrados nos setores mais solicitados do corpo físico, tendo em vista o exercício em questão. Acontece o mesmo com outras atividades orgânicas.
Um outro momento em que o ser humano boceja é quando está com sono. Qual seria o mecanismo para essa ocorrência? Talvez, se explicarmos uma coisa, poderemos encontrar a resposta para a outra.
Pensamos que uma hipótese pode ser levantada para explicar tanto o fenômeno natural quanto o mediúnico. 
É a do desequilíbrio fluídico do perispírito.
Achamos que o relógio biológico do organismo também funciona no corpo perispiritual. Aprendemos que o corpo físico é uma cópia grosseira do perispírito e, por isso, reflete toda a sua estrutura e mecanismos de funcionamento. Quando vamos dormir, alguma coisa nos coloca em condições para que o sono possa se estabelecer.
Possivelmente, é o relógio biológico que controla o fenômeno da sonolência física. Em determinados momentos e em certas situações, esse controlador natural do ser humano deve acionar um mecanismo fazendo com que haja uma concentração fluídica na área do cérebro, provocando um torpor na percepção da pessoa, predispondo ao sono. Essa concentração fluídica parece provocar o bocejo natural. 
Ao chegar o momento de dormir, é comum bocejarmos algumas vezes antes de nos entregarmos ao sono. É sinal de que está chegando a hora de repousar o corpo físico que se encontra esgotado.
Depois que dormimos, o inconsciente assume as funções biológicas do organismo físico e o Espírito, em alguns casos, pode libertar-se das amarras que lhe prende à carne e até ter experiências no além. Durante o repouso a situação fluídica perispiritual tende ao equilíbrio, fazendo com que ao despertar, a criatura sinta uma agradável sensação de bem estar.
No caso do bocejo provocado por Espíritos, possivelmente ocorre algo parecido, por meio das ligações entre o Espírito desencarnado e o médium. Temos conhecimento de que essas ligações se fazem através do psiquismo. Quando um medianeiro está sob má influência ou prestes a dar passividade a uma entidade desajustada, seu psiquismo fica como que impregnado de fluidos pesados, o que provoca um torpor mental semelhante ao sono físico, fazendo-o bocejar.
Já tivemos a oportunidade de receber tais tipos de influências nas atividades mediúnicas que desenvolvemos regularmente e nos foi possível sentir como elas agem contaminando o organismo perispiritual intensamente. Os bocejos são frequentemente seguidos de um forte lacrimejamento e a sensação é de profundo mal-estar.
Normalmente tais fenômenos ocorrem no período que antecede as atividades mediúnicas, principalmente no momento em que se está estudando o Evangelho. Depois do intercâmbio mediúnico, as impressões penosas cessam quase que imediatamente. Isso prova que elas estão ligadas à presença ostensiva de influências magnéticas baixas, que levam o perispírito do médium ao desequilíbrio fluídico. A "sujeira" energética concentra-se junto ao cérebro perispiritual e provoca um torpor artificial.
Quando observamos o fenômeno do bocejo nas sessões mediúnicas, geralmente ele está ligado a certas manifestações mediúnicas que vão acontecer na reunião.
Não são todas as manifestações de entidades necessitadas que provocam os bocejos. Nos casos pesquisados por nós, verificamos que se tratavam de Espíritos muito desesperados ou francamente maus que estavam junto dos médiuns.
Em outras situações, nos momentos que antecedem a palestra, por exemplo, observamos que o passe pode atenuar as ocorrências do bocejo. Ao derramar sobre o necessitado os fluidos salutares dos bons Espíritos, eles expulsam os fluidos malsãos que causam os bocejos, oriundos da atividade obsessiva.
Uma outra circunstância em que ocorrem os bocejos é nas ocasiões de benzimentos.
Existem um grande número de senhoras, chamadas benzedeiras, que aplicam passes em crianças recém nascidas que apresentam uma contaminação fluídica, popularmente chamada "quebranto" ou "mau olhado".
O problema da criança acontece quando pessoas adultas, que possuem uma atmosfera fluídica malsã, ficam com a criança no colo por muito tempo. A energia ruim que circunda a pessoa contamina a atmosfera espiritual da criança. Isso deixa o bebê irritado, prejudica o seu sono e em certas situações pode causar desarranjos orgânicos. Aos estudiosos mais conservadores, pode parecer que estamos falando de fantasias, mas a experiência demonstra que fatos são reais e perfeitamente explicáveis pela Doutrina Espírita.
Depois de alguns passes, normalmente a criança afetada volta à sua normalidade. Nada se faz de mais, a não ser derramar o fluido salutar dos bons Espíritos sobre a atmosfera malsã da criança, limpando-a dos fluidos nocivos.
Algumas benzedeiras têm o hábito de atrair o "mal" para elas. Depois de ministrarem o passe na criança, começam a bocejar seguidamente.
Afirmam que estão "limpando" a criança, mas na verdade o que fizeram foi agir com o pensamento, atraindo o fluido nocivo para a sua própria atmosfera psíquica, gerando na área do cérebro perispiritual o desequilíbrio fluídico que provoca os bocejos. Em todas as crendices populares existe um mecanismo da grande ciência do Espiritismo, que pode ser pesquisado por observadores.
Pode-se afirmar com certeza, que toda pessoa que boceja seguidamente no momento da reunião mediúnica, se não estiver sob a influência do cansaço, está sob má influência espiritual. A investigação mediúnica desses fenômenos pode ser objeto de estudo das casas espíritas sérias.
Autor: José Queid Tufaile Huaixan





EMIGRAÇÃO ESPIRITUAL ANUNCIADA

Toda a vez que se verifica episódio de destruição por fenômeno da natureza, é normal se retomar a reflexão sobre as razões disso tudo. Por isso, trazemos a informação do professor Allan Kardec, oportunizada em A Gênese, no capítulo XI, item 36:

"É notável que todas as grandes calamidades, que dizimam as populações, são sempre seguidas de uma era de progresso na ordem física, intelectual e moral e, por consequência, no estado social das nações nas quais se cumprem. É que têm por objetivo operar um remanejamento na população normal e ativa do globo."

Além disso, não se pode esquecer que a Terra e sua humanidade passam por importante processo de transição, quando se verifica uma mudança evolutiva.

Para a emigração espiritual anunciada pelos instrutores espirituais, pela qual já vem sendo transferidos os que aqui não mais se compatibilizam com os padrões renovados, "porque, doutra forma, constituiriam obstáculo ao progresso" [1], é preciso haver desencarnações coletivas.

Todavia a fase de regeneração planetária independe das calamidades naturais, consoante se depreende da afirmativa do codificador do Espiritismo:

"A atual geração desaparecerá gradualmente e a nova lhe sucederá do mesmo modo, sem que haja mudança alguma na ordem natural das coisas". [2]

Não estamos perto do fim do mundo, mas próximos de uma nova civilização...

_____________________
[1] A Gênese, capítulo XVIII, item 27.
[2] Idem.
Foto: Alessandro Bianchi (Reuters) - terremoto em Aquila/Itália.
Seara dos Espíritos



O que são Moradas Espiritais?

São as construções, as habitações, as cidades de onde procedemos. André Luiz nos desvelou uma das milhares de cidades espirituais, que é Nosso Lar. Da mesma forma que iam sendo construídas as cidades físicas, aqueles mesmos desbravadores espirituais quando se desligavam da Terra pela desencarnação, começaram também a construir, no Mundo Cósmico, conglomerados correspondentes. Nosso Lar, por exemplo, é uma cidade com aproximadamente dois milhões de habitantes. Situa-se numa faixa que corresponde à área de Campos dos Goitacazes, passando por Cabo Frio e alcançando a cidade do Rio de Janeiro, mais ou menos a sessenta quilômetros de altitude da periferia da Terra. É uma cidade como outra qualquer, sendo que a energia mental modela-a, qual um raio laser pode atuar em transplantar uma imagem de um lugar para outro, em desbloquear um rim que esteja obstruído, uma artéria que esteja com coágulos... Ele os atravessa e logra a desobstrução desejada.

NOTA PESSOAL:

So que nao podemos esquecer que trazendo do texto para a realidade objetiva,o LIVRE ARBITRIO é a ferramenta do progresso e faz-se urgente e necessario atuar diretamente pela pacificacao sobre aqueles que insistem em ser os agentes destas tragedias.Deixar o texto sobressair e ficarmos na zona de conforto ao criterio da justificativa da transicao é se omitir perante o processo e se caira no equivoco de deixar ao crivo do determinismo tipo "era pra ser" e "teve que ser assim".Isso nao é Espiritismo! A omissao do bem é tambem um mal e a sociedade precisa sair do seu conforto de tras da TV e do computador para intervir de fato em nome da paz. 
Manoel Trajano












MUITO IGNORAM ESTA VERDADE OU FINGEM IGNORAR



LEMBRA DESSA FRASE?


PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com