sexta-feira, 31 de julho de 2009

PALESTRA ASTRAL

Anteontem vivi claramente uma experiência diferenciada pela qual nunca havia passado. Foi tão nítida que embora hajam aqueles que vão dizer foi fantasia,imaginação,foi o inconsciente,foi imagens e sons da memória que se juntaram e num complexo jungiano ou freudiano possa ter conduzido ao fato em questão,eu tenho certeza de que tratou-se de uma projeção astral dentro do que se chama projeciologia,ou a ciencia que estuda a conexão do espírito com o Plano Espiritual através do cordão de prata ou fluídico que nos liga ao corpo físico,cujo perispírto com sua capacidade elástica gigantesca faz-nos conduzir a zonas umbralinas das mais diversas.
Eu estava numa rua de interior,calçada e com postes de concreto,fios que ajudavam a sustentar o projetor multimídia e o computador para realizar uma palestra pública há umas 5 pessoas,qual foi minha surpresa ao iniciar, à exceção de uma mulher que se encontrava na primeira fila de cadeiras,à minha esquerda todos começaram conversar sem prestar a atenção ao que,com o tempo,convenceram ela a tirar o foco tambem. Eu entrei naquela de tentar ainda continuar falando mas chegou um momento em que eu vi que estava perdendo tempo.Será que eu deveria continuar falando sozinho,insistindo? Não sei se acertei ao tomar a decisão de parar,pois nao tenho ainda essa capacidade de persistir,talvez porque a energia local nao estava me fazendo bem.Fui avaliar onde estava e parecia uma das ruas de minha cidade natal,numa praça bem conhecida.
A lição que te tirei é de que o trabalho não deve parar.Devemos continuar estimulando novos amigos a propagar a Doutrina Espírita. Faltam palestrantes.Faltam trabalhadores.Faltam Voluntários.Mas para isso é preciso estudar,ler bastante,viver a prática,ter contato humano com a caridade,solidariedade,não apenas com encarnados mas tambem com desencarnados.
Em nenhum momento eu citei que eu estava diante de desencarnados.Pode ser que sejam.Pode ser tambem que sejam encarnados que estavam dormindo e se encontraram comigo num lugar que estavam sintonizados,em qualquer cidade do mundo que entenda a minha lígua que eu falava,no caso o português.Poderiam estar misturados.Pode ser que aquela mulher foi arrancada de sua atenção por seus obsessores.Pode ser que meu sonho tenha sido imaginação.
Pode ser que não...

Manoel Trajano,31/07/09,16:20 h

JOELHO,BOLA E GOL

Há 3 anos venho numa caminhada de recuperação de um acidente esportivo ocorrido em Agosto/2006 com colegas de trabalho num Clube de Salvador e quão foi válido este aprendizado até aqui que implicou em paciência,tolerância,força de vontade em que alternaram-se momentos de acomodação psicológica e física e que muitas vezes levava a ganhos de quilogramas a mais mas sempre que o despertar da consciência batia a academia estava lá a espera. Não faltaram histórias desde o primeiro médico ortopedista que relatava os casos que lá chegavam na Urgência de uma forma fria e calculista,carniceiro que deixa minhas histórias de acidente de trabalho virarem contos de carochinha(imaginem aquelas pessoas que me chamam de insensível e frio diante de meu profissionalismo,eu sinto tambem mas tenho que administrar,não sufocar). Aparelhos de ressonância fizeram parte de minha vida e me fizeram chorar em momentos que meu grande amor por jogar futebol,no gol fosse encerrar ali.
Estou falando de meu joelho esquerdo que sofreu uma entorse com principio de ruptura no ligamento lateral(ainda bem que não foi no ligamento cruzado,diziam os médicos...ufa disse eu).De lá para cá foram sessões de fisioterapia com tens e gelo e minhas paradas com acomodação,relaxamento e quando me dediquei de volta para valer,mas sem controlar o peso,tão importante nesse processo,veio a alegria de saber que estava apto,pronto dois anos após o fato,assim liberado pelo médico que me acompanhava,profissional conceituado na área.E fui na minha reestréia depois de 15 anos,duas vezes por semana e mais 2,parado. Fiquei feliz da vida,joguei duas horas e nada senti,que alegria,que felicidade,agradeci tanto a Deus,pois havia superado a condromalácia,congênita que estava comigo. Estava?Claro que não,ela ainda estava lá.Uma semana depois eu me animei e saí do campo de barro para a quadra de salão.Ah a velha quadra que me conhecia tão bem e eu a ela.Eu parado,sem movimento durante a partida senti aquela dor de novo,estalando e sentei para tentar aliviar.Tome-lhe gelo e minha caminhada de recuperação recomeçou.
Tudo isso tem me ensinado que o amor pelo que fazemos implica as vezes em renúncia mesmo que momentânea,disciplina,dedicação,superação,paciência,humildade e resignação em aceitar que Deus sabe o que faz que é melhor para cada um de nós. Não esqueço as palavras do novo médico que procurei que disse que eu nao precisaria de Cirurgia mas sim de Fisioterapia,tem crescido minha admiração por esta área cuja amplitude,leque,diversiade de atuação tem me surpreendido. Volta e meia conheço uma fisiioterapeuta e atualmente Deus me agraciou com uma fantástica,bem humorada,motivada que tem me ajudado dando,mesmo nos dolorosos exercícios que são culpa da minha acomodação e fora de forma,mas me estmula tanto a continuar e ja tracei metas de ao final do ano estar de volta fazendo o que gosto,se for da vontade de Deus.
Mas porque será que estou falando de Joelho e qual sua relação com a Bola e o Gol?Todos sabem que Futebol é paixão nacional,no meu caso é amor e em especial o Futebol de Salão,mais do que o Society e Campo Oficial.Aliás ela me informou que o Society é o pior de todos em termos de absorção,impacto e lesões.Aprendi a lição. Foi no society que me lenhei(me ferrei,bem baiano essa...) Mas,sem traumas.Superação e Esperança. Joelho é equilíbrio,sustentação,articulação e no meu caso o esquerdo é apoio,pois sou Destro.Gosto de brincar que minha esquerda é cega e a direita,caolha(risos).Pode rir tambem.Todos riem(risos). Mas desempenho bem minha posição. Como a propaganda de um cartão que está veiculando na TV atualmente é bem feita a frase de que "o futebol é bem mais que a bola" e é mesmo.É torcida,é vibração,é a camisa que vestimos,é a pipoca que comemos de nervoso no estádio,ou o amendoin que jogamos na nossa boca.Eu vôo junto com o goleiro.Amo isso. A bola na sua forma esférica quer dizer centralização.Raio igual para todos os lados,bem diferente da "bola" do futebol americano cuja violência,virilidade e impacto salta aos olhos.Coloquei aspas porque não é esférica e sim oval,elíptica(elipse é uma figura geométrica plana cuja distância horizontal é diferente da vertical,a partir do centro,lembre do Ovo). É um elipsóide.Pronto!
Com relação ao Gol que pessoas como eu defendemos,chamados nós de arqueiros cuja escola formadora é a antiga União Soviética(pelo amor de Deus esqueçam do Comunismo,não tô falando disso aqui) em que aos meus 9 anos ja admirava Dasayev(URSS) e Zoffi(Itália),depois vieram Prooudhome(Holanda),Shilton(Inglaterra),Rodolfo Rodriguez(Bahia,Uruguai) entre outros estrangeiros. Como aqui no Brasil começou-se o destaque com Taffarel,por coincidencia veio a ser meu apelido que até hoje me encontram na rua e assustam aqueles que atendem o telefone lá em casa(minha mãe que o diga"não é aqui não,ligou errado sr..."risos). Dida(o E.C.Vitória nos deu algo que preste...brincadeira tricolor), Julio Cesar, Sidmar(os tricolor vão lembrar dele),nosso gato Félix,Raul,Benitez e outros tantos. Infelizmente brasileiro adora fazer humor ou marcar quem não merece pagar o preço de nossa incompetência coletiva ou falta de merecimento divino.Detesto quando fazem bodes expiatórios e assim massacraram o pobre Barbosa,mesmo antes e depois de morto(chegou-se ao ponto do presidente atual da CBF não permitir a visita,ja do goleiro velhinho de visitarTeresópolis sob o pretexto de dar azar,às vésperas da Copa do Mundo.Ridículo). Tomo as dores mesmo! Ah,bom! Devem ter as traves ou "3 paus" e não 4 como dizem é pura arte. Arte de fazer ponte,se esticar,defender,liderar organizando a defesa e as vezes meio campo e ataque. Nunca joguei oficialmente para ter uma braçadeira de capitão.Modéstia a parte me dariam(risos).Brincadeira!Sempre briguei muito,defendendo minha esquipe e cobrando o melhor deles conhecendo seus potenciais.Sempre dei sangue (literalmente) quando me ralava todo. "Agarrava" em garagem de prédio,piso de azulejo em play-ground,asfalto quente,areia de praia,barro,salão,campão,society até baba porrada jogava no colégio.Sempre no Gol.Mas nao havia violencia,briga física.Era brincadeira que acabava depois no refrigerante,na cerveja gelada e nas gozações. Depois do trabalho era uma delicia,descia direto para la de busu ou carro.Na Graça,meu cantinho,minha familia de marmanjos.Mulher não ia!(risos).
A música "É uma partida de futebol" do Skank é a maior declaração de amor que já fiz sobre o que é viver o futebol seja na torcida ou jogando(veja em http://letrasquemarcam.blogspot.com) ao contrario do que homens(poucos) que não gostam dizem que nem mulheres"22 homens atrás de uma bola". Atrás só nao,do lado,na frente,por cima.É o sexo de quem ama a gorduchinha,a redondinha que dá amor e prazer,paixão e saudade,que se torna inesquecível. Pegar na bola,acariciá-la,conhecer o tempo de bola no ar,sua física,sua química,sua mecânica,sua filosofia é muito mais do que somente jogar bola,é levitar e pairar no ar e recomeçar a nova tentativa de fazer um gol. Gol de goleiro já fiz.A emoção é dobrada. Defender uma bola "indefensável" parece uma contradição mas é o que chamamos de milagre,"fazer chover". 10 defesas espetaculares não pagam um "frango". Numa terra de artilheiros como Pelé,Zico,Sócrates,ser goleiro é raridade mas não esqueço de um garotinho que me perguntou" você nao joga na linha não?"(jogar na linha é correr em campo,exceto goleiro),ao que respondi "não". Na semana seguinte o menino estava lá todo vestido de Goleiro do São Paulo,com luva e tudo e assistiu meu baba. Fiquei tão emocionado com aquilo que me motivou e me ensinou que somos exemplos para muitas crianças e adultos que precisam de inspiração,contra tabus e preconceitos do tipo"goleiro é coisa de maluco","ficar parado e não sua". Mentira. Goleiro vive de movimentos rápidos,inteligentes,decisivos,de "explosão",bruscos e firmes. É de extrema responsabilidade,tal qual um trabalho intelectual. No Brasil se valoriza que tem trabalho físico,braçal e nao se valoriza trabalhos mentais,responsáveis e criativos sob alegação equivocada de que se "ganha sem trabalhar". É uma lição que me enche a alma poder passar tudo isso para vocês que me leem e deem valor as escolhas dos seus filhos,irmaos,amigos,colegas. Minha familia sempre me apoiou,embora eu tivesse com parâmetro meu irmão Zé(terceiro de quatro,eu sou o caçula) que até hoje aos 44 anos com corpo de jovem em forma corre,joga futvolei,corre e é craque. Jogava contra ele e adorava porque era mais difícil,aprendia tanto e sou grato a Deus e a ele por tudo nessa area de minha vida).Ele é meu oposto,é caladão(risos).
Estou aqui na minha caminhada louco para voltar a jogar,acreditando em dias melhores,perder uns 10 quilogramas,ganhar massa muscular,fortalecer o joelho que é meu apoio,meu sustento e hoje estou muito mais amadurecido,mais sereno e menos ansioso em relação ao tempo de minha volta.Ainda vou ensinar tudo isso a muitas crianças,sejam elas minhas ou de outros.
Vale a pena acreditar no que você gosta,adora,ama e tem prazer.As adversidades da vida estão aí para isso.As pausas são necessárias. Nada é finito.Nada é para sempre.Nem as paradas nem a nossa vida aqui encarnados. Pensei varias vezes em contar um pouco de minha história por uma questão de exposiçao como alguns me falam,mas tenho sempre o objetivo de ajudar,inspirar coisas boas,motivar,acreditar. Somos todos Irmãos de Luz,iluminados pela luz de Jesus Cristo,nosso Pai e Mestre.
Manoel Trajano,31/07/09, 15:20 h

We are the children

We are the children
Elisa Lucinda

Quem me conhece sabe que não é do meu feitio batizar em outra língua uma publicação brasileira. Mas o título exerce dominação no meu peito esta semana em que fui mestre de cerimônia nos jardins do Palácio Guanabara, repleto de suas habituais autoridades e de cidadãos que raramente frequentam estes ares. Era lançamento nacional do programa Plataforma dos Centros Urbanos, uma iniciativa iluminada do Unicef, que viabiliza ações de desenvolvimento integral dos indivíduos nas cidades, a partir do olhar desta galera.

São eles os GAL’s(Grupos Articuladores Locais)compostos de jovens que entrevistam, pesquisam sobre o que é vulnerável em sua comunidade, e conduzem a realização de prioridades e demandas de sua aldeia, digamos assim. Era também nesta tarde a posse de Lázaro Ramos, queridíssimo ator baiano, como embaixador do Unicef. Pois quando Marie Pierre, diretora do Unicef, me deu a palavra para que eu o homenageasse, a reflexão que tomou o proscênio de meu afeto foi a seguinte: no momento em que o mundo se despede precocemente de seu ídolo pop negro mais polêmico e criativo, este fato ganha novos recortes.

Michael foi um menino abusado, explorado, castigado e mal criado pelo pai com a passiva e, não menos cruel, cumplicidade da mãe. E o pior, não só a sua aldeia, mas estas torpes histórias o mundo todo comentava. Um gênio maravilhoso, cuja infância foi roubada e cujo talento em vida sustentou aquela cambada, aquela mórbida e fria família, cujos olhos já brilham com os lucros da morte de seu gênio valiosíssimo. Um menino que ensinou ao mundo os passos da lua e era chamado de macaco pelo pai monstro com cara de cafetão escroto, morreu inseguro, infeliz, esfacelado nos trapos da palavra identidade, desfigurado, retalhado na face, frágil, doente, anoréxico e esbranquiçado, depois de ter sido o primeiro a, com sua música pioneira e única, unir as vozes brancas e negras na América e fora dela.


O mundo testemunhou a tragédia de um mártir que inscreveu no corpo, na cara, nas bizarras atitudes no patético castelo de horrores da terra do nunca, as contradições, as injustiças, o racismo e a crueldade de uma nação chamada de primeiro mundo e de uma civilização omissa e equivocada. Esta morte pode ser um alerta. O menino violentado ainda pequeno, afanado em seu direito de ser criança, não cresceu e, o que nele cresceu, não gostou do que viu. A dependência crônica dos analgésicos grita em nossos ouvidos como lhe doía viver. Mas me pergunto por que um milionário que foi sacaneado na infância e impedido de se construir fora dos palcos, uma vez que a base de seus casamentos e relações pessoais parecia seguir as leis da ficção, por que este homem rico de grana e tão comprometido psicológica e emocionalmente, morreu sem tratamento adequado?

Ser um homem de cinquenta anos, cheio de Mickeys e Peterpans pelas paredes de seu quarto, criar aquela face indescritível de batom sob um nariz sem cartilagem e sob olhos infantis muito tristes não era bizarro, era loucura. Ele estava dodói e poderia, com uma boa terapia e tratamento psiquiátrico, ter tido um outro destino onde seu talento pudesse realizar o mundo e a ele mesmo ainda mais, onde ele pudesse se libertar de vez daquele demônio paterno.


Meu Deus, e agora estava eu ali, diante de Lázaro, aquele brasileiro negro lindo, talentosíssimo, coerente em suas ações como artista, cidadão, solidário, antenado com suas responsabilidades neste mundão segregacionista, idealizador e apresentador de um programa chamado “Espelho”, e que, por isso mesmo dispensa explicações, egresso de um daqueles bairros pobres de Salvador mas que, dentro de toda a pobreza, foi criado como menino seguro, forte, amado pelo pais, ancorados no amor por si e pelos seus. Ouvi o discurso simples do jovem embaixador, sua brilhante inteligência sob cabelos muito bons e crespos, um sorriso luminoso e delicioso, com aquela mesma cara ensolarada do primeiro Michael, o menino de ouro do gupo Jackson Five, de nariz largo, voz linda, cheio de sonhos cantando I’ll be there.


Lázaro foi emblemático para mim naquela tarde de uma cerimônia patrocinada por uma instituição cujo foco, cuja mola mestra é a infância. Meus senhores, não há futuro possível sem uma infância e adolescência cuidadas. É uma conta que, geralmente, desanda. Ainda tem muito menino preto que cresce achando que só pode lhe sobrar ser “Thriller” e “Bad”, ser preto e mau. O tema é amplo, toda criança, de qualquer tom ou origem social, merece uma opção de vida cidadã.

Então, ao mesmo tempo em que meu coração chorava em luto por quem foi talvez a mais triste e genial criança americana, uma forte luz vinha daquela tarde representada em Lázaro, como a me dizer que novos tempos se anunciam. No momento em que a crise do mundo quebra as pernas da arrogância da razão, novas plataformas mais emocionais, mais humanas, mais responsáveis, surgem para dar a mão e novas saídas para o menino mundo; o que sempre é e sempre será feito de ex-crianças, de crianças que cresceram .
Uma criança que não tem a infância roubada, pode envelhecer em paz, e, sem enlouquecer, viver pra sempre.
Enviado pela colega Rita Macedo/BA

quinta-feira, 30 de julho de 2009

O bem que falta

Em uma conhecida passagem do Evangelho, Jesus afirma que o homem vê mais fácil um argueiro no olho do irmão do que uma trave no próprio olho.

Trata-se de uma velha fissura da Humanidade, consistente na hipocrisia.

A criatura tende a desculpar em seu comportamento o que critica no agir do semelhante.

Contudo, no estudo do aperfeiçoamento da conduta, o homem deve começar por vigiar a si próprio.

Ele precisa corrigir-se em tudo aquilo que lhe desagrada no semelhante.

Muitos pregam contra os desperdícios dos administradores públicos.

Entretanto, instalam-se entre as paredes domésticas de forma exagerada.

É como se acreditassem ser destinados a atravessar a existência em uma carruagem de luxo, sobre lixo dourado.

Enquanto isso, muitos padecem de fome e de frio.

Outros criticam as autoridades, afirmando que são os verdugos do povo.

Mas, no recesso do próprio lar, esses críticos tiranizam os seus modestos auxiliares.

Há os que amaldiçoam a guerra e todos os que a promovem.

Contudo, no ambiente familiar, são truculentos quais feras selvagens.

Incontáveis homens apregoam a necessidade da pena de morte para os que enlouqueceram na delinquência.

Mas eles mesmos, perante pais, amigos e irmãos, manejam o punhal invisível da ingratidão.

Muitos lideram primorosas campanhas de socorro à infância desprotegida.

Ainda assim, enxotam, sem piedade, o primeiro menino infortunado que lhes roga auxílio.

Há quem se orgulhe de sua inteligência e cultura e se diga incomodado com a ignorância alheia.

No entanto, não se lembra de ensinar a quem ainda ignora as primeiras letras.

Vários dominam os intrincados ensinos da filosofia e são capazes de falar com brilho sobre ética e virtude.

Entretanto, encastelam-se no conforto individual, afirmando que a caridade é fábrica de preguiça.

Outros ensinam com sabedoria sobre bondade e simpatia.

Mas se movimentam, em seus recintos privados, entre melindres e aversões.

Não há nada de errado em refletir sobre equívocos, em saber, em falar e em ensinar.

Ocorre ser necessário conjugar reflexão, sentimento, palavras e atos, a fim de que o bem se faça pleno.

Quem consegue identificar o equívoco alheio também consegue perceber a própria realidade, desde que deseje.

Ninguém se torna sublime em um instante, mas é preciso tentar com sinceridade.

Primeiro, silenciar em si o vício de criticar gratuitamente o semelhante.

Segundo, retificar os próprios sentimentos e disciplinar os pensamentos.

Por fim, habituar-se a fazer todo o bem possível, sem esperar aplausos.

Para que você se pacifique, o bem que lhe falta não reside na conduta dos semelhantes.

O que o há de pacificar e conduzir à plenitude é o bem que você pode fazer, com os recursos que já possui.

Pense nisso.



Redação do Momento Espírita, com base no cap. L,
do livro Justiça Divina, pelo Espírito Emmanuel,
psicografia de Francisco Cândido Xavier, ed. Feb.


Mensagem enviada por Raimunda Gesteira/BA

Os desígnios de Deus

Quantas vezes já nos escutamos dizendo Seja o que Deus quiser?

Quantas foram as vezes que encerramos um assunto comentando Foi a vontade de Deus?

Ou ainda, das vezes que oramos o Pai nosso, prestamos atenção de que sempre solicitamos que seja feita a Sua vontade e não a nossa?

Muito embora esteja na cultura das ruas, nos ditos populares entender que a vontade de Deus é a mais adequada, será que cremos nisso de verdade?

Você já teve arrancado de seu convívio íntimo, pelo fenômeno da morte física, alguém que amava muito? Já teve a doença minando a saúde de alguém que lhe é caro e você se sentindo impotente?

É comum nessas situações a revolta tomar nossa intimidade. Mas por que orar pedindo a Deus para que seja feita a Sua vontade, se quando ela Se cumpre nos revoltamos?

Algumas vezes, perante os desígnios do Pai nos comportamos de maneira infantil.
Quando a vontade Dele não é a mesma que a nossa, brigamos com Ele.

Você já percebeu o que ocorre com uma criança mimada, quando os pais não fazem suas vontades? Ou quando os pais a obrigam a ir à escola, escovar os dentes, tomar banho?

Somente depois de crescidos entendemos o porquê de tantas coisas que não gostávamos, mas que nos ajudaram a formar o caráter.

Com as coisas de Deus, algumas vezes acontece dessa forma conosco. Muito embora
não possamos entender completamente o porquê de alguns desafios que a vida nos
impõe, eles, esses embates da vida, sempre têm um bom motivo para acontecer.

Compreender que Deus é Pai e nos oferece o que é melhor para cada um de nós, é um
bom caminho para começar a entender Seus desígnios.

Entender que muito do que nos acontece na vida foi anteriormente programado, antes mesmo de estarmos por aqui, e ainda, que muito foi até solicitado por nós mesmos, faz mais compreensível a própria vida.

Os desígnios de Deus são pautados na Sua Lei de amor, e por nos amar, nos oferece
desafios, nos oferece o bom combate, a fim de vencermos as limitações que ainda
existem em nossa intimidade.

Todo desafio que nos ocorre, seja no campo material, emocional, afetivo, é sempre
convite da vida para vencermos barreiras.

Jamais encaremos perdas, tropeços, carências afetivas ou financeiras, como castigos
de Deus ou como obras do acaso. São sempre oportunidades da vida para que nos
tornemos mais fortes, maiores intimamente.

Jesus nos lembra que até os fios dos nossos cabelos estão contados, tal é o cuidado
que Deus tem para com cada um de nós.

Dessa forma, aceitemos com o coração leve e a alma aberta esses desafios que a vida
nos oferece. Percebamos neles a lição que carregam consigo.

E cada vez que orarmos seja feita a Sua vontade, que façamos das palavras a ação
e o sentimento perante a vida.



Redação do Momento Espírita.

Mensagem enviada por Raimunda Gesteira/BA

Deus está no controle

POR FAVOR, LER COM FÉ..

Esta é uma oração impressionante. Crê simplesmente Nele e serás abençoado.
Lucas 18:27 O problema com muitos de nós é que não cremos que Deus abrirá uma janela e derramará bênçãos sem medidas na vida de cada um que não teremos lugar nem sabemos como recebê-las. Propondo a qualquer pessoa a provar a Deus. Ele é fiel em sua palavra. Deus não pode mentir e suas promessas são seguras.
Três coisas lhe sucederão esta semana que vem:
(1) Você terá ajuda de alguém de quem não espera;
(2) Você será demasiado relevante para ser ignorado;
(3) Você terá um encontro com Deus e você jamais será o mesmo.

A oração por você hoje é:
Que os olhos que lêem esta mensagem não vejam mal algum ao redor,
As mãos que enviarão esta mensagem a outros não trabalhem em vão,
a boca que diz Amém a esta oração reine para sempre.
Permaneça no amor a Deus, enviando esta oração a todos em sua lista.
Tenha uma viagem fascinante pela vida no amor a Jesus Cristo.
Confie no Senhor de todo seu coração pois Ele nunca falha e é fiel em suas promessas.

Se Você necessita de verdade uma bênção, continue lendo este e-mail:

Pai Divino, Deus amável e piedoso, te rogo que abençoes abundantemente a minha família e a mim.
Sei que o Senhor reconhece que uma família é mais que uma mãe, pai, irmã, irmão, esposo e esposa, para todos os que crêem e confiam em Ti.
Pai peço a ti Senhor, bênçãos e graças não somente para a pessoa que me enviou esta oração, mas também
para mim e para todos a quem enviei esta mensagem. E que a força da união em oração daqueles que crêem e confiam no Senhor seja mais poderosa que qualquer outra coisa.
Agradeço-te de todo coração e com a certeza que as tuas bênçãos chegarão à minha vida.
Deus Pai, livra a pessoa que lê esta oração agora, de dívidas e de preocupações por causas de dívidas.
Envia a tua sabedoria santa para que eu possa ser um bom administrador sobre tudo quanto o Senhor me tem dado e proporcionado, pois sei que És maravilhoso e poderoso e se Te obedecermos e caminharmos em tua palavra tenhamos fé mesmo que do tamanho de um grão de mostarda, o Senhor derramará as tuas bênçãos sobre nós.
Agradeço-te Senhor pelas bênçãos já recebidas e por aquelas que hei de receber porque sei que ainda tens muito para fazer por mim e muito mais que nem eu consigo sequer imaginar.
Em nome de Jesus Cristo nosso Salvador, te rogo. Amém.

Então, agora sente e observe o poder de Deus trabalhando em sua vida por teres feito a coisa que você sabe que Ele ama.
Seja Abençoado!

VISUALIZAÇÃO DA CHAMA VIOLETA

Estimados irmãos,
Vocês conhecem a técnica de visualização da Chama Violeta? É muito importante para o nosso desenvolvimento espiritual e para quem quer se purificardos karmas passados com mais rapidez.
Veja neste vídeo como funciona:
http://www.youtube.com/watch?v=72tnzXUh5Jc

Mensagem enviada pela amiga Lúcia Maria/BA

terça-feira, 28 de julho de 2009

KUNDALINI










Clic na figura para visualizá-la melhor.



Durante a leitura deste trecho no livro "O PASSE" de Jacob Melo, me lembrei de que ao longo de nossos quase 13 anos de amizade com minha amiga Rosana já debatemos vários assuntos e testemunhamos manifestações mediúnicas e quão nobre e enriquecedora foi a experiencia com pessoas ao nosso redor e as dificuldades encontradas por mim tambem no aprendizado em saber lidar,ter a fé necessária,as influencias,etc. Falar sobre o Chakra Sacro e o Hiposacro, o Centro Genésico sempre foi um tabu na sociedade e não é diferente nas linhas espiritualistas,tal como a Morte.
Particularmente a Kundalini sempre foi objeto de abordagem equivocada e tem coisas na vida que é melhor "deixar quieto" como diz o povo como é o caso desse assunto aqui. Segue em anexo recorte que fiz do conceituado do autor e pesquisador Jacob Melo em sua obra O PASSE que tem em sua bibliogafia as Obras de Kardec,Chico Xavier,Jorge Andrea,Divaldo Franco entre outros grandes e consagrados do Espiritismo e aliado a Ciência rigorosa em seus padrões de pesquisa e análise. Uma oportunidade de leitura a quem interessar e quiser se aprofundar não só no tema PASSE mas tambem sobre Energia,Fluido Cósmico Universal,Psicossoma entre outros.
Manoel Trajano,28/07/09

NOSSA CARA!

Concepção escolhida .O tom rosa para violeta foi buscado no campo astral, inspirado na Chama Violeta /Saint Germain que compõe o Grupo.





O que você achou de nossa marca?
Comente,participe!
Abraços
Manoel Trajano
Proprietário/Moderador do Grupo Espiritualista Irmãos de Luz

segunda-feira, 27 de julho de 2009

FÓRUM DE DEBATE: ENTREVISTA DE BRIAN WEISS SOBRE TVP

Visões do futuro
Brian Weiss, pioneiro na terapia de vidas passadas, fala agora de viagens a séculos à frente



Há 24 anos, ele enfrentou a comunidade acadêmica ao dizer que seus pacientes relatavam vivências de outras vidas. Psiquiatra formado pela Columbia University e pela Yale Medical School, nos Estados Unidos, disseminou o método de terapia de vidas passadas em todo o mundo, escreveu livros e virou best-seller com Muitas vidas, muitos mestres, de 1992. Esta semana, em sua quarta visita ao Brasil, onde já vendeu mais de um milhão de livros, Brian Weiss, 61 anos, lançou Muitas vidas, uma só alma (Edit. Sextante, 208 págs., R$ 19,90), título no qual defende outra controvérsia – a possibilidade de ir ao futuro. Ele provoca: “Os físicos falam sobre universos paralelos. O século XXII
pode estar acontecendo agora, assim como o XVII. Por que não seria possível?”

ISTOÉ – Há ainda resistências contra a terapia de vidas passadas (TVP). Qual a reação à idéia de ir ao futuro?
Brian Weiss – Psiquiatras e acadêmicos que rejeitam a idéia não a conhecem. Digo a eles: tentem. Há pacientes que impressionam pelos detalhes. Alguns falam línguas que desconhecem. Nos EUA, um terço das pessoas acredita em reencarnação. No Brasil, pelo menos 50% da população também crê. O futuro é estudado pela física quântica. Os
físicos falam sobre universos paralelos. Fiz uma pesquisa com pessoas que têm sonhos precognitivos e que tiveram experiências de quase morte. Os sonhos sobre acidentes ou doenças as ajudam a se prevenir e a tentar mudar o futuro. Se há quem sonhe com o futuro, por que as pessoas sob hipnose não poderiam vê-lo?

ISTOÉ – E as teorias de Carl Jung (psiquiatra suíço, 1875-1961) sobre a existência de inconsciente coletivo?
Weiss – As lembranças são muito específicas. Não falam de um grupo de pessoas, mas do sofrimento físico, de doenças e ferimentos, e das emoções, alegrias e tristezas, de uma em especial.

ISTOÉ – Como se dá a progressão?
Weiss – A técnica é a mesma da regressão. Coloco a pessoa num estado profundo de relaxamento, sob hipnose.

ISTOÉ – Em seu livro, o sr. fala de três situações futuras: daqui a 100/200 anos, que mostra um mundo populoso, muita poluição e aquecimento global; outra, entre 300 e 600 anos, de um mundo semidestruído, e outra, paradisíaca, daqui a mil anos. Não seriam apenas reflexos do desejo e crenças das pessoas?
Weiss – Faço pesquisa com grupos de pessoas que foram levadas para determinados anos, 2150, 2500 e 3000, e há consenso sobre o que vêem. Sete mil já participaram. Por que tantos dão a mesma informação? E essas pessoas se sentem mais felizes, melhoram sua saúde e seus relacionamentos e tomam decisões mais acertadas. Como médico e terapeuta, é o que me interessa.

ISTOÉ – Há pesquisas que indicam que na TVP, a parte do cérebro ativada é a que se refere a memórias, e não à elaboração, o que seria uma “prova” de veracidade. E na progressão, como uma pessoa pode relatar uma vivência que ainda não teve?
Weiss – Podemos ter memórias do futuro, porque o tempo pode não existir do jeito que pensamos. Talvez o passado e o futuro sejam paralelos, simultâneos. O século XXII pode estar acontecendo agora, assim como o XVII.

ISTOÉ – Todas as pessoas podem fazer esse tipo de terapia? Crianças, adolescentes, deprimidos?
Weiss – Sim. Adolescentes regridem facilmente e crianças mais ainda. O importante é que o terapeuta tenha boa experiência e integre as memórias ao tratamento. Não basta ter a lembrança para se curar. Se o deprimido não consegue se concentrar, deve tomar medicamentos e tentar. A maioria dos sintomas físicos ou mentais melhoram. É muito seguro.

ISTOÉ – Nessas terapias, mães, pais e irmãos aparecem em outras vidas como maridos e namorados. As pessoas lidam bem com isso?
Weiss – Reconhecer pessoas no passado ou no futuro é muito comum. Nós trocamos de corpo, de país, de religião para aprender sobre todos os lados. É o propósito da vida. O que sentimos é amor, não há nada de incestuoso, de
negativo. As pessoas estão conectadas, viajam juntas para aprender.

ISTOÉ – Qual o intervalo entre vidas?
Weiss – Pode ser de uma semana ou de um século, depende da necessidade. Pessoas que morrem violentamente costumam voltar logo porque as lições continuam lá. Eu morri em 1942 ou 1943 na Tchecoslováquia e nasci em 1944. Na Suécia, um médico pesquisou pessoas que na regressão se viram como
vítimas na Segunda Guerra. Elas lembraram de nomes e números tatuados em seus braços que bateram com os registros de guerra. Quando me viu, ele me disse, chocado: “Eu morri com você.” Ele me reconheceu.

ISTOÉ – Por que esquecemos das vidas passadas?
Weiss – Várias culturas acreditam que esquecer é uma forma de proteção. Acho que cada vida é um novo teste para saber se o aprendizado já faz parte de nossa natureza, se está no coração e não só na mente. A Terra é a escola, onde temos que aprender a não-violência, a compaixão, a paciência, a amorosidade.

ISTOÉ – Podemos acertar numa vida e errar numa posterior?
Weiss – Temos o livre-arbítrio e o destino, os dois coexistem. O destino é o plano para uma existência, mas o livre-arbítrio lhe permite escolher o que quer fazer. Por exemplo, há planos de você viver com uma pessoa, você
decide não cumpri-los. Pode ter uma vida produtiva, mas, se naquele compromisso falhou, procurará outra oportunidade para cumpri-lo. O importante é que nunca morremos e progredimos sempre.
Mensagem enviada por Jaime Khoury-Plantão da Paz/BA
COMENTÁRIO DO AUTOR DO BLOG/ASSOCIADO 1:
É importantissima a divulgação desta entrevista deste que é autor de "Muitas Vidas,Muitos Mestres","Regressão a Vidas Passadas", "Só o amor é Real","Espelhos do Tempo" e entre outros.Tenho lido bastante seus livros,escutado seus CD traduzidos para o português e experimentado a meditação de forma tão agradável e exercitante. Particularmente "Espelhos do Tempo" permite uma regressão superficial em que a qualquer momento você pode interrromper,de maneira segura.A TVP propriamente dita é recomendável com terapeuta experiente,bem conhecedor e conforme o prorprio Brian Weiss orienta não deve ser objeto de mera curiosidade sobre o passado.Seus pacientes geralmente sao pessoas com fobias graves que impedem uma socialização normal,relações complicadas que beiram ou viram violencia no lar como Mãe e Filho(geralmente ex-marido de vida passada) em que a cura se dá ao encarar a origem do problema e a maioria de nós não está preparado(ninguem quer ver a propria morte sob nenhum angulo nem descobrir que pode ter sido violentado ou assassinado por alguem que ama na vida atual,pois pelo amor,perdao e véu do esquecimento,o processo se dá de uma forma divina e sábia).Por isso é necessario conhecer o assunto,procurar alguem de confiança,conhecedor e experiente.Há amigos que aqui no Grupo que ja participaram de sessões e podem falar melhor do que eu na condição de pacientes(ou clientes).
COMENTÁRIO ASSOCIADO 2:
"Associado 1 e demais irmãos de luz, Esse assunto é bastante interessante... eu li vários livros de Brian Weiss e ele é fantástico, inclusive a princesa Diana antes de falecer tinha uma consulta marcada com ele sobre esse assunto abordado aqui!!! Ele mesmo conta sobre isso no livro: A divina Sabedoria dos Mestres. Eu fiz alguns exercícios proposto nos livros e realmente funciona. Descobri algumas coisa que me ajudaram e muito na compreensão de algumas situações emocionais que estava na época vivendo! Sou grata! Mas o que Associado 1 diz aqui é realmente importante sobre a intensidade desse momentos vividos... o ideal seria um acompanhamento de uma pessoa realmente responsável e profissional... eu até conheço, quem quiser, posso indicá-lo!!! "
COMENTÁRIO ASSOCIADO 3:
" FULANO e demais amigos.Realmente fico feliz com a divulgação crescente da Terapia Regressiva.Eu, como terapeuta de regressão posso afirmar que é um mundo incrível, mas que por falsos alardes, ainda muito cheio de pré-conceitos.Eu tive a oportunidade de assistir a dois workshops do Brian nos EUA, embora tenha me formado com terapeuta regressivo com o Hans Tendam, holandês.Costumo não rotular a coisa de ‘vidas passadas’, e esta crença também não é necessária para fazer esta terapia. As imagens e o conteúdo terapêutico do que se emociona e somatiza são por si só suficientes, sem rótulos. A própria pessoa com certo tempo monta as peças.Engraçado que muitas pessoas me procurar para saber como foram há 200 anos atrás , por exemplo... E para estas apenas digo que foram praticamente como são hoje, vejo uma personalidade congênita insistindo em gritar para a mudança e ciclos constantes. Há muita curiosidade mórbida.Não uso hipnose, por achar que a mesma desliga o hemisfério crítico e faz com que a catarse seja menos entendida. Existem várias formas...Atualmente atendo muitos casos depressivos, bipolares e de transtornos de ansiedade e pânico. Vamos na raiz do problema e a libertação é linda.Em novembro teremos o I Congresso Nacional de Terapia Regressiva aqui na Bahia, no qual farei também um apresentação junto com diversos profissionais do Brasil.Em breve mando o convite e a logística para os interessados."

A CAMINHADA DO BEM

A caminhada do bem não é nada fácil. A estrada é de pedras,espinhos,tempestades,ofensas,calúnias,difamações em que o passado vem todo a tona como uma âncora,pesada,grande que não foi levantada e segue arrastada nesta navegação no mar da reforma íntima. Quando se propõe as mudanças,a reforma íntima,e principalmente quando nos tornamos ostensivos em ajudar a si mesmo e ao próximo,principalmente no labor voluntário seja na Casa Espírita,na Igreja,no seu espaço e nas ruas,em casa,no trabalho está-se sujeito a toda ordem de provocações,testes,verdadeiros bombardeios e palavras do tipo "demagogo","falso","exibicionista","hipócrita",acham que somos perfeitos porque tentamos apenas diminuir nossa imperfeição,nos expomos la na frente tal qual uma vidraça que a qualquer momento pode receber uma pedra.Falo "nós" na condição daqueles que buscam se melhorar,ajudar e ser ajudado,e o que mais dói muitas vezes é quando "fogo amigo" atua,vindo de pessoas que amamos,gostamos muito,adoramos.Perdemos a respiração momentaneamente,o coração dispara,ficamos ofegantes e as vezes,desanimamos.Nestas horas é quando precisamos mais das forças internas e ocultas,que vem lá do âmago conduzindo ao restabelecimento,mas são inevitáveis passageiros mal estar e sensação de cansaço.Não estamos sós! Força! Coragem!
Livre Arbítrio,Ouvir,Paciência,Tolerância,Amor,Paz,Serenidade,Equilíbrio,Persistência,Resiliência,
Resignação, Indulgência,Desapego são algumas das palavras e ações que implicam em mudança de conduta. Tentam tirar nossa paz interna inconscientemente as vezes manipulados e influenciados pelos inimigos equivocados do bem,sustentados na inviglância daqueles que gostam de nós e não estão em alerta a estas sutis perturbações que são permitidas pelo Pai para nossa melhora de maneira dura,árdua mas sempre benéfica.
Bem sabemos que tudo que nos acontece está relacionado com o que atraímos para nós,não o que emitimos conscientemente mas inconscientemente,daquilo que está impregnado em nosso perispírito e que não se muda da noite para o dia. É um exercício diário,constante,firme na caminhada,as vezes doloroso mas suportável mas ninguém nos disse que seria fácil um dia.Assumimos compromissos antes de voltar ao plano terreno e esquecemos,seja numa programação esta chamada espontânea,principalmente quando há mediunidade,seja compulsória ambos por amor e misericórdia divina.
Particularmente quando chegam para mim e falam numa situação adversa,de conflitos"você é espírita","cadê o exemplo?","você é palestrante". Não raro os frequentadores escolhem médium passista e que cabe a este orienta-los que nao ha porque se escolher,porque nao passe melhor ou pior,pois em cada situação dois desencarnados(os anjos da guarda do médium e frequentador) e os dois encarnados(passista e frequentador) fecham o ciclo de benefício sob o amparo da mentora da Casa e os Espiritos Protetores. Seriam testes de vaidade,de orgulho,de humildade?
Devemos manter a caminhada e paz.
Manoel Trajano,27/07/09

domingo, 26 de julho de 2009

MENSAGEM DE CHAMA VIOLETA / SAINT GERMAIN

http://www.youtube.com/watch?v=72tnzXUh5Jc&feature=player_embedded

O SIGNIFICADO DE UM ADEUS

Adeus ou Goodbye sempre foram palavras que considerei muito forte,impactantes,definitivas,intensas e que particularmente não acredito no poder de concretização quando vem do próprio ser humano, visto que a quem é dado o poder de dizer que "nunca mais nos veremos" só cabe a Deus,por isso prefiro o "até logo",o "tchau", ou mais recente e jovial "fui"(quando de fato ainda estamos no presente e aplicamos o tempo verbal no passado).Guilherme Arantes a quem admiro muito já cantava "Adeus também foi feito para se dizer bye,bye,so long,far well" em "Pedacinhos" e entendo como uma tentativa brusca e dura de encerrar o que talvez o ciclo não o tenha feito através da Justiça Divina,mas não deixa de ser um recurso forte,de personalidade determinada e corajosa atuante via livre arbítrio.Não gosto de dizer mas sei o quanto é necessário.
Mas o que se pensar quando se diz "adeus" e continua sonhando com aquilo do qual se despediu,pensando continuamente e sendo dominada por aquela dorzinha chata no chakra gástrico,que se concentra o Medo,o Controle,o Poder,o Desejo pessoal,enfim aquele rebuliço causado na alma que nos faz questionar a certeza do que queremos e para onde vamos.
"Adios" na sua versão caliente,latina,apaixonada sempre me soou como algo inacabado que não se confirmava pelo olhar desejoso,saudoso e não convincente como bem exposto em seus representantes genuínos Antonio Banderas,Penelope Cruz,Salma Hayek que personificam a conquista e a sedução. Até o frio e calculista em interpretação Arnold Schwarzennegger com seu "Hasta la vista,baby" sucumbia e fraquejava na emoção não convincente da despedida desejada.
"Arrividerte" confirma o toque italiano do nosso "tchau,até mais" carregado de volta quando,logo,tô sentindo sua falta.
"Não aprendi dizer adeus" acredito eu foi a manifestação mais sincera de alguém reconhecer o que todos nós sentimos e não admitimos pelo orgulho e tem a coragem de mostrar seu desapego,mesmo que doa"mas deixo você ir sem lágrima no olhar(...)o inverno vai passar e apaga a cicatriz". Pode ser dar boca para fora,mas saiu,e ele cresceu com isso,com certeza,pois a felicidade do outro tem que ser aceita,a partir do momento que você prioriza a sua e sai de dentro com sinceridade,não se trata de abrir mão intimamente.
Todos podemos nos reecontrar na erraticidade,em vidas futuras,ou não,mas depende Dele e nunca nos dá Adeus,pois somos Seus filhos e como Irmãos devemos ser como Ele.
Até a próxima!
Manoel Trajano,26/07/09,14:38 h

sexta-feira, 24 de julho de 2009

TELEVISÃO

Segue reflexão,análise,debate e conhecimento.Renato Russo declarou uma certa vez que a música "Teatro dos Vampiros" foi feita sobre a TV:


Teatro Dos Vampiros
Legião Urbana
Composição: Renato Russo


Sempre precisei
De um pouco de atenção
Acho que não sei quem sou
Só sei do que não gosto...

E nesses dias tão estranhos
Fica a poeira
Se escondendo pelos cantos
Esse é o nosso mundo
O que é demais
Nunca é o bastante
E a primeira vez
É sempre a última chance
Ninguém vê onde chegamos
Os assassinos estão livres
Nós não estamos...

Vamos sair!
Mas não temos mais dinheiro
Os meus amigos todos
Estão procurando emprego...

Voltamos a viver
Como há dez anos atrás
E a cada hora que passa
Envelhecemos dez semanas...

Vamos lá, tudo bem!
Eu só quero me divertir
Esquecer dessa noite
Ter um lugar legal prá ir...

Já entregamos o alvo
E a artilharia
Comparamos nossas vidas
E esperamos que um dia
Nossas vidas
Possam se encontrar...

Quando me vi
Tendo de viver
Comigo apenas
E com o mundo
Você me veio
Como um sonho bom
E me assustei
Não sou perfeito...

Eu não esqueço
A riqueza que nós temos
Ninguém consegue perceber
E de pensar nisso tudo
Eu, homem feito
Tive medo
E não consegui dormir...

Vamos sair!
Mas estamos sem dinheiro
Os meus amigos todos
Estão, procurando emprego...

Voltamos a viver
Como a dez anos atrás
E a cada hora que passa
Envelhecemos dez semanas...

Vamos lá, tudo bem
Eu só quero me divertir
Esquecer dessa noite
Ter um lugar legal prá ir...

Já entregamos o alvo
E a artilharia
Comparamos nossas vidas
E mesmo assim
Não tenho pena de ninguém...

Ou ainda os TITÃS que já cantavam TELEVISÃO:
Televisão
Titãs
Composição: Marcelo Fromes / Tony Belotto / Arnaldo Antunes


A Televisão
Me deixou burro
Muito burro demais
Oi! Oi! Oi!
Agora todas coisas
Que eu penso
Me parecem iguais
Oi! Oi! Oi!...

O sorvete me deixou gripado
Pelo resto da vida
E agora toda noite
Quando deito
É boa noite, querida....

Oh! Cride, fala prá mãe
Que eu nunca li num livro
Que o espirro
Fosse um vírus sem cura
Vê se me entende
Pelo menas uma vez
Criatura!
Oh! Cride, fala prá mãe!...

A mãe diz prá eu fazer
Alguma coisa
Mas eu não faço nada
Oi! Oi! Oi!
A luz do sol me incomoda
Então deixa
A cortina fechada
Oi! Oi! Oi!

É que a televisão
Me deixou burro
Muito burro demais
E agora eu vivo
Dentro dessa jaula
Junto dos animais
Oh! Cride, fala prá mãe
Que tudo que a antena captar
Meu coração captura
Vê se me entende
Pelo menos uma vez
Criatura!
Oh! Cride, fala prá mãe!...

A mãe diz prá eu fazer
Alguma coisa
Mas eu não faço nada
Oi! Oi! Oi!
A luz do sol me incomoda
Então deixa
A cortina fechada
Oi! Oi! Oi!...

É que a televisão
Me deixou burro
Muito burro demais
E agora eu vivo
Dentro dessa jaula
Junto dos animais...

E eu digo:
Oh! Cride, fala prá mãe
Que tudo que a antena captar
Meu coração captura
Vê se me entende
Pelo menos uma vez
Criatura!
Oh! Cride, fala prá mãe...

Oh! Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!



Sempre desde pequeno fui criterioso em relação a TV,os abusos da mesma pela mídia brasileira e estrangeira,direcionando seus interesses. Quem não lembra da festa que nossos avós fizeram quando da primeira Geladeira,da primeira enceradeira,nossos pais em relação ao primeiro aparelho de som(Telefunken),a Radiola e nós com o primeiro computador(TK 2000),nossos sobrinhos e filhos o primeiro telefone celular,enfim todas as novidades que o vizinho tinha menos nós. Mas nenhum foi tão contagioso,hipnotizante e recordista quanto a televisão,ou mais precisamente a TV no sentido não apenas do aparelho mas prinicipalmente do estado social e de integração e inclusão que ela proporciona e ao festival de besteiróis que nos contamina e ai de nós dizermos que não assistirmos ao programa tal.Seremos os dinossauros sociais!As novelas vem sempre com o propósito de refletir a realidade,mesmo que fantasie,aumente,invente e corrompa nossos espíritos.Consumismo desenfreado num capitalismo selvagem coloca para trás os valores da família,das brincadeiras sadias e contato humano.Como diz minha colega Nutricionista"quando comemos em frente a TV,nos desconcentramos do processo digestivo que começa na mordida,o mastigar e toda nossa fisiologia fica comprometida". Perdemos o hábito de comer junto aos nossos entes queridos.De orar antes da refeição e agradecer.É a correria que impõe que até restaurantes coloquem TV nos salões.
A TV é pior do que o celular pois estes ja estao vindo com TV e voce comprar por 199,00 e de quebra é I-pod,pendrive,smartphone e tudo mais.Tudo isso é bom como tecnologia mas é preciso moderação!É preciso um freio!Estamos hipnotizados e seduzidos pelo canto da sereia cibernética e que nos trava.Somos zumbis teleguiados pela mídia.Falo nós enquanto sociedade e civilização.E nao posso nem falar em ocidentalidade porque o Japão ja se seduz pelo consumismo que atinge as Cirurgias Plasticas em que eles estao abrindo os olhos,literalmente(Ocidentalização do Oriente)ignorando a natureza adaptativa a qual todos nós estamos inseridos,inclusive Darwinianas submetemo-nos a doenças futuras ou mesmo presentes(tenho uma amiga de Centro Espirita que sente tontura em frente aos monitores e conversamos muito sobre o assunto,nao sei como ela é em relaçao a TV mas de repente é uma proteçao divina para ela que é médium).
O tema é vasto.é longo e portanto só quis dar uma pincelada para quem quiser se se sentir a vontade,comentar neste blog.
Manoel Trajano,23/07/09,14:15 h

Espíritas que idolatram (Coluna Religião)

Recentemente, pude constatar a força de um ídolo e o seu endeusamento, quando um leitor do meu blog, em contraponto a um meu anunciado, afirmou que Michael Jackson era feliz, pois fazia milhões de pessoas felizes. Fiquei bestificado, pois mesmo diante das claras evidências da lamentável infelicidade do brilhante artista, visíveis na face, na pele, o fã não aceitava as evidências.

Pus-me a refletir de como ainda há, em todos os segmentos humanos, os idolatrados, os que manipulam, os que difundem ilusões, mas são colocados acima do bem e do mal e as suas palavras viram lei, sentença. Aí está o fanatismo declarado.

Vejo, em particular, no Espiritismo, médiuns, seres humanos, como quaisquer outros, com suas paixões e virtudes, sendo endeusados, suas palavras acima da própria codificação de Kardec e o bom-senso colocado de lado, o logicar jogado no lixo. De outra parte, vemos também espíritos serem reverenciados como os donos da sabedoria, senhores da absoluta verdade e nada poderá ser dito contra suas teorias ou proposições, pois isto significará uma heresia passível da santa inquisição que se estabelece no movimento espírita conduzido pelas federações. A verdade, no entanto, é outra, pois muitos líderes, companheiros de lida vêm a mim e “confidenciam” seus agravos e discordâncias a conceitos, livros, mas temem, encurralados pelo peso dos nomes, como os de Chico Xavier, Divaldo Franco, uma vez que fazer contraponto ao que eles disseram e/ou o que os espíritos falaram ou escreveram por eles é quase um “pecado mortal”. Bobagens, bobagens! O Espiritismo nos propõe uma fé basilada na razão e assentada no livre arbítrio, sem oráculos ou hierarquia. Assim, surge a necessidade de se emancipar o pensamento, buscando sempre no contraditório o princípio para a síntese, mesmo que se tenha que enfrentar a tradição.

O fanatismo por pessoas, idéias e/ou religião, então, sob qualquer pretexto, encarcera a liberdade de consciência, pretendendo sempre uma liberdade dirigida, na espera de que o profitente seja um fiel seguidor de postulados e atitudes que, na prática, inibem a expansão das ideias e da razão.

Os seguidores desavisados ou “trabalhados” para serem combatentes preconcebidos da liberdade de ser e de se exprimir dos que pensam de forma diferente, geram um sério problema para o Espiritismo, não a paixão "fé", mas a inquestionabilidade de seus métodos. O método de qualquer religião traz “certezas” divulgadas em forma de mensagens divinas, jamais de diálogo ou debate de ideias, causando, desta forma, adeptos de personalidades e instituições, não de ideais.

Por fim, o estilo imperialista das posições verticais usa e abusa do discurso monológico delirante, declarações, comunicados, que jamais se voltam para a escuta ou o diálogo, exercício esse que faria emergir a possível e relativa verdade - não as "certezas" individuais.

José Medrado é fundador e presidente da Cidade da Luz.

Mensagem enviada por Jacó Alves/BA

quinta-feira, 23 de julho de 2009

REFLEXÃO

"Muitas pessoas perdem as pequenas alegrias enquanto aguardam a grande felicidade."
(Pearl S. Buck)
Mensagem enviada pelo amigo Jaime Khoury-Plantão da Paz/BA

ESTATÍSTICA DE VISITAS - BLOGS DA REDE CEIA - ATUALIZADO EM 22/07/09

Caso não visualize,clic uma vez na figura.
Os dados variam conforme busca por temas/postagens ou digitando diretamente o link do site.As datas de criação também influenciam no tempo de exposição do Blog até o presente momento,associada a sua divulgação,conhecimento e assimilação pelos visitantes.
A Direção

SILÊNCIO

Silêncio
:: Saul Brandalise Jr. ::


Sempre apreciei as frases de efeito que falam sobre a importância do silêncio em nossas vidas. Sinceramente acho que você as admira também. Mas, na realidade, não são as frases abaixo que expressam verdadeiramente a importância do silêncio e o que ele representa. É a maneira pela qual conseguimos elevar, conviver e entender esta postura em nossa existência. Selecionei algumas frases que considero oportunas e que deixam evidente a profundidade da atitude, da prática do silêncio.

"O silêncio é um dos argumentos mais difíceis de ser rebatido". (Josh Billings).
"Pratique o silêncio e você adquirirá um conhecimento silencioso. Neste conhecimento silencioso está um sistema computacional que é muito mais minucioso, muito mais preciso, e muito mais poderoso do que qualquer coisa que esteja contida nas fronteiras do pensamento racional". (Deepak Chopra).
"O silêncio é um amigo que nunca trai". (Confúcio).
"O único tirano que eu aceito neste mundo é o silêncio da voz interior". (Mahatma Gandhi).
"As mais lindas palavras de amor são ditas no silêncio de um olhar". (Leonardo da Vinci).
"A meditação me ajuda a sentir a forma e a textura da minha vida interior. Aqui, no silêncio, eu posso começar a saborear o que os budistas chamariam de minha verdadeira natureza, o que os judeus chamam de calma, suave voz, e o que os cristãos chamam de Espírito Santo. (Wayne Muller).
"O silêncio é a mais perfeita expressão do desprezo". (George Bernard Shaw).
"Ouve-me, ouve o meu silêncio. O que falo nunca é o que falo e sim outra coisa". (Clarice Lispector).
"Aprendi silêncio com os falantes, tolerância com os intolerantes e gentileza com os rudes. Ainda, por estranho que possa parecer, sou ingrato a esses professores". (Kalil Gibran).
"Duas pessoas têm vivido em você por toda a sua vida. Uma é o ego, tagarela, exigente, histérico, calculista; a outra é o ser espiritual escondido, cuja silenciosa voz de sabedoria você somente ouviu ou reparou raramente - você revela em si mesmo, no silêncio, o seu próprio guia sábio". (Sogyal Rinpoche).

Estas frases servem efetivamente como pérolas de reflexão, porém, dependendo de como estamos no momento, nada mais são do que isso, apenas pérolas. Tenho tido o cuidado de me aprofundar no silêncio de minhas verdades e com elas descobrir coisas que não sabia ver, na minha vida, na de meus amigos, nas empresas e nas relações que pratico.
Eu tinha um vício terrível. Quando alegre precisava contar a razão disso para as pessoas... Grande equivoco. Além delas, as pessoas, não entenderem o que efetivamente se passava comigo, eu gerava, com a minha tagarelice, um dos piores sentimentos que existem: a INVEJA.
Nem todos estão capacitados a entenderem o que realmente é bom para nós. Na realidade, para ser um pouco rude neste momento, eu diria que NINGUÉM entende o que sentimos. Os sentimentos de entendimento, como o silêncio, são singulares. Dependem dos valores de cada individuo.

Muitas pessoas não entendem esta verdade porque simplesmente não a conhecem. Não a experienciaram e, portanto, não a conseguem avaliar. Em verdade pensam conhecer. Eu também pensava que sabia. Não, não sabia nada do silêncio. Pois, a bem da verdade, não o conhecia. Para entender a importância dele é preciso experimentar o seu "doce sabor".
Assim como se sabe que uma longa caminhada começa com apenas um passo, o silêncio pode ser o inicio de um grito, mas, a frase a seguir é a que mais gosto, atualmente.
"Quando falar procure que suas palavras sejam melhores que o seu silêncio".

A citação não é minha, e tenho inveja de quem a criou. Claro que é uma boa inveja porque, você pode não acreditar, existe a boa inveja. Ela só acontece quando começamos a descobrir as nossas fraquezas e a potencializar as nossas virtudes. Porém, ao descobrir as minhas fraquezas, inicio uma luta ferrenha contra elas. Não permito que me dominem. Assim é possível, sim, ter-se o sentimento de inveja não negativo.

Não resolve darmos importância ao silêncio se não sabemos o que fazer com ela. Não adianta dizer que o sábio conhece como usar o silêncio se nós não sabemos. Não sou o que quero ser. Sou o que consigo. A diferença entre uma coisa e outra começa no silêncio de nossas atitudes.
Para mim existe uma estreita relação entre o meu silêncio, a minha inquietude e o que faço com as minhas emoções. Para se atingir o estágio sublime de conhecer o nosso silêncio interior, temos que travar uma verdadeira batalha com o domínio de nossas palavras, analisar nossos valores e o que nos permitimos realizar com as nossas emoções.
Não tenho a menor duvida de que a vida é Causa e Efeito. Como não tenho nenhum questionamento de que o Silêncio é o efeito do Equilíbrio.

Sei que nos veremos
Beijo na alma

Saul Brandalise Jr. é colaborador do Site, autor do livro: O Despertar da Consciência da editora Theus, onde mostra através das narrativas de suas experiências como extrair lições de vida e entusiasmo de cada obstáculo que se encontra ao longo de uma vida.
Email: sbj@tvbv.com.br


Mensagem enviada por Jaime Khoury-Plantão da Paz/BA

quarta-feira, 22 de julho de 2009

UM BOM DIA!

Ao iniciar-se um novo período de tempo, em que o Criador lhe permite despertar para agir no bem, é importante meditar sobre a bênção deste dia, na construção da alegria e da paz tão almejadas.

Não se importe se o dia amanheceu nublado ou chuvoso, ensolarado ou borrascoso; não se preocupe se o clima está frio ou se o calor promete castigar.

Erga-se e ore, agradecendo a Deus o fato de ter você aberto os olhos no corpo físico, para um novo dia... Ele é ensejo de realizações positivas, de progresso para você.
Não se impaciente por se dar conta de que, no dia de hoje, você guarda bem pouco ou nenhum dinheiro para suas necessidades comuns.

Pense que está com saúde, e que o trabalho, por mais simples, é a feliz oportunidade que a pessoa recebe de Deus para modificar a vida.

Seja carpindo o solo ou recolhendo o lixo, preservando a higiene; seja lavando uma roupa ou conduzindo fardos, qualquer que seja o serviço, agradeça ao Senhor, seguindo adiante.
Procure não se infelicitar se acordou febril, debilitado, doente. Você mantém a lucidez, pode pensar, pode agir. Busque o socorro de alguém, se não puder cuidar-se só.
Não despreze a prece com que você pedirá o auxílio divino diante do seu desequilíbrio orgânico. O auxílio virá. Espere, agindo.

Seja como for, você tem hoje nas mãos os mais valiosos recursos para ser feliz, dentro do quadro das suas provações e merecimentos.

Não se entregue à revolta, ao rancor, à mágoa, ao desalento. Seu dia deve ser um dia lindo; seu tempo deve ser abençoado.

Enquanto é hoje, seja amigo de alguém, leal e prestativo.
Enquanto é hoje, liberte-se dos vícios que o aprisionam, fiel ao bem, decidido.
Enquanto é hoje, cresça um pouco mais, vinculado a Jesus Cristo, a fim de que consiga viver um bom dia, em cada dia que passe por você.

Vivendo bem o seu dia, você se estará preparando para o formoso dia sem nuvem, sem tormenta, sem noite, que o Criador a todos nos oferece, após superados os tempos terrestres, educando-nos e valorizando as horas, com disposição e coragem, com grandeza d'alma.

Enquanto puder escutar ou perceber a palavra hoje, com a audição ou com a reflexão, no campo fisiológico, valha-se do tempo para registrar as sugestões divinas e concretizá-las em sua marcha.


Redação do Momento Espírita, com base no cap. 31 do livro Nossas riquezas maiores, por Espíritos diversos, psicografia de Raul Teixeira, ed. Fráter.
Disponível no CD Momento Espírita, v. 2, ed. Fep.
Em 13.04.2009.
Enviada por Débora Linheiro/BA

FÉ DESRESPEITADA

NEM DENTRO DE UMA IGREJA SE TEM MAIS PROTEÇÃO.NEM A FÉ É MAIS RESPEITADA.A QUE PONTO CHEGAMOS!


20/07/2009 às 08:48
Policial civil é assassinado na Ilha de Itaparica
Helga Cirino A TARDE



Agentes do Serviço de Investigação (SI) da Delegacia de Itaparica estão à caça dos dois homens que mataram a tiros o policial civil Mário Sérgio Moreira, 37 anos, durante um culto evangélico do qual participava. Lotado na 19ª CP (Delegacia de Itaparica), o civil era conhecido como “Mário PT”.


De acordo com informações de agentes da Central de Telecomunicações das Polícias Civil e Militar (Centel), os dois homens chegaram armados em uma motocicleta e abriram fogo contra o policial que foi alvejado com mais de 20 tiros. Motivo e autoria do crime ainda estão sendo apurados pelos policiais.

OBRIGADO A VOCÊS,MULHERES

Caras amigas,

Como não fico limitado a 08 de Março e sim aos outros 364 dias do ano(ou 365 se for bissexto) gostaria de presentar as grandes,belas,fenomenais,inteligentes,espirituosas,caridosas,solidárias mulheres deste Grupo que tão ativamente tem participado recentemente de nossa caminhada.

Do VENTRE de vocês nós HOMENS e mulheres viemos após 9 meses(uns 8,7,6,5...) nesse processo de readaptação a vida terrestre,mergulhados em um líquido aminiótico de amor e carinho,sob as mãos que alisam a barriga e conversam conosco,fazendo desta ponte de luz espiritual o caminho para ensinar o que é o Amor. Quando nascemos,engatinhamos,andamos,tomamos deste leite de amor nos seios da Vida e balbuciamos as primeiras palavras e com educação de sentimentos,crescemos e chegamos a fase adulta.

Se tívessemos nós HOMENS um mínimo de Noção e Cristo no Coração do que isso tudo acima representa jamais precisaríamos de Leis como a Maria de Penha,de Disque 180 e outras formas de compensar a nossa sociedade da nossa ingratidão. Mulher não se bate nem com uma flor. Nao imaginam como fico indignado quando vejo covardias na TV e nas ruas,ouço casos de amigos e colegas.Quem o faz nunca apanhou para saber como dói.Nao sou a favor da violencia,de forma nenhuma,mas um HOMEM que comete estas brutalidades,me perdoem meu instinto mais primitivo,mas tinha que sentir na pele o que é.Para isso Deus é grande e permite as Reencarnação mudando os nossos corpos,dando oportunidade de pela lei do amor sentirmos a delicadeza de ser uma MULHER(tem umas meio brabas,resquicios do machao do passado...rs)e vice versa.

Que caminhemos para o sexo unico da perfeição,da felicidade plena,da transcendencia,da libertação dos resquicios materiais que formam o perispirito,em que um dia deixaremos de ter essa "per" ou seja,casca seremos um dia Espiritos Puros,mas para isso a caminhada é Longa...Comecemos hoje para um novo amanhã.

Beijos,
Manoel Trajano,22/07/09,15:30 h

ETIMOLOGIA II - INGLÊS ,TÉCNICA E LOCAIS

Hoje antes de sair para almoçar,ao passar pelo meu colega da Segurança Patrimonial.Gonzaga, a quem estimo muito pela sua simpatia,profissionalismo e carisma,além de ser um grande fotógrafo nas horas vagas e que treina diurna e diariamente seu inglês comigo,me chamou para comentar sobre o susto que tomou na noite passada quando seu vizinho ao tomar as dores da esposa,foi-lhe tomar satisfações enquanto ele cantava "Let me Try Again", clássico na voz do saudoso Frank Sinatra, ao que ele estranhando aquela reação intempestiva quis saber o por que da atitude,ao que o vizinho respondeu:"Que é que você tá falando da Let aí? O que é que tem minha esposa? Ao que meu colega sem entender,respondeu que não tinha nada,estava cantando a música citada acima. O vizinho insistiu e disse "você tá cantando que Let trai alguém"!!!E meu colega continuou se explicando dizendo que não era isso,e foi atenuando,acalmando,resolvendo e tudo terminou com o fim do mal entendido...
No Reveillon de 2000,na inspeção de área antes da Pirotecnia no Farol da Barra,estávamos eu e meu colega,Engenheiro Casqueiro(até hoje está lá e quase se aposentando na Prefeitura de Salvador) pela Defesa Civil(CODESAL) e ao passar num monte de gente e entre apertos sugeri"vamos deixar o grosso passar",sendo que este termo muito comum em Engenharia,na área de exatas,quer dizer "maioria","excesso","maior parte". Qual foi minha surpresa ao ouvir uma voz grossa e irritada lá atrás "meu irmão,peraê,aqueles caras ali tão chamando a gente de grosso". Eu não esperei para ver. Chamei meu colega e entrei num atalho que encontrei no meio da multidão e me abaixando para não ser surrado pelo português popular e pelo cidadão indignado...
Outra palavra que tem me preocupado e me disciplinado em cuidado é chamar alguém de entendido. Aqui na Bahia e em outros Estados do Nordeste quer dizer "gay","viado","xibungo" e afins.Nada contra a liberdade de cada um de se expressar ou optar pelo que lhe faz feliz,mas tenho que me adaptar a cultura e chamar os antigos "entendidos" de especialistas(mesmo sem ter diploma),expert,fera,a autoridade,etc.
E viva a nossa riqueza com o Português Brasileiro,Baiano,Soterapolitando,Bairrista,Local,Tribal...
Manoel Trajano,22/07/09

Vida após a morte será tema de tese na PUC de São Paulo

Por Manoel Fernandes Neto

O assunto não tem nada a ver com religião, apesar de falar de vida após a morte. Sonia Rinaldi há mais de 20 anos pesquisa o assunto e prepara-se para um desafio hercúleo: levar para um ambiente totalmente cético algo que comumente é tratado com crença. Ela vai defender, a partir deste ano, uma tese de mestrado na PUC - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, intitulada "Transcomunicação: Interconectividade entre Múltiplas Realidades e a Convergência de Ciências para a Comprovação Científica da Comunicabilidade Interplanos", com a qual pretende comprovar que após a morte do corpo físico a consciência sobrevive.


Essa consciência, segundo Sonia, classificada de vários nomes, mantém sua individualidade, história, aquisições morais e intelectuais, além de ter capacidade de comunicação com o mundo da matéria. Atualmente, como uma das coordenadoras do Instituto de Pesquisas Avançadas em Transcomunicação Instrumental, Sonia passa seus dias conectando aparelhos de gravação de áudio e vídeo, buscando contato com o que convencionamos chamar de "o outro lado da vida".
Para a pesquisadora, o fato deste tipo de abordagem adentrar o mundo acadêmico é uma conquista que só será percebida no futuro, mas que trará benefícios para toda a Humanidade: "É chegada a hora de sair da infância e encarar a realidade da nossa evolução contínua.", diz Sonia.
Acompanhe a entrevista exclusiva concedida por Sonia Rinaldi ao editor da NovaE.
Após 20 anos de pesquisa, como a ciência clássica, baseada em conceitos da matéria, vem encarando o seu trabalho?

A Ciência, de forma ampla, está longe de se interessar. Uns tantos cientistas mundo a fora vêm trabalhando no sentido de documentar a realidade da sobrevivência após a morte. Porém, quer nos parecer que nenhum fenômeno é mais concreto - e, portanto, suscetível de toda sorte de análises e investigação, como requer a Ciência -do que a Transcomunicação Instrumental - ou seja, a comunicação com o Outro Lado da Vida através de gravações em computador e vídeo. Este ano de 2009 traz uma nova rota para nossa pesquisa, pois inicio Mestrado na PUC - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, justamente para levar a Transcomunicação ao meio acadêmico, coisa que jamais ocorreu na História. Veremos, daqui a uns anos, o que teremos conseguido.
Como foi o processo de aprovação de sua tese de mestrado, sobre este assunto tão avesso ao mundo acadêmico?

Chegaram a me chamar na PUC para eu mudar minha tese, mas não aceitei. Tenho premência em conduzir a pesquisa conforme a proposta, pois minha tese não será simples - propus uma mega-tese multidisciplinar, pois já considerei o fato de que eu, sozinha, seria inapta para comprovar qualquer coisa. Propus a participação de engenheiros, físicos e matemáticos - todos com doutorado, para que sejam eles que avaliem, dentro dos parâmetros requeridos pela Ciência, que o fenômeno é real. A minha parte é levantar a ocorrência do fenômeno - a deles será endossar a autenticidade e - dentro das possibilidades -, tentar explicá-lo.
Quem serão os maiores beneficiados com a comprovação científica da sobrevivência após a morte?

A meu ver, a própria Humanidade, que deixará de se enganar. É como se fosse chegada a hora de sair da infância e encarar a realidade da nossa evolução contínua.
Você pode explicar aos nossos leitores, em sua maioria, leiga neste assunto, o que seria a hipótese "sobrevivencialista" em contraposição à hipótese "psi"?

Quem é a favor da sobrevivência após a morte vê a coisa como sendo o ser humano composto de um corpo e uma alma, ou espírito. Na morte do corpo físico, esse espírito ou consciência, prosseguiria na jornada. Esse é o ponto de vista dos espiritualistas. Já uns tantos parapsicólogos acham que os fenômenos paranormais não são resultado de uma intervenção espiritual, mas sim, produto da própria mente de quem produz o fenômeno. No caso da Transcomunicação, exaustivamente essa segunda hipótese fica descartada, por uma série de fatores que não arrolaremos para não nos estendermos. Mas sumarizamos dizendo que as Vozes que gravamos falam de coisas que ninguém sabia, dão nomes de pessoas, cidades de origem, etc., que o transcomunicador nunca ouviu falar. Filhos falecidos mencionam peculiaridades que só a família sabe, etc. Não há a menor possibilidade de ser produto da mente de alguém. Necessariamente, os contatos mostram que estamos em contato com seres que já partiram.
Como são realizadas suas experiências de gravação? Qual é sua rotina de pesquisadora?

Agora, com o Mestrado, tudo girará em função disso, e as gravações serão feitas para que os cientistas que participarão da tese possam ter mais e mais elementos de estudo. Fora disso, vou continuar dando uma aula por mês de como gravar para as pessoas interessadas.
Nos workshops realizados por você, como as pessoas têm reagido ao contato com entes que se foram? Na mesma linha desta questão, a saudade e a necessidade de um contato não podem prejudicar uma análise racional?

Em todos os cursos (workshops) que damos, todos obtêm resultados de seus falecidos e aprendem a gravar. Não há como comprometer a interpretação, porque, ou a resposta está lá ou não está. Nossas gravações há anos são bem claras... não deixam margem de dúvida ou permita dúbia interpretação. Se a gravação/resposta não for clara, será descartada.
Quando se fala em vida após a morte, as pessoas fazem logo uma conexão com religião, que, no sentido clássico, vai na contramão da pesquisa científica. Como você lida com isto?

Religião que se esconde atrás de dogmas e não respeita a lógica deve estar com os dias contados. A globalização e o avanço tecnológico despertaram a racionalidade, e a visão setorizada tende a mudar. Ou algo é "verdade" ou não merece crédito. E tudo que é "verdade" tem que ser passível de análise e investigação. Há de chegar o tempo em que o ser humano dispensará supostas leis divinas, sejam lá quais forem, que não passem pelo crivo da lógica racional.
Considerando a hipótese sobrevivencialista, quais as diferenças deste contato em relação à psicografia, já que as gravações captam pequenas frases, às vezes com uma estrutura gramatical inversa, bem diferente dos livros mediúnicos, que são verdadeiros tratados, romances, com estruturas complexas...

A diferença fica por conta de que tudo que não pode ser matematicamente investigado, fica excluído do interesse da Ciência. Até hoje, centenas de médiuns têm dado importante contribuição no sentido filosófico e social; porém, fica fora da possibilidade da comprovação da realidade disso. Já no caso da Transcomunicação, qualquer "alô!" vem com um peso incontestável diante dos olhos de um cientista. Por isso, penso que a Transcomunicação Instrumental é o veiculo mais poderoso para comprovar que se vive depois da morte, além, claro, de levar consolo a milhares de pessoas que sofrem com a perda de alguém querido.

Enviado por Pompéia Moreira/BA

terça-feira, 21 de julho de 2009

NADA DE COITADINHO

Domingo, 21 de Junho de 2009
Nada de Coitadinho





Nascido em Ituiutaba (MG) a vida do médium Jerônimo Mendonça (1939-1989) foi um exemplo de superação de limites. Totalmente paralítico há mais de trinta anos, sem mover nem o pescoço, cego há mais de vinte anos, com artrite reumatóide que lhe dava dores terríveis no peito e em todo o corpo, era levado por mãos amigas pelo Brasil afora, para proferir palestras. Foi tão grande o seu exemplo que foi apelidado “O Gigante Deitado” pelos amigos e pela imprensa.



Houve uma época, em meados de 1960, quando ainda enxergava, que Jerônimo quase desencarnou. Uma hemorragia acentuada, das vias urinárias, o acometeu. Estava internado num hospital de Ituiutaba quando o médico, amigo, chamou seus companheiros espíritas que ali estavam e lhes disse que o caso não tinha solução. A hemorragia não cedia e ele ia desencarnar.



- Doutor, será que podemos pelo menos levá-lo até Uberaba, para despedir-se de Chico Xavier? Eles são muitos amigos.



- Só se for de avião. De carro ele morre no meio do caminho.



Um de seus amigos tinha avião. Levaram-no para Uberaba. O lençol que o cobria era branco. Quando chegaram a Uberaba, estava vermelho, tinto de sangue. Chegaram à Comunhão Espírita, onde o Chico trabalhava então. Naquela hora ele não estava, participava de trabalho de peregrinação, visita fraterna, levando o pão e o evangelho aos pobres e doentes.



Ao chegar, vendo o amigo vermelho de sangue disse o Chico:



- Olha só quem está nos visitando! O Jerônimo! Está parecendo uma rosa vermelha! Vamos todos dar uma beijo nessa rosa, mas com muito cuidado para ela não “despetalar”.



Um a um os companheiros passavam e lhe davam um suave beijo no rosto. Ele sentia a vibração da energia fluídica que recebia em cada beijo. Finalmente, Chico deu-lhe um beijo, colocando a mão no seu abdome, permanecendo assim por alguns minutos. Era a sensação de um choque de alta voltagem saindo da mão de Chico, o que Jerônimo percebeu. A hemorragia parou.



Ele que, fraco, havia ido ali se despedir, para desencarnar, acabou fazendo a explanação evangélica, a pedido de Chico, e em seguida veio a explicação:



- Você sabe o porquê desta hemorragia, Jerônimo?



- Não, Chico.



- Foi porque você aceitou o “coitadinho”. Coitadinho do Jerônimo, coitadinho... Você desenvolveu a autopiedade. Começou a ter dó de você mesmo. Isso gerou um processo destrutivo. O seu pensamento negativo fluidicamente interferiu no seu corpo físico, gerando a lesão. Doravante, Jerônimo, vença o coitadinho. Tenha bom ânimo, alegre-se, cante, brinque, para que os outros não sintam piedade de você.



Ele seguiu o conselho. A partir de então, após as palestras, ele cantava e contava histórias hilariantes sobre as suas dificuldades. A maioria das pessoas esquecia, nestes momentos, que ele era cego e paralítico. Tornava-se igual aos sadios.



Sobreviveu quase trinta anos após a hemorragia “fatal”. Venceu o “coitadinho”.



Que essa história nos seja um exemplo, para que nos momentos difíceis tenhamos bom ânimo, vencendo a nossa tendência natural de autopiedade e esmorecimento.



Extraído do Jornal Espírita de Setembro de 2007


Fonte: http://magnetismo.blogspot.com/

Enviado por Laura Romão/BA

Blog "Magnetismo"

Blog interessante de se conhecer. Clic no nome.


Magnetismo

Shared via AddThis

segunda-feira, 20 de julho de 2009

ENTREVISTA SOBRE MENTIRA À REVISTA VEJA

O americano David Livingstone Smith acostumou-se a polêmicas ao defender suas idéias. Afinal, propalar que o ser humano é mentiroso por natureza e que a mentira é útil à sociedade vai contra o senso comum. Aos 53 anos, diretor do Instituto de Ciência Cognitiva e Psicologia Evolutiva da Universidade de New England, nos Estados Unidos, ele defende que o mundo seria um caos se todos decidissem falar a verdade. Em seu livro Por que Mentimos – Os Fundamentos Biológicos e Psicológicos da Mentira (Editora Campus/Elsevier), lançado no fim de 2005 no Brasil, Smith afirma que somos programados para enganar desde os primórdios da humanidade. Seja para nos proteger, seja para levar vantagem. Quem mente com desenvoltura, diz ele, pode até sobressair entre os demais. O exemplo clássico é o dos políticos, que mentem por profissão e continuam tendo o ouvido de milhares de pessoas. O motivo? A dissimulação é parte da vida em sociedade e são raras as pessoas com o dom de distinguir um comportamento normal da mentira patológica.

Veja – Por que mentimos?
Smith – A mentira está por toda parte. Ela é normal. Todos mentimos e quem diz o contrário mente. Temos dificuldade em nos reconhecer como mentirosos porque há um julgamento moral contrário. Mentimos para obter vantagens e para nos proteger de algo, o que significa que estamos, de certa forma, passando a perna em alguém. Quem mente bem costuma se dar melhor do que quem não consegue fazê-lo.
Veja – Por quê?
Smith – Porque a mentira traz vantagens indiscutíveis. Bons mentirosos são mais populares e bem-sucedidos. Alguns conseguem enganar por muito tempo e atingem status social mais alto e até melhores salários. A mentira está em toda a natureza. Vírus enganam o sistema imunológico de seus hospedeiros, plantas dissimulam para se livrar de predadores, animais blefam para conseguir comida. Não é só uma questão de sobrevivência. É levar vantagem. E ser melhor do que os concorrentes. E assim é a vida humana também.
Veja – Então mentir é razoável?
Smith – A mentira é o pilar das relações sociais. Há pais que dizem: "Ensino meu filho a não mentir". Isso é falso. Somos nós que os ensinamos a não dizer a verdade. Ensinamos que é errado dizer à vovó que os seios dela são caídos. Ensinamos as crianças a agradecer pelo presente de Natal mesmo quando elas o odeiam. Isso pode ser chamado de "tato", "boas maneiras", mas são mentiras. A mentira não é boa ou ruim, ela é necessária. Imagine o mundo em que todos fossem verdadeiros uns com os outros. Seria o caos.
Veja – Quem mente bem é mais inteligente?
Smith – Eles são socialmente mais inteligentes. Conseguem perceber o que a outra pessoa quer ouvir, o que é pertinente contar naquela hora, têm sensibilidade para notar a vulnerabilidade alheia. São melhores manipuladores. Mas é preciso dizer que mentimos melhor quando não sabemos que estamos mentindo. Ou seja, quando enganamos a nós mesmos. A melhor mentira é contada por aquele que acredita no que está dizendo.
Veja – É o caso dos políticos?
Smith – Políticos são mentirosos profissionais. Eles mentem habilmente e, na maioria das vezes, têm consciência disso. O que eles fazem é captar com precisão os anseios do eleitorado. Eles não estão preocupados se vão conseguir fazer o que prometem ou não. O político mente para se dar bem. Quando ele acredita na própria mentira, seu poder de persuasão se torna infinitamente maior. Hitler foi um exemplo disso. Era um enganador brilhante. E claramente acreditava no que dizia.
Veja – Quando os políticos são apanhados em uma mentira, eles se safam mais facilmente do que as outras pessoas. Por quê?
Smith – É uma questão de sobrevivência. Um político mentiroso quando é obrigado a ir à televisão para se desculpar por suas lorotas está perdido. Ele não ganha nada com isso. Não há nada de moralmente superior no fato de confessar uma mentira, até porque, quando os políticos o fazem, é de modo muito calculado. Mentir convincentemente e ser pego é coisa rara para um político. Como profissionais no assunto, eles se tornaram experts em respostas evasivas e desculpas esfarrapadas para encobrir inverdades.
Veja – Por que acreditamos nas mentiras dos políticos mesmo sabendo que eles são treinados para nos enganar?
Smith – Porque é mais fácil e seguro para nós mesmos nos convencermos delas. Quando alguém diz com convicção que vai melhorar a sua vida, como não querer acreditar nisso? Podemos até desconfiar em um primeiro momento, mas, como é um alento crer nessa hipótese, acabamos nos convencendo. A sensação de prazer trazida por acreditar em algo é inebriante. É um grande prazer para os americanos acreditar que são superiores ao resto do mundo. Se pensassem nisso por cinco minutos, saberiam que não é verdade. Mas não o fazem porque isso lhes traz muita satisfação. É impressionante como nossas escolhas sobre aquilo em que acreditamos são baseadas no que nos faz sentir bem, importantes, esperançosos. É com isso que os políticos jogam.
Veja – Qual a diferença entre uma mentira contada por um político e a contada por uma pessoa comum?
Smith – A contada por políticos tem conseqüências mais graves, mas, na média, não há muita diferença. Passamos a vida fabulando coisas, uma boba aqui, outra mais inocente ali, e as grandes também. É preciso ter em mente que não se trata de maniqueísmo. Da mesma maneira que os políticos mentem, nós também nos enganamos porque queremos acreditar em suas mentiras.
Veja – Como isso se processa na mente humana?
Smith – O princípio de tudo é o auto-engano. Como sabemos que mentimos para nós mesmos, inconscientemente criamos um mecanismo de defesa que nos impede de nos aprofundar muito naquele assunto. Se o fizermos, nós mesmos ficaremos expostos como mentirosos. É nesse sentido que somos programados para aceitar mentiras. Quando o presidente George W. Bush afirmou que existiam armas de destruição em massa no Iraque, ele talvez tenha mesmo se convencido disso. A realidade é que os métodos para entender como a mente processa a mentira ainda são muito falhos.
Veja – O ex-presidente Bill Clinton mentiu sobre o caso com a estagiária Monica Lewinsky, sobre fumar maconha e não tragar, sobre casos de sua infância. Ainda assim, é um dos maiores líderes mundiais. Por que esses fatos não parecem manchar sua biografia?
Smith – O exemplo de Clinton não serve para o resto do mundo. Para os americanos, a moralidade se resume a sexo e Deus. Quando alguém se mete em algo assim, os americanos conseguem perdoar. O conceito de mentira é muito flexível para os políticos. Ao se defender, Clinton inventou um padrão técnico para encobrir uma mentira. Ele resolveu dar uma definição muito pessoal sobre o que efetivamente era fazer sexo. O fato é que, na maior parte das vezes, no fundo, sabemos que os políticos mentem. No fundo também é isso que esperamos deles.
Veja – Como saber que um político está mentindo?
Smith – Isso é muito difícil. Pesquisas mostram que apenas um em 1 000 indivíduos consegue detectar sinais de mentira em outra pessoa. No caso dos políticos, profissionais treinados só conseguem identificar mentiras em 10% dos casos. Políticos são brilhantes em nos distrair com o que dizem. Aqueles que não conseguem mentir bem nunca chegam lá. É uma tragédia pensar que a política é uma das atividades mais vitais nas sociedades em todo o mundo pois é uma das mais irracionais e desonestas que existem.
Veja – Detectar uma mentira depende de quê? Sensibilidade? Inteligência?
Smith – As pessoas que prestam atenção à linguagem corporal, ao tom de voz, são melhores do que as que escutam as palavras. É simples assim. Algumas poucas pessoas fazem isso naturalmente, a maior parte não consegue. Podemos até achar algo estranho, mas somos enganados pelas palavras. De fato, deveríamos prestar mais atenção ao nosso próprio instinto. Existem métodos empíricos, como os do pesquisador Paul Ekman, da Universidade da Califórnia, há trinta anos no ramo. Ele analisa os movimentos dos olhos, a respiração e os sinais verbais. No entanto, quando estamos envolvidos emocionalmente, perdemos a objetividade para perceber tudo isso. Na política estamos quase sempre envolvidos emocionalmente.
Veja – Não existe política sem mentiras?
Smith – Infelizmente, não. A democracia é algo maravilhoso, mas funciona por um processo de venda e manipulação. Nesse processo, a mentira é intrínseca. A única proteção que temos contra isso é sermos céticos, críticos e podermos contar com uma imprensa justa, livre e que defenda os cidadãos.
Veja – Quando alguém diz que "não sabe de nada" sobre um fato em que todas as evidências provam o contrário, isso é mentir?
Smith – Qualquer coisa feita para iludir é uma mentira. Omitir-se ou inventar um padrão técnico para se explicar sobre algo é mentira, sim. As pessoas usam essas coisas apenas para escapar e, efetivamente, escapam.
Veja – Existem meia mentira e meia verdade?
Smith – Algumas vezes mentimos dizendo a verdade. Digamos que eu não queira que você saiba algo sobre mim. Posso relatar esse dado de uma maneira tão exagerada que você o desconsideraria. Não menti, mas você não acreditou. Ou seja: manipulei. Existem graus de distorção no que dizemos uns aos outros, mas acho que o que caracteriza a mentira é fazê-lo com o objetivo de vantagem.
Veja – Existem mentiras aceitáveis?
Smith – Claro. Falar com alguém de quem você não gosta, omitir seu real estado de espírito, dizer que a pessoa está magra, quando na verdade ela está gorda, tudo isso são mentirinhas do dia-a-dia que fazem parte dos padrões sociais de convívio. A mentira ocorre naturalmente a todos nós, e muitas vezes não sabemos que estamos mentindo.
Veja – Com que freqüência as pessoas mentem?
Smith – Há uma pesquisa relevante feita pelo psicólogo Robert Feldman, da Universidade de Massachusetts, mostrando que as pessoas contam três mentiras a cada dez minutos de conversa. É interessante, mas é uma definição estreita da mentira. Não se mente só com palavras. Um político, querendo esconder alguma coisa ou estando inseguro do que diz, pode chegar a um palanque ou a um debate na TV e falar de maneira pomposa, mostrar-se indignado, aparentar confiança. Ele vai convencer muita gente. Precisamos observar o comportamento desonesto de forma muito mais abrangente. E, quando o fizermos, descobriremos que o ato de mentir é muito mais amplo do que se imagina.
Veja – Onde se mente mais: na política ou nos casamentos?
Smith – Eu diria que é na política. O fato é que, quanto mais interesses comuns as pessoas tiverem, menos terão de mentir umas para as outras. Se estivermos do mesmo lado, ainda assim mentiremos um para o outro, mas menos do que alguém que queira me vender um carro usado danificado. A política é um sujeito tentando se vender a você. Então, a mentira é central.
Veja – Quando mentimos mais?
Smith – Em geral, quando queremos algo de outra pessoa e esta não quer nos dar. Nas conquistas amorosas, ocorre sempre. Queremos parecer mais atraentes sexualmente ou mais inteligentes do que somos. Nas relações de trabalho, mentimos sobre nossas habilidades e competências. É crucial saber que isso ocorre involuntariamente. É como respirar.
Veja – Quem mente mais, o homem ou a mulher?
Smith – Os homens tendem a dizer que as mulheres mentem mais, e vice-versa, mas não acho que exista alguma evidência disso. Acredito que mentem igualmente. Tudo depende do que se quer obter.
Veja – Nascemos mentirosos?
Smith – Contar mentiras é uma tendência tão internalizada no ser humano como a capacidade de falar e caminhar. Não temos a escolha de não mentir. Quem não mente, no sentido estrito da palavra, são os autistas. Para que possamos mentir, precisamos perceber como as pessoas nos vêem. Para quem não entende isso, como os autistas, a idéia de esconder a verdade não faz sentido. Não é por uma superioridade moral, mas por uma deficiência neurológica que os torna inábeis para perceber essa sutileza. Então, com exceção dos autistas, somos todos mentirosos por natureza.
Veja – O senhor mente muito?
Smith – Sou péssimo mentiroso.
Veja – Mentiu nesta entrevista?
Smith – Fiquei aqui, ao telefone, tentando dar a você a impressão de ser melhor do que sou realmente. É uma mentira, não é?

AS ENERGIAS PARA JULHO DE 2009

RENASCENDO NA LUZ DIAMANTE


Arcanjo Miguel através de Celia Fenn

Amados Trabalhadores da Luz, o mês de Julho será repleto de energias de Mudança e de Transformação. A Luz Diamante continua a trazer a iluminação e o despertar ao Planeta, e ao mesmo tempo, há novos Códigos de Luz para a evolução do Planeta que serão ativados na Consciência Coletiva, na Lua Cheia e no Eclipse Lunar, em 7 de Julho, e na Lua Nova e no Eclipse Solar, em 22 de Julho, assim como no Portal de Leão que se abre no dia 23 de Julho.
Será realmente um tempo poderoso, e no qual vocês precisarão manter a Luz Diamante em seu Coração e a sua energia, na Paz e Calma, enquanto as mudanças ocorrem e a energia da Nova Terra facilita a desintegração da velha energia e o nascimento da Nova Terra. Neste processo, vocês perceberão que as suas próprias energias internas estão no processo de renascimento, a fim de serem capazes de assumir a forma nas freqüências mais elevadas da Nova Terra. Este processo de Renascimento afetará a energia dos chacras inferiores, para permitir que o esplendor e a pureza da Consciência Cósmica se tornem parte da Realidade Material na Nova Terra.
Assim é, Amados Trabalhadores da Luz, que na Lua Cheia e no Eclipse Lunar, as energias Masculinas do Planeta Terra serão renascidas nas Freqüências Superiores da Luz. A Consciência Coletiva receberá as energias mais suaves da Ascensão e da energia Crística Masculina. Isto será facilitado pelas ativações do Código Lunar da Lua Cheia e do Eclipse, em Capricórnio, auxiliada pela poderosa energia transformadora de Plutão, em Capricórnio. Os "Códigos Lunares" para a energia Masculina que esteve ausente da Realidade da Terra, por tanto tempo, serão plenamente restaurados e ativados ao nível do Novo Cristo Cósmico.
Neste momento, a energia do Masculino Divino na Consciência Coletiva, começará a expressar na forma, através da Co-Criação, as energias ascensionadas do Amor Incondicional, da Participação e da Capacitação para Todos. Esta mudança no Coletivo, manifestará muita ansiedade e stress, pois o velho é liberado e o novo assume a forma. Estas energias criarão uma oportunidade para a liberação dos velhos padrões e a inclusão dos novos padrões de ser e de relacionamento.
Estas novas Ativações do Código de Luz afetarão os três chacras inferiores, e haverá uma liberação da velha energia e um alinhamento com as energias da Luz Diamante que são mantidas dentro do Diamante do Coração e são irradiadas nos Chacras inferiores para "harmonizar" as freqüências destes chacras com as novas freqüências da Luz Diamante.
Estas mudanças podem ser sentidas ao nível físico como vibrações e dores na parte inferior do corpo, enquanto as energias que chegam se reestruturam e se realinham com os chacras inferiores. Outras sensações podem ser a hiperatividade ou a fadiga extrema enquanto os chacras recalibram as suas freqüências. Pode haver mudanças extremas no humor e nas emoções enquanto a limpeza emocional e o realinhamento ocorrem, e alguns de vocês podem se sentir muito tristes com o desejo de chorar sem razão, enquanto vocês liberam a velha tristeza e se movem para a nova alegria. Ao nível mental, pode haver extrema ansiedade, pois os velhos padrões do medo são liberados e substituídos por novos padrões do Amor e da Participação.
Neste momento, Amados, vocês também podem experienciar o término e a conclusão de muitos relacionamentos, enquanto os velhos padrões de relacionamento são substituídos pela nova Energia Ascensionada do Sagrado Coração, como a base para as uniões e os relacionamentos.
Isto significará, queridos Trabalhadores da Luz, que as velhas energias em relação ao Dinheiro, à Sexualidade e ao Poder, serão substituídas por novas energias mais elevadas que vocês têm mantido para o Coletivo. Em lugar das energias distorcidas da Ganância e do Medo em relação ao Dinheiro, as novas energias introduzirão as freqüências mais elevadas da Abundância, do compartilhar e do Suficiente para Todos. O Anjo Humano Ascensionado estará tranqüilamente confiante de que ele ou ela será sempre capaz de manifestar exatamente o que for necessário para sustentar a vida, e que ele ou ela terá sempre o suficiente para compartilhar com outros que possam não ter ainda aperfeiçoado as habilidades de manifestação neste momento de transformação e de mudança. Estas energias serão introduzidas através de um realinhamento das energias do Chacra Básico.
A nova energia em torno da Sexualidade, substituirá as energias distorcidas do domínio e do controle através da manipulação das energias criativas e reprodutoras. Quando o chacra Sacral se alinhar com a Luz Diamante do Sagrado Coração, as novas energias criarão Relacionamentos Sagrados, nos quais cada relacionamento será mantido sagrado e será um reflexo da União Divina das energias. No centro do Relacionamento estarão as energias do Amor Incondicional, da Aceitação e do Compromisso. Cada Relacionamento terá um foco de energia e este será o foco do Compromisso Sagrado dentro do Relacionamento. A energia da Criatividade que é o propósito do Chacra Sacral será usado nos Relacionamentos Sagrados para manifestar as energias do Sagrado na Nova Terra. E, porque vocês são agora Co-Criadores no Planeta, cada um de vocês decidirá em seus Relacionamentos qual é o propósito Sagrado e o foco das suas parcerias e como vocês expressarão isto em alinhamento com a Mestria da sua energia da Luz Diamante.
A velha energia do Poder como um meio de controle e de manipulação, será substituída no Chacra do Plexo Solar, pela nova energia Crística Ascensionada da Capacitação Pessoal, e da habilidade de manter a energia do Amor Incondicional no Coração em todos os momentos. A freqüência do Amor transmitida através do Diamante do Coração se manifestará como a habilidade em fluir a sua energia pessoal em qualquer situação sem precisar exercer o controle e o domínio. O Fluxo do Amor Incondicional assegura que cada ser seja capaz de expressar as suas necessidades e desejos sem o medo e ter estas necessidades satisfeitas com amor, por aqueles com quem ele ou ela se conecta. A essência da Nova Terra é a negociação e a cooperação como um meio de manifestar para o bem mais elevado em todos os momentos. Amados, vocês aprenderão as habilidades de trabalharem juntos como grupos, para assegurar que todos sejam capazes de manifestar o que eles precisarem e desejarem em todos os momentos, e que vocês possam apoiar o processo da manifestação, não apenas para si mesmos, mas para os outros também. Neste caso, aprender como criar a Harmonia através da Unidade será a habilidade essencial que trará a energia do Plexo Solar em alinhamento com a Luz Diamante do Coração.
Assim, Amados, no dia 22 de Julho, a Lua Nova estará em Câncer e haverá um Eclipse Solar que também ativará os Novos Códigos Solares de Luz. Estas serão as Ativações para as energias Solares Femininas, as energias Crísticas Ascensionadas Femininas, que estão sendo codificadas no Coração Diamante do Planeta e no Coração Diamante de cada Anjo Humano Desperto e Ascensionado na Terra, neste momento.
Neste momento, as velhas energias de "vítima" do Feminino nas velhas energias, serão substituídas na Consciência Coletiva pela energia Ascensionada da Capacitação e da Criação com o Espírito. O Novo Anjo Humano estará aberto para Receber com Graça e Gratidão, a Abundância que é oferecida pelo Rio Cósmico da Vida. O Chacra Básico será realinhado da carência e da pobreza da velha consciência e será ajustado na freqüência da Aceitação e da Gratidão, no conhecimento de que a Abundância está sempre presente e que a falta é uma ilusão. Ao nível do Chacra Sacral e do Sexual e da energia Criativa, o Novo Código permitirá que a energia Feminina seja capacitada para expressar a Paixão e a Criatividade e para receber estas energias dos outros com Graça e Gratidão. Ao nível do Chacra do Plexo Solar, os novos Códigos de Luz permitirão que a energia Feminina expresse o seu poder e a sua capacitação através das energias da Igualdade e da Participação. Dar e Receber serão mantidos em equilíbrio neste ponto, e os novos Códigos de Luz permitirão ao Anjo Humano assegurar que ele ou ela Receba e Dê de um modo equilibrado e amoroso, que honre a essência de cada indivíduo no grupo ou na comunidade.
Na Consciência Coletiva, Amados, as velhas energias da Polaridade e da Dualidade serão substituídas pelas energias Yin e Yang da Complementação e da Co-Criação.
E então, no dia 23 de Julho, quando o Sol se move para Leão, o "Portal de Leão" se abrirá, para restaurar os novos Códigos Evolutivos para a Nova Terra dos Portais Cósmicos de Sírius, Alcione e Arcturus, e trazer os novos códigos ao Coração da Humanidade do Centro Galáctico e da Consciência de Andrômeda. Enquanto a Nova Terra se manifesta, os Códigos Estelares, Galácticos e Cósmicos para a Evolução da Freqüência da Luz serão também codificados na Consciência Humana Coletiva, através das Freqüências de Luz Diamante. Neste momento, aqueles que estiverem plenamente Despertos para a sua Consciência Cósmica, começarão o processo de integração dos seus Códigos Estelares e Cósmicos e de co-criação com a Consciência Galáctica e Estelar. Inicialmente, isto será através dos estados de Sonho, e muitos de vocês serão chamados para reuniões e conferências em seus estados de sonho para compartilhar o novo Conselho Galáctico que inclui a Nova Terra e a sua população Ascensionada. Mas, enquanto a energia Cósmica se torna mais poderosa, vocês estarão capacitados para participar de reuniões do Conselho Galáctico de modos mais conscientes.
Assim, Amados Trabalhadores da Luz, vocês podem perceber que as energias do Novo estão muito poderosas agora, e que os velhos modos de ser e de perceber com as suas limitações da terceira dimensão, não lhes servirão agora. É realmente o momento para aceitarem plenamente o seu eu multidimensional e se moverem para a nova consciência e para a nova realidade, pois ela é criada em vocês através da Linguagem da Alma Cósmica, que é Luz, Som e Padrões da Consciência.
As Crianças da Luz Diamante: Apoiando a Nova Consciência
Neste momento, esta poderosa mudança dos Códigos de Luz e da consciência, está sendo apoiada pela chegada das crianças da Luz Diamante no Planeta. Estas são as almas dos Mestres Cósmicos que estiveram encarnando na Terra, neste ano de 2009. Enquanto mais delas chegam, elas estão facilitando a transformação e a mudança, e muitas das Crianças Cristal estão "elevando" a sua consciência de modo a serem capazes de entrar na energia da Luz Diamante da Consciência Cósmica Plena. Seu apoio está possibilitando ao resto do Coletivo Humano a fazer mudanças similares na Consciência Cósmica e a se alinhar totalmente com a Luz Diamante.
E assim, neste momento, o Coletivo Humano está vivendo em duas realidades simultâneas. A Velha Realidade, com as suas velhas energias, está se desintegrando e decaindo. Os velhos Códigos de Luz e os padrões de Energia estão se tornando cada vez mais inúteis como meios de Ser no Planeta. Isto origina uma profunda ansiedade e pânico em muitos, e um crescente medo de desastres e catástrofes. Esta energia talvez seja necessária como um meio pelo qual o Coletivo possa expressar a transformação e o trabalho através dos medos e ansiedades que surgem. Muitos estão repetindo velhos medos e ansiedades de sobrevivência em torno das destruições da Lemúria e da Atlântida. Mas, ao mesmo tempo, o Novo Sonho e a Nova Terra, estão sendo criados no Consciente Coletivo e em cada Anjo Humano Desperto, de modo que a Nova Realidade possa se manifestar e assumir a forma. Amados, cada um de vocês tem agora que escolher em qual Realidade vocês viverão, de acordo com a sua habilidade de estar consciente e desperto e de engajar em sua energia Criativa e no trabalho com o Espírito. As Crianças Diamante estão aqui para recebê-los na Nova Realidade.
Amados, muitos de vocês perguntam como saberão quando tiverem alcançado a Nova Consciência. Como saberão quando tiverem acessado toda a energia da Nova Terra da Quinta Dimensão. Bem, nós diríamos que em primeiro lugar, vocês se conscientizarão de sua Divindade interior e de sua Consciência Cósmica. Vocês sentirão a energia "Eu Sou" da Alma e do Espírito que vive no Diamante, dentro do Coração. Segundo, vocês terão absoluta confiança em sua habilidade de Co-Criar e de Manifestar com o Espírito e de proporcionar tudo o que vocês precisam na Terra, dentro de sua Realidade e de viver com conforto e abundância. Terceiro, vocês terão entrado em uma consciência de natureza Infinita do Tempo e do Espaço. Vocês viverão plenamente no Momento Presente, sabendo que o passado e o futuro são ilusões, e que o Agora é a única Realidade. Vocês não terão medo da morte, pois sentirão absoluta confiança ao se defrontar com todas as transições e transformações em sua existência com graça e paz. E, finalmente, vocês se sentirão como um Mestre de seu próprio destino, sabendo que vocês criam a sua própria Realidade em todos os momentos. E vocês saberão que se não se sentirem confortáveis em uma criação, que podem mudá-la a qualquer momento e criarem outra Realidade.
Realmente, Amados, nós podemos somente dizer: "Bem-Vindos à Nova Terra!"
As Energias para Julho de 2009
No dia 7 de Julho, a Lua Cheia estará em Capricórnio com o Sol em Câncer. Haverá também um Eclipse Lunar para a Ativação dos Novos Códigos Lunares de Luz Masculinos. A energia de Câncer e de Capricórnio enfatiza a energia da Mãe e do Pai, ou das energias do Masculino e do Feminino Divino. É um momento para celebrar o aparecimento e o renascimento das energias Ascensionadas Masculinas de Cristo.
No dia 22 de Julho, haverá um Eclipse Solar em Câncer, no qual os Códigos Solares Femininos das Energias Capacitadoras Crísticas Femininas serão codificados na Consciência Coletiva. A Deusa Lunar auxiliará no renascimento da Consciência Solar Plena das Deusas do Fogo ou Solares, que serão expressas mais plenamente em Agosto, quando haverá um Eclipse Lunar em Leão e em Aquário, no dia 6 de Agosto, na Lua Cheia, no meio do período do Portal de Leão. Este será outra poderosa conexão das energias Cósmicas e das Ativações dos Códigos de Luz.
No dia 23 de Julho, o Sol se move para Leão, e a entrada para o Portal de Leão para 2009, se abre. As energias Cósmicas para a Evolução da Consciência Divina para o próximo ciclo anual começarão a ser recebidas por aqueles na Terra!
E assim, nós lhes desejamos uma jornada cheia de Luz, Amor e Risos em Julho de 2009!
Mensagem enviada por Lúcia Maria/BA
PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com