terça-feira, 27 de janeiro de 2015

REENCARNACAO E NOVA DESENCARNACAO DO PAI DA AVIACAO

REENCARNAÇÃO DE SANTOS DUMONT     Autor: Gerson Simões Monteiro    O leitor Gilson Machado me perguntou o seguinte: se o Espírito Santos Dumont já havia se comunicado por algum médium; se já estaria reencarnado; ou se estava no mundo espiritual assistindo às comemorações do centenário do primeiro vôo do seu avião 14 BIS em torno da Torre Eifel, em Paris. Bem respondendo à sua primeira pergunta, informo-lhe que em julho de 1948, Santos Dumont enviou pelo médium Chico Xavier uma oportuna mensagem, na qual diz em certo trecho:

REENCARNAÇÃO DE SANTOS DUMONT

Autor: Gerson Simões Monteiro

O leitor Gilson Machado me perguntou o seguinte: se o Espírito Santos Dumont já havia se comunicado por algum médium; se já estaria reencarnado; ou se estava no mundo espiritual assistindo às comemorações do centenário do primeiro vôo do seu avião 14 BIS em torno da Torre Eifel, em Paris. Bem respondendo à sua primeira pergunta, informo-lhe que em julho de 1948, Santos Dumont enviou pelo médium Chico Xavier uma oportuna mensagem, na qual diz em certo trecho: "Não há vôo mais divino que o da alma. Não existe mundo mais nobre a conquistar, além do que se localiza na própria consciência, quando deliberarmos converter-nos ao bem supremo. Alcemos corações e pensamentos ao Cristo". O texto na íntegra está publicado no livro Trinta Anos com Chico Xavier.
Com relação à sua segunda pergunta, esclareço-lhe que ele reencarnou na cidade de Campos, em março de 1956, como filho de Clóvis Tavares e de Hilda Mussa Tavares, com o nome de Carlos Vitor, segundo revelação de Chico Xavier. Aos nove meses de idade ele caiu de um carrinho de bebê, e com o tombo deslocou a vértebra cervical, ficando tetraplégico. Esse fato foi narrado por seu irmão Dr. Flavio Mussa Tavares, médico homeopata, ao ser entrevistado pelo jornal Folha Espírita de abril desse ano.
Dr. Flávio disse, também, que seu irmão, Carlos Vitor, a partir daí passou a depender totalmente de seus pais, dele e de sua irmã, vindo a desencarnar aos 17 anos de idade, em fevereiro de 1973. Como se sabe, Santos Dumont enforcou-se no dia 23 de julho de 1931, no Guarujá, em São Paulo, ao ficar deprimido durante a revolta constitucionalista, quando presenciou mineiros e paulistas a digladiarem-se pelo céu, usando o avião como arma de guerra. Não suportando ver o seu invento sendo usado para matar, cometeu o suicídio.
Foi por isso, diz Chico Xavier, que o Espírito Santos Dumont, antes de reencarnar, decidiu expiar a sua morte pelo suicídio, por meio de uma vida curta como paraplégico. Eis por que a queda acidental sofrida por Carlos Vitor, aos nove meses de idade, deslocou a sua vértebra cervical. Chico Xavier disse, também, num programa de TV, que a vértebra já estava deslocada no seu perispírito, isto é, no corpo semimaterial que envolve o Espírito, lesada ao se enforcar. Esse depoimento, aliás, encontra-se registrado no livro Jesus e Nós.

domingo, 25 de janeiro de 2015

Infancia: Onde se perde ?

Por Manoel Trajano


Tenho pensado ultimamente sobre a escalada de violência desenfreada no mundo inteiro e a velocidade da informação com que se chega ao cidadão de todo mundo.Violência banalizada,ideológica,politica, esportiva, social, sexual, religiosa, étnica,de todas as formas e circunstancias. Nada mais me surpreende no ser humano, mesmo estando no Seculo XXI ainda se comporta como no tempos medievais,com requintes de crueldade,bizarrice,sofisticação como se o outro corpo humano fosse um nada, um ser inanimado ou o que é pior,muitas vez,consciente disso o agressor sente prazer ao clímax na prática de seu ato.

Acredito que uma forma de diminuir esse quadro será quando começarmos a enxergar no outro como chegamos ao mundo,ou seja,uma criança inocente que cresceu e perdeu a inocência e pureza da infância. Procurarmos entender e estudar onde se perdeu a linha do respeito ao próximo no ser que foi criado muitas vezes com carinho e amor.Se não foi,onde a sociedade e as autoridades competentes falharam ao ver a infância migrar para a adolescência criminosa ou entre a adolescência e a fase adulta.

Sempre fui um critico convicto desse Estatuto da Criança e do Adolescente brasileiro,não do seu texto em si,porque  não sou do ramo,mas da sua aplicação ou falta de estrutura do que deveria ser aplicado.Hoje o jovem puxa o gatilho acompanhado do adulto delinquente.O jovem é apreendido e o adulto,preso.O jovem ao completar 18 anos é solto e tem sua ficha limpa.E ninguém acha estranho no Congresso Nacional e não se discute mudanças. No mundo vemos seres matando,se matando,se suicidando,maltratando e se pergunta onde está a sensibilidade e o carinho desses seres que um dia foram crianças. Quando o ser mata outro,pergunto onde está aquela criança que brincava ou deveria ter brincado perdeu sua infância,cresceu rebelde,foi agredida e virou algoz.Ninguem nasce mau.Somos enquanto espíritos criados ä imagem e semelhança do Pai que é bondade e amor,mas o ser encarna,reencarna,erra,prova,expia e volta a cometer os mesmos atos.Ha evolução sim por mais estranho que pareca,mas em vida encarnada,o espirito volta a ser criança,tem oportunidades de escolha por pior que seja a educação e hostilidade em casa. Nao ha fatores externos que sejam suficientes quando se ha amor em casa,independente da classe social do ser.Ha marginalidade em todas as classes.Ha psicopatas em todas as esferas.Onde erramos,onde se erra? Vejo um ser ser sendo linchado e pergunto onde estava aquela crianca que virou um delinquente e foi vitima da revolta social? Quando vejo um assassino sendo preso,matando de novo e debochando da policia pergunto onde se perdeu a crianca pura e inocente?

Vivemos numa sociedade que dispensa justica,pois sentencia e executa desde que nao seja seu parente ou amigo.Apologia a justica pelas proprias maos ao inves de se politizar e se organizar para mudar o quadro legislativo e de sua execucao. Vivemos ignorando a realidade e soberania de estados e nacoes de acordo com nossa conveniência.Cometemos erros,injusticas,equivocos como aquela mulher que foi arrastada no Guarujá/SP, linchada confundida num retrato falado.Todos assassinos,ninguém preso e uma familia abalada. Crianças que se perderam na ignorância,na psicologia coletiva empobrecida e que se via publico de todas as idades e gêneros justiceiros.

 

A sociedade ao ver menores infratores,principalmente em crimes letais e/ou hediondos,é a primeira a clamar por execucao capital,nao aquelas padronizadas em varios paises mas a pior de todas,na informalidade,nas ruas,na surdina cujas maos de sangue sao de pessoas "de bem",justiceiros cuja identidade é ignorada,policiais que as vezes em nome da acao o cumprem em nome da lei sem direito a defesa entre outros motivos.

 

Enfim,todos nasceram puros e inocentes enquanto carne e osso,espiritos endividados todos somos e pela oportunidade da escolha respeitarmos o outro,nao matarmos famílias atraves de um ou mais mortos por qualquer motivo(se é que existe para a violencia). Desde maus tratos de animais desde guri cabe observacao.O gosto pela violência é crescente e muitas vezes ignorado ou mesmo incentivado.

 

Nao sou da area de ciencias sociais ou humanas.Sou apenas um cidadao que nao consegue se acostumar com a escalada da barbarie a nivel global e cada vez mais proxima de mim e de minha familia e amigos.

domingo, 18 de janeiro de 2015

Sobre Pena de Morte e o brasileiro executado....

Espiritualmente falando o nivel atrasado em que se encontra a Terra não é de se espantar o que vemos ainda de violência de pessoas autorizadas por governos como da bandidagem como um todo.A questão do tráfico de drogas e do consumo delas tem raízes muito profundas que não são tratadas na base educacional, social e cultural por desinteresse destes próprios governos. Nossa doença de alma individual e coletivamente falando é grave e remonta a varias encarnações. E o que é pior, distantes julgamos e condenamos salvo se fosse um.parente ou amigo nosso. Pimenta nos olhos dos outros é refresco....

A melhor forma de resumi i episódio acima é HIPOCRISIA.Embora a PENA DE MORTE seja proibida no Brasil ha execucoes diarias entre policia e bandido e entre bandidos inclusive nas cadeias superlotadas com a conivencia dos primeiros.Politicos executam brasileiros matando de fome e falta de saude e pela omissao atraves da impunidade na violencia que nos assola.E ainda aparecem aqueles para falar em soberania da Indonesia.Se tivesse petroleo e gas natural la queria ver os grandes da ONU nao invadirem.Gradacao de pena é outro quesito.Imagine se ele tivesse matado e estuprado.Qual a pena pior que a morte?INCOERENCIA!

Para os que não sabem separar política e opção partidária de debate temático é o seguinte:

A chefe de estado está no papel dela de ter a reversão do quadro.A clemência em jogo se refere a pena máxima capital e não para eliminar oque o cara fez.Se ele tivesse matado ou estuprado seria mais grave não seria? Um atentado seria mais grave não? Nesse caso qual seria a pema pior q a morte. È uma incoerência. Cadê a gradação da pena? Seria arrastado ate morrer ao invés de fuzilamento. O brasileiro adora julgar sem se posicionar no.lugar do outro
Se fosse um parente seu pensaria igual? Aposto que não. Com relação aos policiais mortos concordo.Soberania nsviobsl de lá? Hipocrisia! Vamos separar opção partidária de ideologia que o buraco é mais embaixo e Aécio faria a mesma coisa!!!!

Precisamos ter calma e coração para analisar os fatos.

SDS

Trajano

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

EM FAMÍLIA


>
> EM FAMÍLIA
>
> A família consangüínea é a lavoura de luz da alma, dentro da qual
> triunfam somente aqueles que se revestem de paciência, renúncia e
> boa vontade.
>
> De quando a quando, o amor nos congrega, em pleno campo da vida,
> regenerando-nos a sementeira do destino.
>
> Geralmente, não se reúnem a nós os companheiros que já demandaram à
> esfera superior, dignamente areolados por vencedores, e sim
> afeiçoados menos estimáveis de outras épocas, para restaurarmos o
> tecido da fraternidade, indispensável ao agasalho de nossa alma, na
> jornada para os cimos da vida.
>
> Muitas vezes, na condição de pais e filhos, cônjuges ou parentes,
> não passamos de devedores em resgate de antigos compromissos
>
> Se és pai, não abandones teus filhos aos processos evolutivos da
> natureza animal, qual se fora menos digno de atenção que a hortaliça
> da tua casa.
>
> A criança é um "trato de terra espiritual" que devolverá o que
> aprende, invariavelmente, de acordo com a sementeira recebida.
>
> Se és filho, não desprezes teus pais, relegando-os ao esquecimento e
> subestimando-lhes os corações, como se estivessem em desacordo com
> os teus ideais de elevação e nobreza, porque também, um dia,
> precisarás da alheia compreensão para que se te aperfeiçoe na
> individualidade a região presentemente menos burilada e menos atendida.
>
> A criatura no acaso da existência é o espelho do teu próprio futuro
> na Terra.
>
> Aprende a usar a bondade, em doses intensivas, ajustando-a ao
> entendimento e à vigilância para que a tua experiência em família
> não desapareça no tempo, sem proveito para o caminho a trilhar.
>
> Quem não auxilia a alguns, não se acha habilitado ao socorro de muitos.
>
> Quem não tolera o pequeno desgosto doméstico, sabendo sacrificar-se
> com espontaneidade e alegria, a benefício do companheiro de tarefa
> ou de lar, debalde se erguerá por salvador de criaturas e situações
> que ele mesmo desconhece.
>
> Cultiva o trabalho constante, o silêncio oportuno, a generosidade
> sadia e conquistarás o respeito dos outros, sem o qual ninguém
> consegue ausentar-se do mundo em paz consigo mesmo.
>
> Se não praticas no grupo familiar ou no esforço isolado a comunhão
> com Jesus, não te demores a buscar-lhe a vizinhança. a inspiração e
> a diretriz.
>
> Não percas o tesouro das horas em reclamações improfícuas ou
> destrutivas.
>
> Procura entender e auxiliar a todos em casa, para que todos em casa
> te entendam e auxiliem na luta cotidiana, tanto quanto lhe seja
> possível.
>
> O lar é o porto de onde a alma se retira para o mar alto do mundo, e
> quem não transporta no coração o lastro da experiência dificilmente
> escapará ao naufrágio parcial ou total.
>
> Procura a paz com os outros ou a sós.
>
> Recorda que todo dia é dia de começar.
>
> Espírito: Emmanuel
> Psicografia: Chico Xavier
> Livro: Família

> ________________________________
>
> __,_._,___

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Programação Semanal do ASSIS

AMAR SOCIEDADE DE ESTUDOS ESPIRITAS agora é ASSIS,no mesmo local.
Porto da Barra,em frente ao forte.Salvador.Bahia



PROGRAMAÇÃO SEMANAL DO ASSIS

SEGUNDA-FEIRA
07:15 Atendimento Fraterno (Mário)
07:30 Doutrinaria e Passes
08:00 Desobsessão a Distancia (Aldo)
08:30 Desobsessão (Nilson)
19:00 Doutrinária e Passes
20:00 Fluidoterapia (Martha)
20:00 Grupo de Estudo (Ziza)

TERÇA-FEIRA
17:00 Atendimento Fraterno (Mário e Robson)
19:00 Doutrinária e Passes
20:00 Desobsessão (Carlos Santana)

QUARTA-FEIRA
16:00 Atendimento Fraterno (Ana Maria)
17:30 Atendimento Fraterno (Celice)
20:00 Educação Mediúnica (Ziza)

QUINTA-FEIRA
19:00 Doutrinária e Passes
______________________________________________________
Telefone: (71) 3018-2525 (somente nos horário das atividades)
FACEBOOK: ASSIS -  Centro de Estudos Espíritas Francisco de Assis

Obs.: caso não queira receber este email gentileza enviar resposta para assiscentro@gmail.com assunto REMOVER.




--

Manoel Trajano
Eng.Especialista em Segurança do Trabalho e Gás Natural
+55-71-9155-0556/8800-7713
e-mail/Gtalk :trajanomanoel@gmail.com
Twitter: http://twitter.com/manoeltrajano
Site: http://stv-engenharia.blogspot.com
Currículo Lattes:http://lattes.cnpq.br/8895443035893319 
PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com