terça-feira, 31 de maio de 2011

Fim da Guerra às Drogas -- restam 72 horas!


Isso é grande - a 72 horas do encontro com o Secretário Geral da ONU, nós estamos chegando perto de meio milhão de vozes! Conte a todos!

Caros amigos,


Em 72 horas, um grupo de poderosos líderes mundiais irá pedir à ONU que acabe a guerra contra as drogas e se mova em direção à legalização. Mas os políticos dizem que a sociedade não irá apoiar políticas alternativas com relação às drogas. Vamos apoiar massivamente esta oportunidade única e agir urgentemente. Assine abaixo, e conte a todos:
Em 72 horas nós podemos ver o começo do fim da 'guerra às drogas'. O tráfico ilegal de drogas é a maior ameaça à segurança da nossa região, mas essa guerra brutal falhou completamente em conter a praga da drogadição, ao custo de inúmeras vidas, da devastação de nossas comunidades e do afunilamento de trilhões de dólares em violentas redes de crime organizado.

Todos os especialistas concordam que a política mais sensata é a regulamentação, mas os políticos têm medo de tocar nesse assunto. Em 72 horas, uma comissão global incluindo antigos chefes de estado e figuras eminentes da política externa das Nações Unidas, União Europeia, Estados Unidos, Brasil, México e mais quebrarão o tabu e irão pedir publicamente novas abordagens, inclusive a descriminalização e regulamentação de drogas.

Este pode ser um momento único -- se um número suficiente de nós pedir um fim a essa loucura. Políticos dizem que entendem que a guerra às drogas falhou, mas alegam que a sociedade não está pronta para uma alternativa. Vamos mostrar a eles que não apenas aceitamos uma política sã e humana -- nós a exigimos. Clique abaixo para assinar a petição e partilhe com todo mundo -- quando nós alcançarmos meio milhão de vozes, ela será entregue pessoalmente aos líderes mundiais pela comissão global:

http://www.avaaz.org/po/end_the_war_on_drugs_la/?vl

Nos últimos 50 anos as políticas atuais de combate às drogas falharam em toda a América Latina, mas o debate público está estagnado no lodo do medo, da corrupção e da falta de informação. Todos, até o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, que é responsável por reforçar essa abordagem, concordam -- organizar militares e polícia para queimar plantações de drogas em fazendas, caçar traficantes, e aprisionar pequenos traficantes e usuários – tem sido completamente improdutivo. E ao custo de muitas vidas humanas - do Brasil ao México, e aos Estados Unidos, o negócio ilegal de drogas está destruindo nossos países, enquanto a drogadição, as mortes por overdose e as contaminações por HIV/AIDS continuam a subir.

Enquanto isso, países com uma política menos severa -- como Suíça, Portugal, Holanda e Austrália -- não assistiram à explosão no uso de drogas que os proponentes da guerra às drogas predisseram. Ao invés disso, eles assistiram à redução significativa em crimes relacionados a drogas, drogadições e mortes, e são capazes de focar de modo direto na destruição de impérios criminosos.

Lobbies poderosos impedem o caminho da mudança, inclusive militares, polícias e departamentos prisionais cujos orçamentos estão em jogo. E políticos de toda nossa região temem ser abandonados por seus eleitores se apoiarem abordagens alternativas. Mas pesquisas de opinião mostram que cidadãos de todo o mundo sabem que a abordagem atual é uma catástrofe. E liderados pelo presidente Cardozo, muitos Ministros e Chefes de Estado manifestaram-se pela reforma depois de deixar seus cargos. O momento está finalmente chegando de discutir novas políticas na América Latina, Estados Unidos e outras partes do mundo que estão devastadas por essa política desastrosa.

Se pudermos criar uma manifestação global nas próximas 72 horas para apoiar os pedidos corajosos da Comissão Global de Política sobre Drogas, nós poderemos superar as desculpas estagnadas para o status quo. Em nossas vozes está a chave da mudança -- assine a petição e divulgue:

http://www.avaaz.org/po/end_the_war_on_drugs_la/?vl

Nós temos uma chance de entrar no capítulo final dessa 'guerra' violenta que está destruindo milhões de vidas. A opinião pública irá determinar se essa política catastrófica será finalizada ou se políticos continuarão a nos usar como desculpa para evitar a reforma. Vamos nos unir com urgência para empurrar nossos líderes para fora da dúvida e do medo, para cruzar a fronteira e entrar no domínio da razão.

Com esperança e determinação,

Luis, Alice, Laura, Ricken, Maria Paz e toda a equipe Avaaz

FONTES:

Drogas e Democracia: Rumo a uma mudança de Paradigma, Comissão Latino-Americana sobre Drogas e Democracia
http://www.drogasedemocracia.org/Arquivos/livro_port_03.pdf

Avaliação da Política sobre Drogas dos Estados Unidos
http://www.drogasedemocracia.org/Arquivos/peter_reuter_portugues.pdf

Drogas. Alternativas à "guerra"
http://www.idpc.net/pt-br/publications/drogas-alternativas-a-guerra

"Guerra às drogas mostrou-se ineficiente", afirma presidente da Fiocruz
http://www.planetaosasco.com/oeste/index.php?/2011051613610/Nosso-pais/guerra-as-drogas-mostrou-se-ineficiente-afirma-presidente-da-fiocruz.html

Inovações Lesislativas em Políticas sobre Drogas
http://comunidadesegura.com.br/pt-br/node/47715

Os maiores massacres promovidos pelo narcotráfico no México
http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2011/05/20/os-maiores-massacres-promovidos-pelo-narcotrafico-no-mexico-924507620.asp

Drogas arrastam mulheres para o comando do tráfico
http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=973987

A insustentável guerra às drogas
http://www.brasildefato.com.br/node/5269

A Comissão Mundial sobre Política de Drogas, que vai pedir à ONU para acabar com a guerra contra as drogas (em Inglês)
http://www.globalcommissionondrugs.org/Documents.aspx


Apoie a comunidade da Avaaz! Nós somos totalmente sustentados por doações de indivíduos, não aceitamos financiamento de governos ou empresas. Nossa equipe dedicada garante que até as menores doações sejam bem aproveitadas -- clique para doar.



A Avaaz é uma rede de campanhas globais de 9 milhões de pessoas
que se mobiliza para garantir que os valores e visões da sociedade civil global influenciem questões políticas internacionais. ("Avaaz" significa "voz" e "canção" em várias línguas). Membros da Avaaz vivem em todos os países do planeta e a nossa equipe está espalhada em 13 países de 4 continentes, operando em 14 línguas. Saiba mais sobre as nossas campanhas aqui, nos siga no Facebook ou Twitter.


sexta-feira, 27 de maio de 2011

A guerra mais sem sentido do mundo



Caros amigos,


Em dias, um grupo de poderosos líderes mundiais irá pedir à ONU que acabe a guerra contra as drogas e se mova em direção à legalização. Mas os políticos dizem que a sociedade não irá apoiar políticas alternativas com relação às drogas. Vamos apoiar massivamente esta oportunidade única e agir urgentemente. Assine abaixo, e conte a todos:
Em dias nós podemos ver o começo do fim da 'guerra às drogas'. O tráfico ilegal de drogas é a maior ameaça à segurança da nossa região, mas essa guerra brutal falhou completamente em conter a praga da drogadição, ao custo de inúmeras vidas, da devastação de nossas comunidades e do afunilamento de trilhões de dólares em violentas redes de crime organizado.

Especialistas concordam que a política mais sensata é acabar com a guerra às drogas e legalizá-las, mas a maioria dos políticos tem medo de tocar no assunto. Em dias, uma comissão global incluindo antigos chefes de estado e altos membros da política externa do Reino Unido, União Europeia, Estados Unidos e México irão quebrar o tabu e pedir publicamente novas abordagens, inclusive a descriminalização e legalização de drogas.

Este pode ser um momento único -- se um número suficiente de nós pedir um fim a essa loucura. Políticos dizem que entendem que a guerra às drogas falhou, mas alegam que a sociedade não está pronta para uma alternativa. Vamos mostrar a eles que não apenas aceitamos uma política sã e humana -- nós a exigimos. Clique abaixo para assinar a petição e partilhe com todo mundo -- se nós alcançarmos 1 milhão de vozes, ela será entregue pessoalmente aos líderes mundiais pela comissão global:

http://www.avaaz.org/po/end_the_war_on_drugs_la/?vl

Nos últimos 50 anos as políticas atuais de combate às drogas falharam em toda a América Latina, mas o debate público está estagnado no lodo do medo, da corrupção e da falta de informação. Todos, até o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, que é responsável por reforçar essa abordagem, concordam -- organizar militares e polícia para queimar plantações de drogas em fazendas, caçar traficantes, e aprisionar pequenos traficantes e usuários – tem sido completamente improdutivo. E ao custo de muitas vidas humanas - do Brasil ao México, e aos Estados Unidos, o negócio ilegal de drogas está destruindo nossos países, enquanto a drogadição, as mortes por overdose e as contaminações por HIV/AIDS continuam a subir.

Enquanto isso, países com uma política menos severa -- como Suíça, Portugal, Holanda e Austrália -- não assistiram à explosão no uso de drogas que os proponentes da guerra às drogas predisseram. Ao invés disso, eles assistiram à redução significativa em crimes relacionados a drogas, drogadições e mortes, e são capazes de focar de modo direto na destruição de impérios criminosos.

Lobbies poderosos impedem o caminho da mudança, inclusive militares, polícias e departamentos prisionais cujos orçamentos estão em jogo. E políticos de toda nossa região temem ser abandonados por seus eleitores se apoiarem abordagens alternativas. Mas pesquisas de opinião mostram que cidadãos de todo o mundo sabem que a abordagem atual é uma catástrofe. E liderados pelo presidente Cardozo, muitos Ministros e Chefes de Estado manifestaram-se pela reforma depois de deixar seus cargos. O momento está finalmente chegando de discutir novas políticas na América Latina, Estados Unidos e outras partes do mundo que estão devastadas por essa política desastrosa.

Se pudermos criar uma manifestação global nos próximos dias para apoiar os pedidos corajosos da Comissão Global de Política sobre Drogas, nós poderemos superar as desculpas estagnadas para o status quo. Em nossas vozes está a chave da mudança -- assine a petição e divulgue:

http://www.avaaz.org/po/end_the_war_on_drugs_la/?vl

Nós temos uma chance de entrar no capítulo final dessa 'guerra' violenta que está destruindo milhões de vidas. A opinião pública irá determinar se essa política catastrófica será finalizada ou se políticos continuarão a nos usar como desculpa para evitar a reforma. Vamos nos unir com urgência para empurrar nossos líderes para fora da dúvida e do medo, para cruzar a fronteira e entrar no domínio da razão.

Com esperança e determinação,

Luis, Alice, Laura, Ricken, Maria Paz e toda a equipe Avaaz

FONTES:

Drogas e Democracia: Rumo a uma mudança de Paradigma, Comissão Latino-Americana sobre Drogas e Democracia
http://www.drogasedemocracia.org/Arquivos/livro_port_03.pdf

Avaliação da Política sobre Drogas dos Estados Unidos
http://www.drogasedemocracia.org/Arquivos/peter_reuter_portugues.pdf

Drogas. Alternativas à "guerra"
http://www.idpc.net/pt-br/publications/drogas-alternativas-a-guerra

"Guerra às drogas mostrou-se ineficiente", afirma presidente da Fiocruz
http://www.planetaosasco.com/oeste/index.php?/2011051613610/Nosso-pais/guerra-as-drogas-mostrou-se-ineficiente-afirma-presidente-da-fiocruz.html

Inovações Lesislativas em Políticas sobre Drogas
http://comunidadesegura.com.br/pt-br/node/47715

Os maiores massacres promovidos pelo narcotráfico no México
http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2011/05/20/os-maiores-massacres-promovidos-pelo-narcotrafico-no-mexico-924507620.asp

Drogas arrastam mulheres para o comando do tráfico
http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=973987

A insustentável guerra às drogas
http://www.brasildefato.com.br/node/5269

A Comissão Mundial sobre Política de Drogas, que vai pedir à ONU para acabar com a guerra contra as drogas (em Inglês)
http://www.globalcommissionondrugs.org/Documents.aspx


Apoie a comunidade da Avaaz! Nós somos totalmente sustentados por doações de indivíduos, não aceitamos financiamento de governos ou empresas. Nossa equipe dedicada garante que até as menores doações sejam bem aproveitadas -- clique para doar.



A Avaaz é uma rede de campanhas globais de 8 milhões de pessoas
que se mobiliza para garantir que os valores e visões da sociedade civil global influenciem questões políticas internacionais. ("Avaaz" significa "voz" e "canção" em várias línguas). Membros da Avaaz vivem em todos os países do planeta e a nossa equipe está espalhada em 13 países de 4 continentes, operando em 14 línguas. Saiba mais sobre as nossas campanhas aqui, nos siga no Facebook ou Twitter.

OS OUTROS


Os outros

 

 

Dizes trazer o deserto no coração; entretanto, pensa nos outros.

Muitos pisam teus rastros, procurando-te as mãos no grande

vazio...

Pára um pouco e perceberá a presença nas sombras da retaguarda.

Enquanto gritas a própria solidão, compreenderás que a voz

deles está morrendo na garganta, através de longos gemidos.

Volta-te e vê.

Compara os teus braços robustos com os ossos descarnados

que ainda lhe servem de suporte às mãos tristes em que os dedos

mirrados são espinhos de dor. Enxuga o teu pranto e observa os

olhos fatigados que te contemplam... Falam-te a história de esperanças

e sonhos que o tempo soterrou na areia da frustração. Referem-

se ao frio cortante do lar perdido e à agonia da ramagem nas

trevas...

Pára e compadece-te.

Deixa que respirem, ainda mesmo por um momento só, no calor

de teu hálito.

Quem poderá medir a extensão da grandeza de uma simples

semente, caída na terra que o arado martirizou?

A beleza de um minuto nos ensina, muita vez, a povoar de alegria

e de luz a existência inteira.

Diz antiga lenda que uma gota de chuva caiu sobre o oceano

que a tormenta encapelara e, aflita, perguntou:

Francisco Cândido Xavier / Waldo Vieira – O Espírito da Verdade

 

 

 

– "Deus de Bondade, que farei, sozinha, neste abismo estarrecedor?"

O Pai não lhe respondeu, mas, tempos depois, a gota singela

era retirada do mar, convertida numa pérola para adornar a coroa

de um rei.

Dá também algo de ti aos que bracejam no torvelinho do sofrimento,

e, mesmo que possas ofertar apenas um pingo de amor

aos que padecem, tua dádiva será filtrada pelas correntes da angústia

humana e subirá, cristalina e luminescente, na direção dos céus,

para enfeitar a glória de Deus.

Meimei

21


Enviado por Lia Rezak/BA

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Mente focada


 

 

Mente focada

 

"Uma mente focada possui cinco poderes: percepção, atenção plena, injeção, escolha e energia interna. O poder da percepção nos permite ver e entender as coisas verdadeiramente, sem complicação. O poder da atenção plena nos potencializa ao deixar que a mente fique concentrada e também livre de frustração, estresse e raiva. O poder da injeção nos permite energizar os outros com nossa própria positividade, deixando que a boa energia refletida volte para nós, mantendo assim o ciclo positivo. O poder de escolha possibilita primeiro diferenciar o certo do errado, o útil do inútil, para então fazer a opção correta para cada situação. O poder da energia interna aponta para coisas novas, encoraja a mudar o que nos faz sentir desconfortáveis conosco e nos ajuda a desfrutar a vida plenamente."

 

 

Links – BK Brasil:

           

 

Meditações, Palestras e Artigos

clique aqui

 

        Conheça também:

Editora BK  |  Outras mensagens

 

*

Para indicar o recebimento dessas mensagens a um colega, por favor sugerir que acesse

www.bkumaris.org.br/cadastro

**

A Organização Brahma Kumaris

 respeita sua privacidade.

 Caso você não deseje mais receber as mensagens, por gentileza favor enviar email para mensagens@bkumaris.org.br escrevendo "EXCLUIR" na linha de assunto, ou clique aqui.

 

 




Paciência




 

 

 

Paciência

 

"Paciência é uma daquelas virtudes que pode transformar um momento de grande ansiedade num relaxamento tranquilo, uma onda de agitação mental na suave fluidez do rio que a vida pode ser. Na presença de uma pessoa paciente somos envoltos por uma aura de calma como se fôssemos atraídos pela luz serena de sua falta de pressa. Mesmo quando uma pessoa paciente está ocupada, a qualidade de suas ocupações ainda irradia paciência."

 

 

Links – BK Brasil:

           

 

Meditações, Palestras e Artigos

clique aqui

 

        Conheça também:

Editora BK  |  Outras mensagens

 

*

Para indicar o recebimento dessas mensagens a um colega, por favor sugerir que acesse

www.bkumaris.org.br/cadastro

**

A Organização Brahma Kumaris

 respeita sua privacidade.

 Caso você não deseje mais receber as mensagens, por gentileza favor enviar email para mensagens@bkumaris.org.br escrevendo "EXCLUIR" na linha de assunto, ou clique aqui.

 

 







FRASE PARA A VIDA!


Lançamento mundial da 1ª PSICODIGITAÇÃO

 

 

    Meus irmãos _ comunicamos a introdução deste original método de comunicação psicográfica, diretamente no teclado do computador. A comunicação que segue, do espírito Sara, meu guia espiritual, é por de mais explicativa. Sou brasileiro, pernambucano, residente em Recife, com três livros espíritas publicados: O LIVRO QUE LI, O TAQUÍGRAFO DOS ESPÍRITOS e SE... , todos em exibição gratuita no portal Terra, virtualbooks. terra.com. br ou, www.terra.com.br/virtualbooks. Pediria aos amados irmãos, que divulgassem essa nova opção que se abre na comunicação mediúnica e ficamos no Email livrosara.@.gmail.com a disposição para melhores esclarecimentos.

Que a paz de Deus esteja com todos.

 

     Nilson Ferreira de Melo

 

 

     25.12.2010   

     RT_ PRIMEIRA PSICOGRAFIA NO COMPUTADOR

 

     Dia de Natal de 2010; o médium rumou mecanicamente para a sala onde costuma psicografar. No dia anterior, ele tinha numerado manualmente, cinco blocos de papel rascunho, cada um com 100 folhas, que seriam usadas nas psicografias que pretendia realizar. Uma ordem interior o conduziu ao computador e mecanicamente ligou o aparelho. Sentiu vontade de digitar algumas palavras e recebeu, no teclado, esta comunicação, de Sara, por de mais esclarecedora. Qual não foi a sua surpresa ao constatar que os seus três livros impressos e as centenas de psicografias que havia digitado nos últimos dez anos, lhe deram uma velocidade de digitação, bastante apreciável.  Compreendeu que, tudo até então, tinha sido um treinamento, uma capacitação para esse momento.

 

     "Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo. Que sua paz, sua luz, seu amor, estejam em nossos corações, agora e sempre. Sara em nome do Pai.

 

     Meu filho, hoje dia vinte e cinco de dezembro de 2010, as quatorze horas e quarenta minutos, iniciou nesta parte do mundo, o que doravante se chamará psicodigitação. Estamos de muito tempo trabalhando nesse sentido, para acompanhar o desenvolvimento e as modificações que o mundo em que estás, passa. Tudo na vida meu filho tem que cruzar por essas alterações. Tudo evolui; se modifica segue outros parâmetros. A partir deste novo método não precisarás, com tanta necessidade, dos papéis de rascunho, tão difíceis de encontrar, que usaste. Da mesma forma que te inspiraste em abandonar o velho grafite e seguir psicografando com caneta esferográfica e mais tarde voltar novamente ao lápis; desta mesma maneira, estás o abandonando e seguindo para a tradução dos nossos pensamentos, diretamente na tela do computador.

 

     Nestes momentos iniciais, notarás que não há tanta diferença no recebimento de nossas ondas psicofísicas. Observarás que algumas letras sairão truncadas na tua digitalização, mas tudo isto consertarás na datilografia corretiva, que se exigirá a posterior. Não mais precisarás do trabalho enfadonho de numerar as folhas, para gravar os nossos pensamentos e seguir a seqüência, sem embaraços, na hora da tradução. Tudo sairá diretamente no teclado e na tela do computador. É uma inovação, que algum dia será confrontado com a história do Espiritismo na Terra e seu desenvolvimento. Já houve tanta modificação na maneira de escrever e receber as idéias vindas de mentes, fora do corpo humano. No passado usaram-se as mesas girantes, para traduzir os pensamentos emitidos por nós.  _Aperfeiçoou-se com as pranchetas. Veio a psicofonia com maior intensidade, a psicografia... E os métodos foram se aprimorando.

 

     Agora com o advento da informática, que não poderia ficar de fora nesse processo, inicia-se a psicodigitação. É, portanto, meu filho, esta novidade que desejávamos iniciar por teu intermédio; que trabalhaste tanto tempo conosco, sem se aperceber da real importância e finalidade da tua mediunidade, desenvolvida fora dos holofotes da mídia _ criada no anonimato apenas; vês por outra te dando alguns motivos de alegria, porque no íntimo, percebias que não poderias passar pela vida, sem que nada de excepcional fosse dada a humanidade. Ouviste muito as nossas palavras, de que teríamos muitos planos para a tua jornada futura e tudo isto te passou pela memória, apenas como complementação do tempo, que exigia de ti usar teu cérebro em diversas concentrações mentais; mesmo que rápidas e sem uma metodologia fincada aos teus reais objetivos na vida. Variaste entre a ilusão de estar servindo intimamente a uma causa, mas por outro lado, ao ser bombardeado por insinuações desmotivadoras de teus parentes e até atos de pouco crédito, de teus amigos mais íntimos, tu chegaste a admitir que tudo que fizeras até então, nada valia; que tudo que estavas construindo, eram formas de atiçar o teu orgulho interior; a querer ser famoso e conhecido pelos intelectuais ao teu redor.

 

     Meu filho, hoje é uma data muito importante para todos nós da espiritualidade e da Terra. Hoje se inicia no planeta, essa nova era. Percebes que isto que estamos te dizendo chegará a outras pessoas em todo o mundo. Alguns voltarão seus olhos para o nosso trabalho; digo nosso, te incluindo como o responsável para executá-lo na Terra.  Saibas que não mais precisarás contar os termos capitados, pelo numero de folhas compostas em letras de psicografia. Agora tu já tens, na tela do teu computador, quantas palavras foram impressas no trabalho. Com o tempo, assim como no processo anterior, poderás concluir o número de laudas ou termos, que são necessários para uma boa composição.

 

     Parabéns meu filho. Nós te agradecemos todo o trabalho que tiveste, sem vislumbrar o fim; apenas acreditando no que chegava a tua imaginação. Agora, notamos que a ansiedade enceta tomar conta de ti. Que a tua curiosidade, começa a te invadir e exigir que pares, para conferir os resultados. São muitos os pontos, que tens de implantar nesse novo método, que logicamente será aperfeiçoado mais a frente, como tudo se aperfeiçoa com o passar dos anos. Mas, sabemos que estás satisfeito pela tua vitória. O ano vindouro, ainda te trará muitos incentivos. Os meios de divulgação e ampliação desses relatos, já foram concatenados e precisam tão somente, de pequenos retoques para a velocidade, que pretendemos dar a sua divulgação. _Apenas como instrução, pedimos que registrasse em papel esta primeira psicodigitação, do jeito que foi dada, ou melhor, graves também eletronicamente, num arquivo seguro. É muito importante para o futuro. Somente após esses procedimentos, inicies as muitas correções nas palavras, que deverão permanecer dentro do sentido em que foram ditas. Que a paz de Deus esteja contigo e com todos os teus afins e que esta paz, reine com meu espírito. _Sara, em nome do pai."

 

     951 palavras impressas.

 

 

     Médium: Nilson Ferreira de Melo

                     CPF – 005.205.514 – 00

                     CIC _ 352.988 - SSP – PE

 

                     Email: livrosara@gmail.com

 

 

Convite vivência : grupo de encontros


Você é nosso convidado para participar da "vivência grupo de encontro" na próxima sexta-feira, (27/05/11), quando estaremos reunidos num grupo de  pessoas interessadas em autoconhecimento, através da biodanza e técnicas de meditação.
Instituto Quatro Estações 115, Jardim Brasil, Barra - Das 19h00 às 21h00.

Terapeuta / Facilitador: José Carlos Mesquita

Troca de Energia a nível de colaboração: R$30,00 por pessoa

Aguardamos você.

Abraços,



Permita-se!
 
Aproxime-se mais.
Tente sentir do que um abraço é capaz.
Quando bem apertado, ele ampara tristezas, sustenta lágrimas,
combate incertezas, põe a nostalgia de lado.
É até capaz de amenizar o medo.
Se for cheio de ternura ele guarda segredos e jura cumplicidade.
 
Um abraço amigo de verdade divide alegrias e se apraz em comemorações.
 
Abraços são pequenas orações de fé, de força e energia.
Olhe para o lado.
Há sempre alguém que quer ser abraçado e não tem coragem de dizer.
Enlace-o!
O pior que pode acontecer é ganhar de volta um sorriso de carinho ou, 
quem sabe, uma palavra sincera.
Você vai descobrir que ninguém está sozinho e que a vida pode ser
um eterno céu de primavera.
 Autor desconhecido.
 
 
Atenciosamente,
Simone Garcia

Visite o blog: http://toquedoanjo.blogspot.com/

 
 
 



--
Manoel Trajano
Eng.Civil e de Segurança do Trabalho
+55-71-9155-0556/8800-7713
e-mail/Gtalk :trajanomanoel@gmail.com
Msn: engmtrajano@hotmail.com
Twitter: http://twitter.com/manoeltrajano
Site: http://segurancadotrabalhoedavida.blogspot.com
Currículo Lattes:http://lattes.cnpq.br/8895443035893319 




terça-feira, 24 de maio de 2011

MENSAGEM



 

 

 

 

O repouso  necessário para o corpo e para a

mente.

Tem cuidado, porém, a fim de que ele não se

te converta em ociosidade, em preguiça.

É justo que, ao trabalho suceda o refazimento

de energias, através da variação de atividade

ou do repouso, do sono.

As muitas horas de descanso, todavia, violentam

o caráter moral do homem e desarticulam

as fibras e músculos orgânicos destinados

ao movimento, à ação.

Repousa, pois, o tempo suficiente e não em

demasia.
         DIVALDO FRANCO - JOANNA DE ÂNGELIS


Enviado por Lia Rezak/BA

segunda-feira, 23 de maio de 2011

CONVITE DA BRAHMA KUMARIS - PALESTRA (Salvador/ Bahia)





Palestra, dia 24/05/2011 (terça feira), às 19 horas. 

 

Tema: Entendendo a si mesmo e aceitando os outros.

  

Palestrante: Alex Pochat – Músico e Professor da Brahma Kumaris

 

 

Entrada Franca

BRAHMA KUMARIS - PITUBA
R. Alexandre de Humboldt 212
3345-6564 / 9152-8804
pituba@br.bkwsu.org
Site internacional: www.bkwsu.org
Site nacional: www.bkwsu.org/brasil



__._,_.__



Seminário: Conflitos Existenciais (29/05/2011)



 

Queridos amigos

A Fraternidade Espírita Irmã Scheilla - Feis tem o prazer de convidá-los a participarem do Seminário Conflitos Existenciais.
O Seminário será apresentado por Solange Meinking e será realizado no dia 29/05/2011 (Domingo), na sede da Feis, das 09:00hs às 13:00hs.

Os ingressos podem ser adquiridos na sede da Feis por apenas R$15,00.

O que: Seminário Conflitos Existenciais
Temas: Relacionamentos Familiares, Drogas, Sexo, Stress.
Quando: 29/05/2011, das 09:00 às 13:00hs
Ingresso: R$ 15,00 (O ingresso pode ser adquirido na Livraria da Feis)

Local: Fraternidade Espírita Irmã Scheilla. Rua Ana Beatriz Mascarenhas, nº200, Salvador-Bahia. O mapa está em anexo.
Telefone da Feis: 71-3354-5457

Grande abraço para todos,
Adriana.



HOMENAGEM DO GRUPO IRMÃOS DE LUZ À BEM AVENTURADA DULCE DOS POBRES

Salve a Beata Irmã Dulce da Bahia.

Abraço,

Trajano

SEMINÁRIO NO CEPE. (Salvador/ Bahia)

 



O Centro Espírita Paulo e Estevão convida a todos para o

SEMINÁRIO : CASAMENTO E DIVÓRCIO NA VISÃO ESPÍRITA

Com OSCAR CALMON

Data :29 de MAIO DE 2011– Domingo.

Horário: das 8:30 às 12:00h.

Ingressos na Livraria do CEPE.

Mais informações no CARTAZ em anexo.
 
Participem e divulguem!
 
Sueli Lemos
Departamento Doutrinário

CEPE - Centro Espírita Paulo e Estevão - 71- 3248-8320. 




CONVOCAÇÃO ESPIRITUAL!


 

CONVOCAMOS TRABALHADORES PARA  PRESTAREM
 
ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL   junto ao INCA.
 
                         _ Aos  trabalhadores  de boa vontade!  
                         
O   Instituto Nacional do Câncer  criou seu N.A.V.E _ Núcleo de Assistência Voluntário Espiritual, do qual todas as casas religiosas tomam parte, inclusive a nossa, ESPÍRITA!
Este trabalho destina-se ao Atendimento Fraterno de  pacientes, acompanhantes, funcionários entre outros, e, fazem plantões na capela (Espaço Ecumênico).  Neste particular, rogamos aos caríssimos  amigos a gentileza de divulgarem  procedimentos, horários, endereços, telefones, etc.
1)    – Quem pode participar?  Espíritas (médiuns ou não ), simpatizantes, outros.
2)    – Horários: CAPELA _ às terças-feiras, das 10 às 12h  e domingos, de 15 às 17h, com leitura do Evangelho Segundo o Espiritismo, com comentários, preces, passes, etc.

Informações adicionais,  ás sextas-feiras, de 9 às 17h, pelo (21) 2506-6718, ou  8877-0899 (Edison), ou 8662-1841( Aparecida)

Local: Pçª Cruz Vermelha,s/nº,  4º andar, Centro - RJ                                      

Enviado por Marcia Braga/RJ



ABERTO! Seminário Rosacruz



 
Setor de Divulgacao - AMORC SP1
Seminário de Educação Rosacruz

Destinado a todos os interessados nos processos de formação do indivíduo 

 

Utopia Rosacruz

 

Deus de todos os seres humanos, Deus de toda vida,

Na Humanidade com que sonhamos:

Os políticos são profundamente humanistas e trabalham a serviço do

bem comum.

Os economistas gerem as finanças dos Estados com discernimento e no

interesse de todos,

Os sábios são espiritualistas e buscam sua inspiração no Livro da Natureza,

Os artistas são inspirados e expressam em suas obras a beleza e a pureza do Plano Divino,

Os médicos são motivados pelo amor ao próximo e cuidam tanto das almas quanto dos corpos,

Não há mais miséria nem pobreza, pois cada qual tem aquilo de que precisa para viver feliz,

O trabalho não é mais vivenciado como uma coerção, mas como uma fonte do desabrochar e de bem-estar,

A natureza é considerada como o mais belo dos templos e os animais como nossos irmãos em via de evolução,

Há um Governo mundial, formado pelos dirigentes de todas as nações,

trabalhando no interesse de toda a Humanidade,

A espiritualidade é um ideal e um modo de vida que têm sua fonte numa Religião universal, baseada mais no conhecimento das leis divinas do que na crença em Deus,

As relações humanas são fundadas no amor, na amizade e na fraternidade, de modo que o mundo inteiro vive em paz e harmonia.

Assim seja!

 
 

CLIQUE AQUI E SE INSCREVA AGORA MESMO!!!

 
Aceite esse convite especial...
Saudações Fraternais, 
 

Ensinar ou Educar?

 

O mundo precisa de um novo indivíduo: Um indivíduo mais solidário e autônomo, capaz de encontrar e ampliar espaços de ação e assumir a tarefa de construir e dirigir a própria vida.

 

A sociedade e o planeta precisam de pessoas

assim. Fazer surgir esses novos indivíduos é uma tarefa para a educação.

 

Certamente, não se trata da educação como nós estamos

acostumados a trabalhar, sobrecarregada com a tarefa de formar profissionais competentes e cidadãos produtivos.

Falamos, na verdade, de uma educação que promova o pleno desenvolvimento do potencial existente em todo ser humano - uma educação para enfrentar os grandes desafios do nosso século.

 

Pensamos em uma educação que a Ordem Rosacruz, com sua tradição e conhecimento, tem condições de proporcionar.

 

Ensinar ou Educar?

 

Se você também está interessado em debater esse tema e busca oferecer respostas criativas e desafiadoras, está convidado a participar do Seminário de Educação Rosacruz que acontecerá nos dias 3, 4 e 5 de junho, na Morada do Silêncio Chaminé da Serra em Quatro Barras, Paraná.

 

No silêncio e harmonia da Morada poderemos lançar as sementes de uma nova forma de pensar a Educação.

 



--
"O bem que fizeres em um lugar será teu advogado por toda parte." (Emmanuel) 



--
Enviado por Marcia Braga/RJ




domingo, 22 de maio de 2011

PACIÊNCIA


9 – PACIÊNCIA.

Espírito: EMMANUEL.

Onde estejas, apresentar o nome que te assinala, a idéia que te dirige, a roupa que te

acolhe e os sinais que te identificam.

Em teu benefício próprio não olvides carregar onde fores a energia da paciência que te

garanta a serenidade.

Se alguém te anuncia catástrofes iminentes, qual se trouxesse na boca o vozerio das

trevas, ouça com paciência e perceberás que a vida permanece atuante, acima de

todas as calamidades, à maneira do sol que brilha invariável, sobre todos os

aguaceiros.

Quando a provação te visite, a modo de ventania destruidora, sofre com paciência e

colherás dela renovado vigor semelhante à árvore que se refaz pela angústia da poda.

Diante do golpe que te alcança as fibras mais íntimas, suportam com paciência as

dores do reajuste e cicatrizarão valorosamente as chagas do coração conquistando os

louros da experiência.

Padeces inesperada injúria dos entes amados que te devem carinho, no entanto, passa

por ela com paciência e, amanhã, ser-te-ão mais afeiçoados e mais amigos.

Tolera a deserção de companheiros queridos que te deixam nas mãos o sacrifício de

duras tarefas acumuladas, contudo, prossegue com paciência no trabalho que o mundo

te reservou e mais tarde, teus ideais e serviços se erigirão por alimento e refúgio em

favor deles mesmos.

Irritação é derrota prévia.

Queixa é adiamento do melhor a fazer.

Reclamar é complicar.

Censurar é destruir.

Em todos os males que te firam, usa a dieta da paciência assegurando a própria

restauração.

E toda vez que sejamos induzidos a condenar alguém por essa ou aquela falta,

inventariemos nossas próprias fraquezas e reconheceremos de pronto que nos

encontramos de pé, em virtude da paciência inexaurível de Deus.


Enviado por Lia Rezak/BA

sábado, 21 de maio de 2011

MENSAGEM

 

 

A presença do ciúme no teu comportamento

é sinal de desequilíbrio.

O ciúme jamais será o sal temperando o amor.

Desconfiança e insegurança significam a

manifestação do ciúme.

Quando ele se introduz na afetividade provoca

o surgimento de pesadelos e perturbações

prejudiciais.

Supera as insinuações ciumentas na tua conduta,

amando com tranqüilidade e confiando

em paz.

Se a pessoa amada não te corresponder à expectativa,

segue adiante, porque o prejuízo é

dela.

           DIVALDO FRANCO-JOANNA DE ÂNGELIS



Enviado por Lia Rezak/BA



A FASCINAÇÃO E OS MÉDIUNS-BLOG ANÁLISES ESPÍRITAS






FONTE:HTTP://ANALISESESPIRITAS.BLOSPOT.COM

O BLOG QUE PENSA O ESPIRITISMO

Alerta contra a fascinação

 

 

Kardec informa, em O Livro dos Médiuns, que diante das diversas dificuldades que a prática do Espiritismo apresenta, precisamos colocar em primeiro plano o problema da obsessão. A palavra obsessão assume, assim, a função de termo genérico que designa o conjunto de características diversas resultantes do grau de constrangimento e da natureza dos efeitos que produz e que precisamos distinguir com precisão, cujas principais variedades são: a obsessão simples, a fascinação e a subjugação.

 

A obsessão simples é a forma de influenciação mais comum e de mais fácil diagnóstico e cura; a subjugação é o seu oposto, pois ela é um envolvimento que produz a paralisação da vontade da vítima, fazendo-a agir mesmo contra a sua vontade. Entretanto, neste estudo, nosso interesse maior é na problemática fascinação.

 

A fascinação define Allan Kardec, "trata-se de uma ilusão criada diretamente pelo Espírito no pensamento do médium e que paralisa de certa maneira a sua capacidade de julgar as comunicações. O médium fascinado não se considera enganado. O Espírito consegue inspirar-lhe uma confiança cega, impedindo-o de ver a mistificação e de compreender o que escreve, mesmo quando este salta aos olhos de todos" [1].

 

Os efeitos conseqÃ?entes da fascinação são muito graves porque é graças a essa ilusão criada pelo espírito sobre o fascinado que pode levá-lo a aceitar as doutrinas ou teorias mais absurdas, como sendo a única expressão da verdade levando-o, ainda, a atitudes ridículas, comprometedoras e, até, muito perigosas.

 

É por isso que J. Herculano Pires afirma que "no meio espírita ela se manifesta de maneira ardilosa através de uma avalanche de livros comprometedores, tanto psicografados como sugeridos a escritores vaidosos, ou por meio de envolvimento de pregadores e dirigentes de instituições que se consideram devidamente assistidos para criticarem a Doutrina e reformularem os seus princípios" [2].

 

Assim sendo, é natural observar-se que na fascinação o espírito deve ser muito inteligente, ardiloso e profundamente hipócrita, pois, só assim conseguirá enganar e impor-se usando uma máscara e uma falsa aparência de virtude, usando as palavras caridade, humildade e amor como 'carta de fiança' para ser aceito.

 

O que desejam é impor a sua opinião e para isso procuram médiuns crédulos o suficiente para aceitá-los de olhos fechados. Eles são os mais perigosos pelo fato de não vacilarem em sofismar para melhor impor as mais ridículas utopias.

 

Normalmente utilizam uma linguagem empolada, mais superficial que profunda e cheia de termos técnicos, enfeitada com grandiosas palavras como Caridade e Moral, evitando inteligentemente os maus conselhos para que seus enganados possam dizer: observem que nada dizem que seja mau. Fica claro que os enganadores têm de misturar o joio e o trigo, pois de outra forma seriam repelidos.

 

  1. Um fato interessante é que os espíritos desta classe (ver Escala Espírita [5]) são quase sempre escritores. É por isso que procuram médiuns flexíveis, que escrevam com facilidade, para poder transformá-los em dóceis instrumentos e, acima de tudo, verdadeiros entusiastas de suas ideias. Eles procuram compensar sua falta de qualidade pela quantidade de palavras, em escritos verdadeiramente volumosos, muitas vezes indigestos, num claro exemplo de prolixidade. Os espíritos verdadeiramente superiores são sóbrios nas palavras porque sabem dizer muita coisa usando poucas linhas e provando que devemos desconfiar sempre de toda fecundidade prodigiosa.

 

Aliás, sempre que se tratar da publicação destes tipos de escritos nunca será demais a prudência, pois as inúmeras utopias e excentricidades são um entrave enorme para todos aqueles que se iniciam no Espiritismo, dando-lhes uma ideia equivocada do que ele seja, desviando a atenção dos neófitos tanto dos princípios fundamentais espíritas quanto de suas inevitáveis conseqÃ?ências.

 

Pelo fato de que a obsessão propriamente dita só acontece quando o Espírito afasta voluntariamente todos aqueles que o poderiam ameaçar, impondo ao médium um isolamento que o impediria de ser alertado do engano a que se submete, é oportuno ressaltar que os bons Espíritos jamais se impõem, recomendando sempre que examinemos as comunicações, mediúnicas ou não, sob controle da razão e da lógica mais severa.

 

Outro fato digno de nota é que quando o Espírito vê que suas mensagens não são aceitas cegamente como queria, sendo submetidas à análise e discussão, além de não deixar o médium, redobrando suas forças para reter o fascinado, ainda pode sugeri-lo o pensamento de afastar-se do grupo, ou instituição espírita a que está ligado, quando não chega mesmo a impor como condição para o 'sucesso' do médium criar sua própria instituição, ou grupo de estudos, para dar prosseguimento aos seus 'trabalhos' e livros 'reveladores'.

 

É por isso que todo médium, ou indivíduo, que, ao ouvir uma crítica a tais mensagens se irrita, aborrece ou embirra com as pessoas que não participam da sua admiração, que acha que suspeitar do seu obsessor é quase uma profanação não faz mais do que representar o desejo do fascinador, faltando somente que se ponham de joelhos ante as suas palavras para satisfazê-lo ainda mais.

 

Esse isolamento nunca é bom, pelo simples fato de que o médium fica sem possibilidades de controle sobre tudo o que recebe por sua psicografia. Pois quando o processo obsessivo é de origem 'simples' o médium está, geralmente, em condições de iniciar, ele mesmo o trabalho de 'conversão' do Espírito obsessor. Entretanto, na fascinação é o contrário, pois o Espírito pode adquirir um controle sobre a vítima sem limites. Reverter este quadro nem sempre é fácil, pois o fascinado se torna surdo a qualquer tipo de raciocínio, podendo chegar, até mesmo, a duvidar da Ciência quando o Espírito comete alguma heresia científica.

 

Deve o médium, se não quiser ser enganado, buscar esclarecer-se através da opinião de terceiros, bem como estudar todos os gêneros de comunicações, para poder aprender a compará-las. Pois se limitando somente ao que recebe, por mais sublimes que pareçam, fica exposto a enganar-se quanto ao seu valor, considerando-se que ele, o médium, não conhece tudo.

 

Não é à toa que, das nove características citadas por Kardec para se reconhecer uma obsessão [3], pelo menos quatro são facilmente observáveis em muitos médiuns, inclusive alguns famosos, nos dias de hoje:

 

<!--[if !supportLists]-->1) <!--[endif]-->Ilusão que, não obstante a inteligência do médium, o impede de reconhecer a falsidade e o ridículo das comunicações recebidas;

<!--[if !supportLists]-->2) <!--[endif]-->Crença na infalibilidade e na identidade absoluta dos Espíritos que se comunicam e que, sob nomes respeitáveis e venerados, dizem falsidades e absurdos;

<!--[if !supportLists]-->3) <!--[endif]-->Disposição para se afastar das pessoas que podem esclarecê-lo; e

<!--[if !supportLists]-->4) <!--[endif]-->Levar a mal a crítica das comunicações que recebe.

 

A obsessão é como já foi dito, um dos maiores escolhos da mediunidade, sendo um dos mais freqÃ?entes, principalmente a fascinação, nunca sendo demais todas as providências tomadas para combatê-la.

 

É por isto que devemos ter sempre em mente este conselho de São Luís, quando nos encontrarmos em dúvida quanto à qualidade ou identidade de algum espírito: "por mais legítima confiança que vos inspirem os Espíritos [...], há uma recomendação que nunca seria demais repetir e que deveis ter sempre em mente ao vos entregardes aos estudos: a de pesar e analisar, submetendo ao mais rigoroso controle da razão todas as comunicações que receberdes; a de não negligenciar, desde que algo vos pareça suspeito, duvidoso ou obscuro, de pedir as explicações necessárias para formar a vossa opinião" (grifo nosso)[4].

 

Pois é, a experiência ensina, além disso, que não devemos tomar muito ao pé da letra certas expressões usadas pelos Espíritos, pelo simples fato de que se as interpretarmos segundo as nossas ideias nos expomos a enormes decepções e enganos. É por isso que precisamos analisar e aprofundar o sentido das suas palavras quando apresentam a menor ambigÃ?idade. Só assim estaremos a salvo dos Espíritos pseudossábios e da problemática fascinação.

 

 

Referências:

[1] Kardec, Allan. O Livro dos Médiuns. Tradução da 2ª edição francesa por J. Herculano Pires. São Paulo – LAKE, 2004, cap. XXIII, item 239, p. 217.

[2] Idem, ibidem. Nota de rodapé.

[3] Idem, ibidem. Item 243, p. 219.

[4] Idem, ibidem. Item 266, p. 236.

[5] Idem. O Livro dos Espíritos. Tradução de José Herculano Pires, revista e anotada. 7ª Ed. São Paulo, LAKE, 2003. Livro segundo, capítulo I, item VI, q. 104.

 

* Artigo publicado na Revista Internacional de Espiritismo, edição de Junho de 2010.

 

Postado por Anderson às 01:15




Enviado por Bira Costa/BA


PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com