segunda-feira, 25 de maio de 2009

QUANTO MAIS EU REZO...

É antigo e verdadeiro o ditado que diz "Quanto mais eu rezo mais assombração me aparece",pois que nos faz pensar o que é a assombração,e porque a reza ou a prece que é algo positivo atrairia algo negativo.
Pois bem, a assombração na verdade é quando de fato estamos sendo testados,provados naquilo que pedimos e nos comprometemos,ou seja,se estamos tentando mudar para melhor para sermos pacientes,amorosos,solidários vamos ser provocados,perturbados,solicitados a prática do perdão,do bem,da caridade não que a vida seja um constante teste,mas sim porque para toda a ação há uma reação e dentro do nosso aprendizado constante que é a Vida,os espíritos do bem,amorosos,que acompanham nossa escalada em busca da melhoria contínua nos remetem através do livre arbítrio às condições de redenção àquilo que nos propomos. Quando estamos empenhados no bem,na ajuda,na solicitude a alguem,um grupo,uma causa,incomodamos muitas vezes aqueles que nao tem interesse em mudar e as reaçoes são as mais variadas,desde mais sutis até as mais agressivas,como os encarnados os desencarnados tambem tem pontos de vista,interesses,posições e assim temos que ter determinação,persistencia e convencimento pelo exemplo do porque da nossa busca,tendo a paciencia,a resignação e a humildade necessária para nao se deixar abalar.
Assim é a caminhada dos trabalhadores da Casa Espírita,de qualquer setor dela,e os efeitos não são apenas la dentro,nosso dia é de vigilancia sempre e como somos testados inclusive dentro de casa ou pelos nossos entes queridos invigilantes,e nossos laços afetivos(amigos,namorados,conjuges). E no trabalho, na rua.Não é tarefa fácil se propor a fazer o bem.Tem dias que por telefone,e-mail,pessoalmente somos bombardeados,sucumbimos,passamos mal mas a caminhada elevando o pensamento ao Pai tem que ser forte,ainda mais quando estamos perto de realizar algo de bom em prol do coletivo,seja numa Palestra,seja numa reunião mediúnica,seja num Seminário ou Congresso.
Não temos como atuar sobre o livre arbítrio dos outros,mas temos como nos proteger pela Oração e Vigilancia,sempre. As perturbações tentam nos atingir através daqueles mais vulneráveis e que são muitas vezes nosso calcanhar de Aquiles,pela cumplicidade que nós temos,pela afetividade,pela conexão e daí temos que manter a serenidade necessária para não entrar na sintonia. Ninguem disse que a caminhada seria fácil. "Deus não escolhe os capacitados,capacita os escolhidos".
Respira,ora,se acalma e segue pois que os frutos haverão de ser colhidos a partir da persistente semeada no caminho.

Nenhum comentário:

PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com