sábado, 8 de maio de 2010

Dia das Mães


 
 





 
Amor de Mãe

por Maria Cristina - tina.lc@hotmail.com

Maio chegando, mês das mães, de Maria, mês das noivas, tempo abençoado por uma suavidade amorosa que sempre me toca profundamente, cada ano de forma especial, diferente.

Enquanto vivemos tempos tão difíceis, de muita violência, de catástrofes, de aumento no consumo das drogas entre os adolescentes, eu me lembro dessas mulheres que são mães e que tanto sofrem, diante de filhos problemáticos, agressivos, viciados, mortos, agredidos, desacreditados, trancafiados em prisões fétidas e desumanas... E peço ao Deus de Amor que as abençoe e que cure as feridas de seus corações, da forma que só Ele pode e sabe como.

Mães que desculpam as atitudes de seus filhos, apesar de reconhecê-los culpados de muitos erros. Mães que choram sem parar pedindo-lhes uma mudança de comportamento, muitas vezes sendo vítimas de espancamentos e agressões por parte de seres que elas ajudaram a trazer a este planeta.

Só um coração de mãe pode amar este filho desviado do Bem e tão desequilibrado. Mas ela é capaz de amá-lo, apesar de tudo. Ela acredita que um dia ele pode vir a se modificar e pede a Deus por aquele que todos tratam como se fosse um verdadeiro monstro.

Este amor incondicional é o bálsamo para as feridas profundas que existem em todos nós. Muitas que apareceram nesta nossa vida atual, outras que trouxemos conosco, ao nascermos mais uma vez no planeta. Só esta energia amorosa divina tem o dom de transformar o joio em trigo...

Homenageando as mães, neste mês de maio a elas consagrado, penso não apenas naquelas que sorriem vitoriosas, por terem tido a glória de ter filhos perfeitos fisicamente, que mesmo lutando, estão vivendo de forma equilibrada.

Lembro-me dessas heroínas na desventura e na dor, que acompanham a tortura sofrida por seus filhos vivendo em penitenciárias, das que vivem a suplicar um pouco de paz, convivendo com filhos viciados, nas que receberam filhos doentes desde o berço e a quem cumulam de carinho e atenção, buscando a todo custo que venham a conquistar uma vida mais digna no futuro, apesar de suas limitações.

Enfim, quando soubermos de mais um crime hediondo, praticado por qualquer ser humano, aqui ou em outro país, lembremos de fazer uma prece por sua mãe, que na sua dor sabe que muito pouco pode fazer para impedir o sofrimento de seu filho, que está sendo punido justamente por erros cometidos.

Quando me refiro às mães, não estou me esquecendo dos pais que também amam incondicionalmente. Penso que, por mais errado que alguém o seja, sempre é amado por alguém, que sofre por ele, que ora por ele, que torce por seu reajuste e transformação. É por todos esses seres amorosos que peço a Deus que dê força e esperança em dias melhores, pois esta dor de que falo é muito profunda e inesquecível!

Feliz mês das Mães para todos os que amam e por isto são capazes de perdoar, de se compadecer, mesmo diante das piores circunstâncias! 



Enviado por Maria Luíza/BA

Nenhum comentário:

PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com