quarta-feira, 4 de maio de 2011

PRESENTE DIVINO


Presente Divino


Aproximava-se o dia das mães, sem emprego e dinheiro para comprar uma
lembrança para a minha mãe, as horas se passavam eu estava preocupado
porque não tinha comprado nada para ela, ouvia os meus colegas,
camaradas e vizinhos dizendo que já tinham comprado os presentes de
suas mães eram bonitos e eles sabiam que elas iam gostar muito.
Todos sorridentes, eu de cabeça baixa, pensando comigo mesmo o que
deveria fazer.
Queria ofertar a minha mãe um presente que tivesse valor material. De
repente, me dei conta que andava pelas ruas sem destino, avistava
tantas crianças brincando, trabalhando, outros pedindo ajuda com as
suas mães a quem passava, para sobreviver neste mundo de meu Deus, sem
se preocupar se era véspera ou dia das mães.
Observava uma senhora, que estava sentada em um canto, parecendo que
ela sabia o que eu estava pensando naquele momento. Ela se aproximou
de mim, parou na minha frente toda rasgada e suja e pedindo-me um
abraço. Pensei, um pouco sem graça e sem jeito e abracei-a sem
preconceito, ela sorriu, senti o seu semblante modificar após o
abraço, ela tirou de um saco uma rosa que guardava com tanto amor,
chamou-me de meu filho, dizendo: " leve está rosa e ofereça a sua mãe,
ela vai gostar muito." Agradeci, sai correndo radiante de alegria com
a rosa na mão e quando cheguei em casa, guardei-a com todo amor.
No dia seguinte acordei cedo, feliz e sorridente, peguei a rosa que
estava tão bonita, parecendo que tinha colhido da roseira aquela hora.
Chamei a minha mãe e falei: " não tenho ouro nem prata para lhe
ofertar, só está rosa que ganhei com muito amor e lhe ofereço de todo
coração." Ela abraçou-me e beijou-me dizendo " Meu filho! O maior
presente que eu poderia ganhar, Deus já me deu: é você meu filho."
Naquele instante parei e refleti! O que importa, não são os bens
materiais e sim os espirituais. Não contive as lagrimas e a emoção,
gritei para todos que passavam na rua, " meu Deus! Abençoe aquela
mulher, e a minha mãe e a todas as mães deste mundo."


Feliz dias da Mães.

Edelson


( Obs).  Este poema é de minha outoria.


EDELSON PEREIRA
Centro Espírita Deus dos Sofredores-Bairro Guarany/Liberdade-Salvador-Bahia

Nenhum comentário:

PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com