quarta-feira, 6 de junho de 2012

Assine a Folha Espírita - newsletter 05 - junho de 2012





Folha Espírita - newsletter junho de 2012
Se a mensagem não estiver legível, acesse este link.


Edição de junho / 2012

E ainda:
O feto e o espírito
Violência estimulada nos lares
Capelania espírita
A soberba, uma fragilidade moral
A morte como castigo
10 anos sem Chico Xavier...


Neste mês, no qual se completam dez anos da desencarnação de Chico Xavier, a Folha Espírita faz uma reflexão sobre uma das grandes mensagens deixadas pelo médium, registrada no livro Chico, de Francisco, de Adelino da Silveira, da Editora CEU:

"É preciso que nós, os espíritas, compreendamos que não podemos nos distanciar do povo, porque o Espiritismo veio para o povo, e com ele dialogar. É indispensável que estudemos a Doutrina Espírita junto com as massas, que amemos todos os companheiros, mas, sobretudo, os mais humildes, social e intelectualmente falando, e deles nos aproximemos com real espírito de compreensão e fraternidade. É preciso fugir da elitização que ameaça o Movimento Espírita", disse o médium.

A reflexão está na integra na edição de Junho/2012.


EDITORIAL
O relato de Xuxa

O psicólogo clínico e mestre em Saúde Coletiva Rossandro Klinjey avaliou, após a repercussão do depoimento de Xuxa no Fantástico, na Rede Globo, no último mês, quando a apresentadora relatou ter sido vítima de abuso sexual até os 13 anos de idade, que o fato, por mais absurdo que possa parecer, é um evento relativamente comum. Em artigo escrito no site Paraíba On-Line, o colega espírita afirma que no final do século passado, e sobretudo com o avanço das psicoterapias, houve um crescimento na cultura confessional, fazendo vir à tona essa tragédia que se abate sobre a sociedade, seja no seio das famílias, nas igrejas ou escolas, atraindo o interesse crescente da mídia, no cinema, televisão, jornais e novelas, o que tem chamado cada vez mais a atenção do público de uma forma geral. Leia mais, clique aqui.

Hélio Bicudo
"Responde por homicídio quem
determinar  a morte de uma criança
parcial ou totalmente anencéfala."
- alerta
o jurista.
ENTREVISTA

"O Poder Judiciário não pode substituir o Legislativo"

Jurista, político e ativista dos Direitos Humanos, Hélio Bicudo foi deputado federal e vice-prefeito de São Paulo.

Desde 2003 preside a Fundação Interamericana de Defesa dos Direitos Humanos.

Em entrevista à Folha Espírita, ele fala da decisão recente do Supremo Tribunal Federal em relação ao aborto do anencéfalo. Leia entrevista na integra na página 12.

Promoção de aniversário

Mais informações: www.folhaespirita.com.br - (11) 5585.1977


Caso você não queira mais receber e-mails desse remetente ou se esse e-mail não foi solicitado, descadastre-se.

If you do not wish to receive any more e-mails from this sender or if this is an unsolicited e-mail, unregister here.


Nenhum comentário:

PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com