domingo, 20 de janeiro de 2013

DOCUMENTÁRIO - MULHERES LÍDERES DO CANDOMBLÉ - Salvador-Bahia

Curtir página
MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O DOCUMENTARIO…

Mulheres líderes do Candomblé são protagonistas em
Documentário que será lançado nesta segunda (21)

Na próxima segunda-feira (21), será lançado o documentário "Mulheres de Axé: vozes contra a intolerância", às 19h, no Ilé Òsùmàrè Aràká Àse Ògòdó (Casa de Òsùmàrè – Vasco da Gama), em Salvador. Realizado pelo Coletivo de Entidades Negras (CEN), o filme documenta a história de mulheres religiosas do Candomblé, a exemplo de Mãe Stella, Makota Valdina Pinto e a yalorixá Jaciara Ribeiro, símbolo da luta contra a intolerância religiosa no estado.

O documentário traz depoimentos que situam o publico no debate sobre a intolerância, mesclando com as histórias de vida de personalidades que empenham esta luta em seu dia-a-dia e abordando o significado do dia 21 de janeiro, as dificuldades enfrentadas em suas vidas pessoais por serem do Candomblé, suas experiências vividas com empreendedorismo como mecanismo de sobrevivência. A data, oficializada pela Lei nº 11.635 como Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa é emblemática para o povo de santo por homenagear a Ialorixá Gildásia dos Santos e Santos, a Mãe Gilda, que teve seu Terreiro, no bairro de Itapoã, invadido por evangélicos em ato de intolerância religiosa, em 2001.

Projeto - O filme integra o projeto "Mulheres de Axé", catálogo ilustrativo que retrata a história de 150 Terreiros de Candomblé em Salvador, liderados por mulheres (Ialorixás), com o intuito de promover a trajetória biográfica destas sacerdotisas em torno da manutenção da crença africana em solo brasileiro. O projeto é assinado pelo CEN e pelo Ilê Axé Abassá de Ogum e conta com o apoio da Secretaria de Políticas para as Mulheres do Estado (SPM), da Promoção da Igualdade (Sepromi) e Casa Civil.

O documentário "Mulheres de Axé" conta ainda com depoimentos da professora Vanda Machado, egbomi do terreiro Ilê Axé Opô Afonjá, Rita Santos presidente da Associação das Baianas do Acarajé (ABAM), Egbomy Nice, do Terreiro da Casa Branca, a ialorixá do Gantois, Mãe Carmen e a empreendedora Alaíde do Feijão. A trilha sonora é da cantora Marcia Short.

Lançamento do documentário "Mulheres de Axé: vozes contra a intolerância"
Dia 21 de janeiro (segunda-feira), 19h
Local: Ilé Òsùmàrè Aràká Àse Ògòdó (Casa de Òsùmàrè – Vasco da Gama) Salvador/Ba
Quem: Coletivo de Entidades Negras (CEN)
Contato para entrevistas:
Marcos Rezende, coordenador do CEN.
Tel.: (71) 8813-9905/9659-9093/9225-9992
Ialorixá Jaciara Ribeiro – Ilê Axé Abassá de Ogum
Tel.: (71) 8804-4528

Nenhum comentário:

PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO YAHOO GRUPOS:
Assinar irmaosdeluz

Desenvolvido por br.groups.yahoo.com